INÁCIO RODRIGUES (1946 - )

Pintor, desenhista, entalhador e gravador, Inácio Rodrigues de Oliveira é natural de Acaraú, CE. Assina Inácio Rodrigues. Iniciou-se em pintura como autodidata (1957). Viajou para diversos países da América Latina (1960-1965) com o objetivo de participar de exposições e acabou se fixando, em 1966, no Rio de Janeiro. Pintou a cúpula da Catedral Municipal e o Hotel Porto Velho em Porto Velho, RO (1962 e 1965). Expôs individualmente em diversas capitais brasileiras e também no exterior. Participou de muitas mostras e Salões oficiais como: Salão Nacional de Arte Moderna, RJ (1968, 1969, 1970 - Prêmio, 1973, 1975 – Prêmio Viagem ao País); Salão Paranaense, Curitiba – PR (1968, 1971 - Prêmio); “Três Aspectos do Desenho Contemporâneo Brasileiro” - exposição itinerante por São Domingos, Panamá, Bogotá, Quito e Lima (1968 – 1969); “Jovem Arte Contemporânea”, MAC - SP (1970); Salão de Arte Contemporânea de Campinas, Campinas – SP (1970, 1971 – Prêmio, 1972 - Prêmio); Salão Nacional de Arte Contemporânea de Belo Horizonte, BH – MG (1971, 1972, 1975 – Prêmios Prefeitura de Belo Horizonte); Salão de Artes Plásticas de Santa Catarina, Florianópolis, SC (1972 – Prêmio); Salão promovido pelo Clube Espanhol, RJ (1973 – Prêmio Viagem à Espanha); Salão Fluminense de Belas Artes, Niterói – RJ (1974 – Prêmio); Bienal Internacional de São Paulo (1973, 1977); Panorama da Arte Atual Brasileira, MAM – SP (1977); “Arte Agora I”, MAM – RJ (1976); “15 Jovens Artistas do Brasil”, MAB – FAAP, SP E MAM, Buenos Aires – Argentina (1978); Salão de Belas Artes da Fundação Mokiti Okada, SP (1997); entre outras. JULIO LOUZADA VOL. 1, PÁG. 834; VOL. 4, PÁG. 959; VOL. 12, PÁG. 345; TEIXEIRA LEITE PÁG. 450. WALMIR AYALA VOL. 2, PÁG. 259; MEC VOL. 4, PÁG. 91; ITAU CULTURAL; ACERVO FIEO; www.artprice.com.