MANOEL KANTOR (1911 - )

Pintor e desenhista argentino, especialista em caricaturas políticas, inspira-se principalmente na última guerra mundial e publica o livro "De Munique a Nuremberg", em 1946, com 182 desenhos. Percorre a cidade de Salvador documentando sua paisagem e seu cotidiano, e publica o álbum "Bahia", em 1957, contexto de Geraldo Vieira. Também viaja por Israel e Itália, dedicando-se à pintura de paisagens, retratos e realização de murais. Individual em 1957 na Petit Galerie/ RJ. JULIO LOUZADA vol 13 pág 179