ANNA LETYCIA (1929 - 2018)

Gravadora, desenhista, pintora, professora, cenógrafa, figurinista e ilustradora, Anna Letycia Quadros nasceu em Teresópolis, RJ e faleceu no Rio de Janeiro. Iniciou estudos de desenho e pintura com Bustamante Sá, na Associação Brasileira de Desenho, RJ e, na década de 1950, frequentou vários cursos de gravura, tendo como professores André Lhote, Darel, na Escola Nacional de Belas Artes e Iberê Camargo, no Instituto Municipal de Belas Artes. Realizou curso de xilogravura com Oswaldo Goeldi, na Escolinha de Arte do Brasil e de pintura com Ivan Serpa, com quem participou da criação do Grupo Frente. Nessa década, passou a trabalhar exclusivamente com gravura em metal. Frequentou o ateliê do MAM, RJ (1959), coordenado pela artista Edith Behring, e lecionou gravura nesse mesmo ateliê (entre 1960 e 1966). Dentro desse período, deu aulas de gravura em Santiago onde recebeu o título de "Professor Honoris causa" da Pontifícia Universidade Católica do Chile (1961). Em 1977, instalou em Niterói a Oficina de Gravura, no Museu do Ingá, que coordenou até 1998. Em 1998, foi publicado o livro Anna Letycia, de Angela Ancora da Luz, pela Editora da Universidade de São Paulo. Realizou exposições individuais e participou de mostras, Salões e Bienais no Brasil e exterior. Recebeu diversos prêmios, destacando-se: Prêmio de Viagem ao País no Salão Nacional de Arte Moderna, RJ (1962); Prêmio Aquisição na Bienal Internacional de São Paulo (1957, 1967); "Prix Malraux" na Bienal de Paris (1965). PONTUAL PÁG. 28; MEC VOL. 2, PÁG. 473; WALTER ZANINI PÁG. 703; LEONOR AMARANTE; ARTE NO BRASIL; JULIO LOUZADA VOL. 2, PÁG. 71; VOL. 7, PÁG. 42; ITAU CULTURAL; www.artprice.com.