Leilão de Outubro de 2011

17, 18 e 19 de Outubro de 2011

 

001 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 300,00 Natureza Morta - lito. os 10/100 - 16 x 23 - cie - 1996
Desenhista, pintor e gravador. Viveu em São Paulo a partir de 1946, após rápida permanência no Rio de Janeiro (1945). Um dos fundadores da Sociedade Cearense de Artes Plásticas. Participou da I à IV Bienal de São Paulo, premiado na Bienal de Veneza e MAM-RJ, 1951, 1953 e 1957, prêmio de melhor desenhista nacional. Dedicou-se a temas do nordeste (cangaceiros, rendeiras, retirantes), passando depois a retratar peixes, gatos, cabras, galos, flores e frutas do Brasil; sua obra caracteriza-se pelo traço múltiplo e variado. MEC, vol. 3, pág. 78, PONTUAL, págs. 342/343; ARTE NO BRASIL, vol 2, pág. 1051; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 637; LEONOR AMARANTE, pág. 18; Acervo FIEO.

002 - SILVIO AZAMOR - (1925 - 1997)
Base: R$ 250,00 Barcos - ose - 30 x 23 - cid
Pintor ativo no Rio de Janeiro, foi aluno de Agenor César de Barros. Participou do SNBA-RJ (1948, 1965 e 1968). JULIO LOUZADA vol.11, pág.23

003 - AUGUSTO HERKENHOFF - (1965 - XX)
Base: R$ 500,00 Pássaro - p - 65 x 50 - cie - 1995
Nasceu em Cachoeiro do Itapemirim, ES. Formou-se em Direito, no Rio de Janeiro, em 1984.De 1985 a 1986, estudou com Katie Van Scherpenberg no MAM/RJ. Entre 1985 e 1988 estudou pintura com Ronaldo do Rego Macedo, Katie Van Scherpenberg e Manfredo Souzanetto, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Entre 1986 e 1995 participou de diversos Salões, entre eles o I Salão Capixaba de Artes Plásticas, V Salão da Ferrovia – RFFSA, onde recebeu o Prêmio Aquisição, no Rio de Janeiro, 12º Salão Carioca de Arte Universitária, 13º e 16º Salão Carioca Rioarte, VII Salão Paulista de Arte Contemporânea, 13º Salão Nacional de Artes Plásticas, Rio de Janeiro, XV Salão Nacional de Artes Plásticas, recebendo o 1º Prêmio, com a séria Amarelas, Rio de Janeiro. Neste mesmo período participou de várias exposições individuais e coletivas em diversos estados do Brasil. http://pt.shvoong.com/humanities/424525-biografia-augusto-herkenhoff/

004 - MARIA HELENA BORTKIEWICZ - (XX)
Base: R$ 500,00 Igreja - ost - 36 x 46 - cie e d - 1972
Pintora com diversas exposições individuais e coletivas. Participação em Salões Oficiais.

005 - WALTER SEBASTIAO - (XX)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 73/76 - 70 x 70 - cid - 2003
Pintor e desenhista natural de Belo Horizonte, MG, com diversas participações em exposições coletivas em Belo Horizonte e em Mostras mineiras.

006 - HOLMES NEVES - (1925 - 2008)
Base: R$ 500,00 Paris - ose - 26 x 40 - cie
Natural de Lima Duarte, MG. Pintor, desenhista e gravador. Fixou residência no Rio de Janeiro, após estudos com Guignard, Misabel Pedrosa e Edite Behring em Belo Horizonte. Sobre a sua obra, transcrevemos texto de Henrique Pongetti, na apresentação do artista no catálogo de sua mostra HOLMES Neves: pinturas, na Galeria de Arte e Pesquisa da UFES, 1978: ". . . Eu gosto muito da pintura de Holmes, dos seus quadros de Ouro Preto, motivo insistente e fascinante na sua obra. Se o tema e certa sutileza de feitura nos lembra o Mestre, há hoje na sua arte uma autonomia indiscutível, as marcas de uma inconfundível personalidade. Suas cidades mortas não surgem envoltas na melancolia acinzentada que parecia refletir nas paisagens a alma infantil e ao mesmo tempo infeliz de Guignard. Sobre a pátina do tempo suas casas e igrejas, transfiguradas pela luz montanhesa, recebem cores festivas, reconquistam a mocidade, revivem. " TEIXEIRA LEITE, pág. 352; JULIO LOUZADA, vol.10, pág. 425; ITAÚ CULTURAL; PONTUAL, pág. 383; Acervo FIEO.

007 - GIANCARLO ZORLINI - (1931)
Base: R$ 500,00 "Cidade Universitária" - ostce - 40 x 50 - cid - 1989
Médico de profissão, iniciou-se autodidaticamente na pintura, em 1962. É filho do escultor e pintor Ottone Zorlini. Participou diversas vezes do Salão Paulista de Belas Artes, nele recebendo diversas premiações. Sua pintura tem como tema predominante a paisagem. JULIO LOUZADA vol. 3, pág. 124; MEC vol.4, pág.534; PONTUAL, pág. 559; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

008 - EDUARDO MORI - (1943)
Base: R$ 1.500,00 Composição - ost - 30 x 30 - cid
Nascido em São Paulo, iniciou seus estudo artísticos em Paris, onde residiu por longos anos, realizando algumas exposições de desenhos e óleos, retratando cenas do cotidiano. Posteriormente radicou-se em Los Angeles-EUA onde, mais liberto da influência acadêmica, se fixou no abstracionismo, buscando apenas na cor a forma de expressar toda a sua arte, com a qual se consagrou. JULIO LOUZADA vol.11, pág.219

009 - SAMI MATTAR - (1930)
Base: R$ 1.200,00 Nascimento da vênus - ost - 90 x 72 - cie - 1970
Artista intermídia, desenhista, programador visual, publicitário, nascido em Mejdlaia, Líbano. Chega com a família no Brasil em 1936. Filho de pais conservadores, que não aceitam sua atividade como artista plástico, desenha às escondidas, até que, em 1947, muda-se para o Rio de Janeiro, onde trabalha como pintor de paredes e lava carros. Autodidata, realiza sua primeira mostra individual em 1954, na Galeria Minarte, Belo Horizonte. Passa a fazer histórias em quadrinhos e chega a ser diretor de arte e criação em publicidade. Em 1969, participa do Manifesto Expansão, realizado no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM/RJ e, no ano seguinte, do lançamento do poster Barraca - Arte na Praia de Ipanema, no mesmo museu. Atua como colaborador das revistas Tico-Tico e O Malho, além de produzir capas para a revista Veja (1972) e Shell em Revista (1980). Ilustra o livro O Menino mais Bonito do Mundo, de Ziraldo. Exposições individuais: Rio de Janeiro, RJ (1962, 1970, 1973, 1974, 1976, 1979, 1983, 1985, 1995, 2001, 2002); São Paulo, SP (1968, 1981); Líbano (1975); Brasília, DF (1975, 1979, 1984); Salvador BA (1982); Estados Unidos (1994); Teresópolis, RJ (1996, 2000); Vitória, ES (1999). Coletivas: Belo Horizonte, MG (1954, 1966); Rio de Janeiro, RJ (1965, 1967 a 1979, 1981, 1984, 1985, 1990); Salvador, BA (1966); Brasília, DF (1967, 1968, 1984); São Paulo, SP (1967 – 9ª Bienal Internacional, 1968, 1969, 1971); Líbano (1975); Alemanha (1980);Estados Unidos (1992, 1993, 1996, 1997). Prêmios: Belo Horizonte, MG (1966); São Paulo, SP (1969); Líbano (1975); Estados Unidos (1992, 1996, 1997). ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, VOL. 3, PÁG. 709; Pontual, Roberto – DICIONÁRIO DE ARTES PLÁSTICAS NO BRASIL, PÁG. 349.

010 - ALFREDO VOLPI - (1896 - 1988)
Base: R$ 300,00 Bandeirinhas - lito. os P.A. - 35 x 50 - cid
Nascido em Lucca, na Itália, radicou-se em São Paulo desde a mais tenra idade. Autodidata, iniciou sua carreira como pintor decorativista e de paredes. Considerado pela crítica como um dos grandes coloristas do século XX. Foi integrante do Grupo Santa Helena. REIS JUNIOR, pág. 378; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 426 e 428; JULIO LOUZADA vol.13, pág.1048; MEC. vol.4, pág. 496; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 584; ARTE NO BRASIL, pág. 684; LEONOR AMARANTE, pág. 28, Acervo FIEO.

011 - OLIMPIO DOS SANTOS BEZERRA - (1951)
Base: R$ 300,00 Final da tarde - ost - 30 x 40 - cie - 1979
"Na arte primitivista, o Bezerra tem lugar firmado. Sua pintura é singela, transmite paz, dentro de seus temas rurais recordativos da infância. Seu estilo é simples, como exímio desenhista que é, e o colorido de suas telas lembra os grandes mestres da pintura ingênua contemporânea."(Luiz Ernesto Kawall - UBE-APCA) JULIO LOUZADA, vol. 4 pág. 147; ITAÚ CULTURAL.

012 - RUBENS GERCHMAN - (1942 - 2008)
Base: R$ 900,00 "Assegure Seu Futuro" - ser. 184/200 - 31 x 46 - cid
Importante artista, foi representante da vanguarda da arte brasileira. Pintor, desenhista e gravador, frequentou o Liceu de Artes e Ofícios do Rio de Janeiro (1957/8) e a antiga ENBA (1959-1962), estudando xilogravura com Adir Botelho. Participou dos XIX e XXI SPar.BA (1962-1964 / com prêmios), XI, XIII, XIV, XV e XVI SNAM (entre 1962-1967), além de inúmeros outros salões e mostras oficiais no Brasil e no exterior. JULIO LOUZADA vol. 13 pág. 148; PONTUAL, pág. 235; TEIXEIRA LEITE, "in" A GRAVURA BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 734; ARTE NO BRASIL, pág. 974; LEONOR AMARANTE, pág. 143, Acervo FIEO.

013 - ELIAS LUIS DA SILVA - (1926)
Base: R$ 300,00 "Lala" - ose - 34 x 25 - cie e d
Alagoano de Palmeira dos Índios, onde nasceu a 3 de junho. Enfrentando enormes dificuldades materiais, conclui cursos de desenhos e pintura (déc. 1950). A partir da déc. de 60, vê triunfar seus esforços, expondo individualmente na Galeria Seta-SP, e em outras de igual importância. Ao longo de sua carreira, sua temática é constante. Seus quadros reatratam as brincadeiras das ciranças nordestinas. JULIO LOUZADA, vol.1, pág.354.

014 - GERSON DE AZEREDO COUTINHO - (1900 - 1967)
Base: R$ 1.000,00 " Casa de pescadores ' - ost - 33 x 41 - cie e d - 1941 - Itaípu/RJ
Pintor e arquiteto gaúcho (cidade de Jaguarão), estudou com Henrique Bernardelli e na Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro. Foi paisagista, e por várias vezes mereceu prêmios no Salão Nacional de Belas Artes. TEODORO BRAGA, pág. 108; PRIMORES DA PINTURA NO BRASIL, vol. 2, pág 133; Citado no Catálogo da Exposição de Paisagem Brasileira, Ministério da Educação e Saúde-MNBA/Rio/1944; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 67; RGS, pág. 104. Acervo FIEO. -

015 - AUTOR DESCONHECIDO, SÉC. XX -
Base: R$ 1.000,00 Paisagem - ost - 58 x 79 - cid - Baltran

016 - FERNANDO MAGALHÃES VELLOSO - (1951)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 94/100 - 28 x 58 - c - 2002
Pintor, gravador, arquiteto, cenógrafo e professor nascido na cidade de Belo Horizonte, em 18 de maio de 1951. Importante artista mineiro, figura nas melhores coleções do País. Carlos Scliar acompanhava seu trabalho, e testemunhava certo de estar diante de um dos valores mais gratificantes de nossa pintura. Rica e elucidativa, é a biografia e comentários traçados na bibliografia indicada abaixo sobre este artista. JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 905

017 - RENINA KATZ - (1925)
Base: R$ 350,00 " Hai-kai " - lito. 17/30 - 46 x 60 - cid
Pintora, gravadora e professora, Renina Katz é paulista. Sua arte é dominada pelo vigor e pela imaginação. MEC vol.2, pág.403/4; PONTUAL, pág. 288/9; WALMIR AYALA vol.1, pág.441; JULIO LOUZADA vol.11, pág.262; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 606; ARTE NO BRASIL, pág. 834; LEONOR AMARANTE, pág. 98, Acervo FIEO.

018 - EUGÊNIO BASSI - (1935)
Base: R$ 500,00 Marinha - ost - 40 x 50 - cid
Artista plástico e arquiteto nascido em São Paulo. Também foi aluno de Domingos Hugo Bassi, Torquato Bassi, Renina Katz e Flávio Motta. Na década de 70 viajou para a França a fim de aperfeiçoar seus estudos. Executou painel para o Salão Nobre do Sindicato dos Contabilistas e escultura para a fachada da Faculdade Teresa Martin, ambos em São Paulo. Realizou exposições individuais em: São Paulo, São Pedro - SP, Serra Negra - SP, Campos do Jordão - SP, Nova York - EUA. Participou de inúmeras coletivas e Salões oficiais (São Paulo, Rio de Janeiro e Estados Unidos) e recebeu vários prêmios: São Paulo (1955); Santos - SP (1973); Rio de Janeiro (1981); Petrópolis - RJ, Araras - SP. JULIO LOUZADA VOL. 1, PÁG. 98; VOL. 2, PÁG.111; VOL. 4, PÁG. 119.

019 - TOMÁS SANTA ROSA - (1909 - 1956)
Base: R$ 1.200,00 A visita do anjo - g - 34 x 23 - cid
Pintor, gravador, cenógrafo e professor. Oriundo da Paraíba, onde nasceu, fixou-se no Rio de Janeiro, iniciando em 1930 sua bem sucedida carreira de ilustrador de obras de autores estrangeiros e brasileiros, que inclui, dentre outros, Graciliano Ramos, José Lins do Rêgo, Jorge Amado, Castro Alves e muitos outros. Sua obra tem reconhecimento nacional e unanimidade de crítica, havendo se destacado em todas as áreas das artes que praticou. PONTUAL, pág. 472; TEIXEIRA LEITE, pág. 460; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 572; LEONOR AMARANTE.

020 - OSWALDO TEIXEIRA - (1905 - 1974)
Base: R$ 3.500,00 Mulher e flores - ost - 72 x 62 - cid
Nascido e falecido no Rio, participou de inúmeras mostras nacionais e internacionais, com várias premiações. Foi por vários anos diretor do MNBA do Rio de Janeiro. TEODORO BRAGA, pág. 225; WALMIR AYALA vol.2, pág.373; MEC vol.4, pág. 378; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 573; ARTE NO BRASIL, pág. 577, Acervo FIEO; F. ACQUARONE, pág. 227.

021 - ANTONIO AUGUSTO MARX - (1919 - 2008)
Base: R$ 1.100,00 Paisagem - ost - 60 x 73 - cid
Arquiteto e pintor ativo em São Paulo, onde participa de mostras coletivas a partir de 1966, com reconhecimento de crítica e público. Artista de muitos recursos técnicos, suas obras tem como tema a paisagem, do campo e da cidade, com conteúdo de atmosfera, côr e equilibrio. MEC vol.3, pág. 99; PONTUAL, pág. 346; JULIO LOUZADA vol.11, pág. 203; ITAU CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 803, Acervo FIEO.

022 - BELMONTE, BENEDITO BASTOS BARRETO - (1887 - 1947)
Base: R$ 400,00 Igreja - g - 21 x 27 - cid
Com etiqueta da Galeria Uirapurú - Avenida Santo Amaro, 1451 - São Paulo.Nascido em São Paulo. Desenhista, caricaturista e jornalista. Depois de estrear na imprensa ilustrada em 1912, popularizou-se com a criação do personagem Juca Pato, na Folha da Noite, de São Paulo. Na Folha da Manhã , de São Paulo, apresentou, de 1936 em diante, diversas caricaturas de campanha contra o nazismo. Além dos álbuns de desenhos que publicou - como Angústias do Juca Pato (1926), O Amor através dos Séculos (1928) e No Reino da Confusão (1939) - ilustrou livros infantis de Monteiro Lobato. TEODORO BRAGA, pág. 49 e 50; PONTUAL, pág. 67; MEC, vl. 1, pág. 213; TEIXEIRA LEITE, pág. 69; JULIO LOUZADA, vol.10, pág. 103; CARICATURISTAS BRASILEIROS, de Pedro Corrêa do Lago, pág. 100; ARTE NO BRASIL, pág. 392; WALTER ZANINI, pág. 806; Acervo FIEO.

023 - NILSON PIMENTA DA COSTA - (1957)
Base: R$ 1.100,00 Garimpo - ast - 94 x 122 - cid - 1980
Baiano de Caravelas, o autor aprende desenho de forma autodidata, aprimorando-se nesta técnica e iniciando-se na pintura, em ateliê sob orientação de Aline Figueiredo e Humberto Espíndola. Desde o início de sua carreira destaca-se como artista naïf, recebendo diversos prêmios em salões. Participa de várias exposições importantes, entre elas a Bienal Naïfs do Brasil em suas 2ª, 4ª e 5ª edições, organizadas pelo Sesc de São Paulo e do segmento Arte Popular, da Brasil + 500, Mostra do Redescobrimento, na Fundação Bienal em 2000. JULIO LOUZADA, vol. 5, pág. 812; ITAU CULTURAL.

024 - SUSSELY - (XX)
Base: R$ 1.000,00 Montanhas - ost - 80 x 60 - cid - 1967
Pintor argentino com com diversas exposições pela América Latina.

025 - ISABEL PONS - (1912)
Base: R$ 250,00 Sol - grav. PA - 45 x 32 - cid - 1968
Nasceu em Barcelona, Espanha. Importante gravadora, desenhista e pintora. Estudou pintura na Escola de Belas Artes de Barcelona (1925-1930). Ilustrou poemas de Garcia Lorca. Fixou residencia no Rio de Janeiro a partir de 1948. Estudou gravura com Friedlaender, no MAM-RJ, em 1959. A partir de então dedica-se principalmente à atividade de gravadora em metal, técnica que domina como poucos e a consagrou no cenário nacional e internacional. Está representada em diversos museus brasileiros e estrangeiros, como o MNBA, MAM-RJ, MOMA-NY, etc MEC, vol. 3-pág. 425; PONTUAL-pág. 431; WALMIR AYALA, vol. 2, págs.203/4; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 707; ARTE NO BRASIL, pág. 853; LEONOR AMARANTE, pág. 126.

026 - FRANCISCO DA SILVA - (1910 - 1985)
Base: R$ 1.200,00 Bichos - tsp - 57 x 77 - cid - 1970
Natural de Alto Tejo, Acre, foi o pintor FRANCISCO DA SILVA um primitivista, fabulista das lendas amazonenses, ativo no Ceará. Filho de índio peruano com brasileira, fixou-se ainda criança em Fortaleza. Foi descoberto artista em 1943, pelo também artista o suiço Jean Pierre Chabloz, que bancou suas primeiras tintas. O mesmo Jean Pierre, nove anos depois, lança-o em Paris. O crítico Rubens Navarra assim escreveu sobre a obra desse artista acreano: " ... os guaches desse artista indígena são qualquer coisa de muito sério. Esse índio é uma espécie de Dali em estado de natureza. Ao lado do seu surrealismo primitivo, chamemos assim, há um lado arte-aplicada que podia servir excelentemente para ornamentos de cerâmicas , lembrando estampas chinesas de pássaros ou antigos vasos de civilizações passadas." Já André Malraux qualifica-o de " um artista primitivo dentre os maiores do mundo." Expôs individualmente no Brasil a partir de 1943 e em diversas mostras coletivas no exterior, com premiações, destacando-se aquela recebida na XXXIII Bienal de Veneza, 1966. JULIO LOUZADA, vol. 3 pág. 1056; ITAU CULTURAL; LEONOR AMARANTE; ARTE NO BRASIL, Acervo FIEO; TEIXEIRA LEITE, pág. 478.

027 - ADELIO SARRO - (1950)
Base: R$ 1.800,00 Figuras - ost - 40 x 30 - cid - 1978
Artista do interior paulista, nascido em Andradina, está radicado em São Paulo desde 1968. Sua pintura inicialmente é expressionista e confessadamente inspirada nas obras de Portinari e Segall. Expôs no exterior e em divesos Salões Nacionais, recebendo excelente crítica. JULIO LOUZADA, vol.1 pág. 880, ITAÚ CULTURAL.

028 - NERÃO - (ANTONIO JOAQUIM NERY) - (1903 - 1997)
Base: R$ 1.200,00 " Feira no bairro de Higienópolis " - ast - 38 x 46 - cid - 1987
Pintor primitivo, de singular criatividade em seus temas, expôs no MASP, tendo sido apresentado em catálogo pelo saudoso P. M. Bardi, que o considerava depois de José Antonio da Silva, o melhor pintor primitivo brasileiro,tendo inclusive realizado uma exposição individual do autor no MASP - SP. JULIO LOUZADA, vol. 2 pág. 715, Acervo FIEO.

029 - JOSÉ WASTH RODRIGUES - (1891 - 1957)
Base: R$ 300,00 Projetos de móveis - dl - 46 x 34 - cie
Pintor, desenhista e historiador paulistano, foi pensionado pelo Estado de São Paulo, estudando no Jean-Paul Laurens, em Paris, de cujo salão oficial participou em 1914. Dedicou-se com intensidade ao desenho a bico de pena. Executou os desenhos e aquarelas do livro Uniformes do Exército Brasileiro, de Gustavo Barroso. JULIO LOUZADA, VOL ,12, pág, 347. MEC, VOL, 4, pág, 92; ITAÚ CULTURAL; ARTE NO BRASIL, Acervo FIEO, RUTH TARASANTCHI.

030 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 2.000,00 " Paisagem com coqueiros " - aspce - 33 x 52 - ci - 2001
Com certificado de autenticidade do autor. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

031 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 500,00 Gafieira - ser. - 54 x 36 - c - 1965
Emiliano Augusto Cavalcanti de Albuquerque e Melo (Rio de Janeiro RJ 1897 - idem 1976). Pintor, ilustrador, caricaturista, gravador, muralista, desenhista, jornalista, escritor e cenógrafo. Inicia sua carreira artística como caricaturista e ilustrador, publicando sua primeira caricatura em 1914, na revista Fon-Fon. Em 1917, reside em São Paulo, onde freqüenta o curso de Direito no Largo São Francisco e o ateliê de Georg Elpons (1865 - 1939). Convive com artistas e intelectuais paulistas como Oswald de Andrade (1890 - 1954) e Mário de Andrade (1893 - 1945), Guilherme de Almeida (1890 - 1969), entre outros. Em 1921, ilustra A Balada do Enforcado, de Oscar Wilde (1854 - 1900), e publica o álbum Fantoches da Meia-Noite, editado por Monteiro Lobato (1882 - 1948). É o idealizador e o principal organizador da Semana de Arte Moderna de 1922, na qual expõe 12 obras. Em 1923, faz sua primeira viagem à França, onde atua como correspondente do jornal Correio da Manhã. Em Paris, freqüenta a Academia Ranson, instala ateliê e conhece obras, artistas e escritores europeus de vanguarda como, Pablo Picasso (1881 - 1973), Georges Braque (1882 - 1963), Fernand Léger (1881 - 1955), Henri Matisse (1869 - 1954), Jean Cocteau (1889 - 1963) e Blaise Cendrars (1887 - 1961). Volta a São Paulo em 1926, trabalha como jornalista e ilustrador no jornal Diário da Noite. A estada em Paris marca um novo direcionamento em sua obra. Em 1938 viaja a Paris, onde trabalha na rádio Diffusion Française nas emissões Paris Mondial. Retorna ao Brasil em 1940, trabalha como ilustrador, e publica poemas e memórias de viagem. Em 1972, seu álbum 7 Xilogravuras de Emiliano Di Cavalcanti é editado pela Editora Chile. REIS JR., págs. 378/379; TEODORO BRAGA, pág. 82; MEC, vol. 2, págs. 53 e 54; PONTUAL, págs. 176 a 178; WALMIR AYALA, vol. 1, págs. 256 e 257; ART SALES, vol.1, pág. 207; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 446; LEONOR AMARANTE, pág. 12, Acervo FIEO.

032 - NICOLA PETTI - (1904 - 1983)
Base: R$ 300,00 Beira mar - ose - 13 x 18 - cid
Ativo em São Paulo, foi também excepcional desenhista, aluno nesta capital, do pintor e professor alemão Georg Ficher Elpons; participou assiduamente do Salão Paulista de Belas Artes, desde sua inauguração em 1933, onde foi muito premiado. MEC, vol. 3, pág. 393; JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 685; ITAU CULTURAL, Acervo FIEO.

033 - ROLANDO NATAL SCURZIO - (1931 - 1998)
Base: R$ 500,00 "Chaminé da Fábrica" - osm - 45 x 55 - cie e d - 1995
Pintor de tendência figurativa com temática que se extravasa em forte colorido expressionista. Estudou com o professor Mecozzi e com o mestre Arlindo Castellane di Carli. Participou de várias exposições e recebeu vários prêmios em 1978. No Salão Paulista de Belas Artes recebeu Menção Honrosa. JULIO LOUZADA, vol. 7, pág. 647, Acervo FIEO.

034 - DJANIRA DA MOTTA E SILVA - (1914 - 1979)
Base: R$ 350,00 Peneirando farinha - ser. - 36 x 52 - cid - 1974
Pintora, desenhista e gravadora, natural de Avaré, SP. Foi aluna de Marcier. A partir de 1942 participa do SNBA, recebendo premiação em 1943, 1944 e 1950. Realizou exposições individuais. Participou de diversas coletivas e salões de arte, nacionais e internacionais, com excelente recepção da crítica especializada. Diz-se que sua pintura é ingênua, mas ela declarava que ingênua, era ela mesma. JULIO LOUZADA vol.1, pág. 336; PONTUAL, pág. 181; TEIXEIRA LEITE, pág. 164; MEC, vol. 2, pág 58; WALMIR AYALA, vol. 1, pág, 263; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 810; ARTE NO BRASIL, pág. 824; Acervo FIEO.

035 - FERNANDO COELHO - (1939)
Base: R$ 500,00 Paisagem - ost - 15 x 30 - cid e d - 1964
Pintor baiano nascido em Salvador. Inicialmente publicitário de sucesso, dedica-se integralmente à pintura a partir de 1963. Além de exposições individuais nas Galerias Querino (Salvador), Astréia (SP), e Bonino (RJ), expôs na Alemanha e participou dos SNAM e BNAP. Produz pintura que, fixando paisagens urbanos, se situa entre o figurativismo e o abstracionismo. WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 209/210; MEC, vol. 1,pág. 441; PONTUAL, pág. 139; TEIXEIRA LEITE, pág. 126; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 74.; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

036 - ARNALDO BARBOSA - (1902 - 1981)
Base: R$ 350,00 Paisagem - ost - 46 x 55 - cid - 1972
Natural e falecido em São Paulo, onde foi ativo e produziu paisagens e naturezas mortas de qualidade. Expositor do SPBA, onde recebeu o prêmio Prefeitura de São Paulo, em 1934; do SPAM em 1951, quando foi premiado com a Medalha de Bronze; das exposições da Família Artística Paulista de 1937 a 1940. JULIO LOUZADA Vol. 3 pág. 88; MEC vol. 1 pág. 179; ITAÚ CULTURAL; TEIXEIRA LEITE, pág. 56; PONTUAL, pag. 52; WALTER ZANINI, pág. 580; ARTE NO BRASIL, pág. 777. Acervo FIEO. -

037 - TARSILA DO AMARAL - (1890 - 1973)
Base: R$ 1.800,00 Paisagem antropofágica - dn - 15 x 20 - cid
Monstro sagrado da pintura brasileira, Tarsila é a criadora de duas das principais tendências ou movimentos de nossa arte nacionalista: o Pau Brasil (1924) e o Antropofagia. Sua arte poderia ser definida como um Cubismo adaptado às condições e ao temperamento brasileiros. TEODORO BRAGA, págs. 220/21/22/23; REIS JR.-págs.388/89 ; WALMIR AYALA, vol. 2-págs. 365 e 367 ; MEC, vol. 4-págs. 370/71; PONTUAL, pág. 511; TEIXEIRA LEITE, pág. 492; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 389; ARTE NO BRASIL, pág. 577; LEONOR AMARANTE, pág. 24.

038 - YUTAKA TOYOTA - (1931)
Base: R$ 400,00 " Espaço 4ª dimensão " - m em a i 3/10 - h = 26 - d - 1975
Natural de Yamagata, Japão. Pintor, desenhista e escultor. No Brasil desde 1962, Estudou na Universidade de Artes de Tóquio e no Instituto de Pesquisas Industriais de Shizuoka. Neste último cursou ciências exatas e a técnica industrial de lidar com novos materiais. Todo esse know-how o artista vem utilizando e adaptando à sua visão de arte. Fórmica, alumínio e aço inoxidável polido tem sido os suportes escolhidos por Yutaka para expressar-se fazendo uma escultura "como criação ambiental". Os volumes que constrói em alumínio, modulados com exatidão, excluem a rigidez e referem-se, poeticamente, à busca de diferentes existências de espaço em suas superfícies que refletem e deformam o entorno, constituindo para o artista a própria apreensão do mundo. JULIO LOUZADA, vol 11, pág. 325.; TEIXEIRA LEITE, pág. 510; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 682; ARTE NO BRASIL, pág. 933; LEONOR AMARANTE, pág. 171.

039 - OSWALDO GOELDI - (1895 - 1961)
Base: R$ 800,00 Paisagem - xilo. P.A. - 18 x 18 - cid - Beatrix Reynal
Tiragem póstuma feita por Reis Junior em 1971 e assinada por Beatrix Reynal.Desenhista, gravador e professor, nascido no Rio de Janeiro, filho de Emilio A Goeldi, naturalista suiço. A partir dos seis anos estudou na Suiça. Sua obra sofreu influência do expressionista austríaco Alfred Kubin. Retornando ao Brasil em 1919, realizou no Rio de Janeiro sua primeira exposição em 1921, no Liceu de Artes e Ofícios. Publicou albuns e ilustrou diversos e importantes livros. É artista altamente conceituado no País e no exterior, tendo merecido diversas homenagens póstumas, inclusive em filme. PONTUAL pág. 240; JULIO LOUZADA vol.11, pág130; MEC vol. 2, pág.271; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 521; ARTE NO BRASIL, pág. 672; Acervo FIEO.

040 - J. CARLOS - (1884 - 1950)
Base: R$ 600,00 Art deco - dn - 25 x 15 - cid
Nasceu e faleceu no Rio de Janeiro. Foi pintor, desenhista, ilustrador e caricaturista. Realizou mais de cem mil desenhos, não se conhecendo um único ruim. Observador arguto, retratou com maestria e humor o cotidiano de sua cidade natal, da qual, consta, ausentou-se por duas únicas ocasiões. JULIO LOUZADA vol. 10, pág. 181; CARICATURISTAS BRASILEIROS, de Pedro Corrêa do Lago, pág. 74; WALTER ZANINI, pág. 448; ARTE NO BRASIL, pág. 646.

041 - CLÓVIS GRACIANO - (1907 - 1988)
Base: R$ 10.000,00 Vendedor de flores - ost - 61 x 46 - cid
Com certificado de autenticidade do Projeto Graciano.Pintor e desenhista figurativo, integrou o Grupo Santa Helena, juntamente com Volpi, Zanini e outros, e foi um dos organizadores e expositores do I Salão da Família Artística Paulista; suas figuras seguem a disciplina cubista da organização do espaço, destacando-se uma série de Músicos; dedicou-se a pinturas murais e à ilustração de obras literárias. MEC, vol. 2, pág. 280; PONTUAL, pág. 247/8; TEIXEIRA LEITE, pág. 225 a 227; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 586; ARTE NO BRASIL, pág. 784; LEONOR AMARANTE, pág. 58; Acervo FIEO.

042 - PAULO CLÁUDIO ROSSI OSIR - (1890 - 1959)
Base: R$ 2.000,00 Flores - a - 44 x 37 - csd - 1922
Pintor e arquiteto nascido e falecido em São Paulo. Estudou na Europa, e em 1921 expõe individualmente em sua cidade natal. Integrou, mais tarde, a Família Artística Paulista. Seu estilo combina elementos impressionistas e cubistas. Criou a OSIRARTE, firma especializada no fabrico de azulejos artísticos. TEODORO BRAGA, pág. 208; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 268; PONTUAL, pág. 462; MEC, vol, 3, pág. 303; ITAU CULTURAL; LEONOR AMARANTE, pág. 128; ARTE NO BRASIL; WALTER ZANINI, pág. 579, Acervo FIEO, RUTH TARASANTCHI.

043 - ANA ESPÉRYA - (1950)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 218/220 - 60 x 100 - cid
Ana Espéria Calareso Dias de Oliveira nasceu em Marília, SP. Até 1993 assinava A. Calarese. Atualmente assina Ana Espérya. Frequentou os ateliês de Sérgio Longo, Rodrigues Coelho, Kátia Matias e cursou desenho com Rondino. Exposições individuais: São Paulo (1993, 1996); Marília, SP (2000). Coletivas: São Paulo (1993 a 1997); Franca, SP (1995); Rio de Janeiro (1995); Araras, SP (1995); Montevidéu, Uruguai (1993), Nova York, EUA (1996). Prêmios: Itanhaém, SP (1995); São Paulo (1993, 1995, 1996); Montevidéu, Uruguai (1993). JULIO LOUZADA VOL. 7, PÁG. 42; VOL. 8, PÁG. 52; VOL. 9, PÁG. 42; VOL. 10, PÁG. 54; VOL. 13, PÁG. 12.

044 - RUY STILPEN - (XX)
Base: R$ 300,00 Composição - dl e a - 20 x 20 - cid
Pintor com diversas exposições coletivas e participações em Salões oficiais: São Paulo (1987); Petrópolis, RJ (1987, 1989). www.filipechagas.com/teste/paco/expo_real/expo1995.html ; midiacards.arteblog.com.br/54/; pt.wikipedia.org/wiki/Marcelo_Lago; www.filipechagas.com/teste/paco/expo_real/expo1995.htm

045 - FRANCISCO REBOLO GONSALES - (1903 - 1980)
Base: R$ 6.600,00 Paisagem - ose - 26 x 33 - cid e d - 1973
Grande pintor paulistano, um dos principais membros do Grupo Santa Helena e da Família Artística Paulista, Rebolo é acima de tudo um paisagista de colorido suave e desenho sensível. MEC, vol. 4, pág. 28/29; TEODORO BRAGA, pág. 202/3; PONTUAL, pág. 447/448; REIS JR., pág. 382; TEIXEIRA LEITE, pág. 433/434/435.; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 584; LEONOR AMARANTE, pág. 13; ARTE NO BRASIL; Acervo FIEO.

046 - SILVIA DE LEON CHALREO - (1905 - 1991)
Base: R$ 300,00 Família - g - 7 x 9 - cid
Esta importante pintora, crítica de arte, escritora, tradutora e jornalista, nasceu na cidade do Rio de Janeiro. Autodidata, pinta o gênero figurativo primitivo, expondo pela primeira vez em 1941, na Divisão Moderna do SNBA. Possui extenso curriculum de exposições e premiações no País e no exterior. Segundo o crítico Teixeira Leite, "(...) Sua pintura, de caráter primitivista, representa as praias repletas de diminutas figurinhas, o morro carioca, os barracos na favela e os folguedos infantis, numa técnica rudimentar, mas com bom colorido, vívido movimento e inegável atmostera poética." . JULIO LOUZADA, vol. 1 pág. 921; ITAU CULTURAL; TEIXEIRA LEITE, pág. 482.

047 - HENRIQUE BERNARDELLI - (1858 - 1936)
Base: R$ 16.000,00 " O nascimento da Vênus " - oscce - 172 x 96 - cie
Natural de Valparaíso, Chile, Henrique Bernardelli faleceu no Rio de Janeiro, cidade brasileira que adotou, inclusive a nacionalidade na década de 1870. Frequentou a Academia Imperial de Belas Artes, inclusive como aluno de Zeferino da Costa. Em 1878 viajou para a Itália, encontrando-se com o irmão, Rodolfo, escultor, que gozava merecido prêmio de viagem conquistado na Academia. Foi professor da ENBA-RJ. Os seus trabalhos inculcam um temperamento irriquieto, nervoso, sôfrego de impressões. A sua obra é original, vigorosa, cheia de calor e de ousadia. MEC, vol.1, pág.217/218; WALMIR AYALA, vol.1, pág.96/7; TEIXEIRA LEITE, pág.71, ARTE NO BRASIL, vol.1, pág.32; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 411; ARTE NO BRASIL, pág. 392; F. ACQUARONE.

048 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 500,00 Casario - ose - 19 x 26 - cie
Italiano da Lombardia, PELLEGATTA foi pintor e gravador dedicado a temas sacros e casarios coloniais. Em sua obra, o ser humano é apresentado sempre de modo idealizado, na figura de ternas madonas, santos, coroinhas e cavaleiros. Participou de diversas coletivas e salões, a partir de 1957, recebendo premiações em sua maioria. JULIO LOUZADA, vol. 1, pág.735; MEC vol.3, pág.363; ITAU CULTURAL; Acervo FIEO.

049 - RUBENS GERCHMAN - (1942 - 2008)
Base: R$ 900,00 "Carteira de Identidade" - ser. 184/200 - 31 x 46 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 012 deste catálogo.

050 - COLETTE PUJOL - (1913 - 1999)
Base: R$ 300,00 Ouro Preto - ose - 30 x 24 - cie
Esta premiadíssima pintora e professora paulistana, recebeu as suas primeiras aulas de desenho e pintura de Antonio Rocco e de Lucília Fraga, ainda na capital paulista. Residindo em Salvador, freqüentou a Escola de Belas Artes, onde foi aluna de Presciliano Silva (1942 a 1944); a partir de 1946 até 1949, estudou na Europa. Possui obras em museus brasileiros. PONTUAL, pág. 440; MEC, vol. 3, pág. 438; TEODORO BRAGA, pág. 73; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

051 - RUBEM VALENTIM - (1922 - 1991)
Base: R$ 5.000,00 " Emblema - 86 " - ast - 50 x 35 - d - 1986 - Brasília/DF
Baiano de Salvador, autodidata, Rubem Valentin pinta desde meados de 1940. Sua primeira coletiva foi em 1949, no Salão Baiano de Belas Artes, do qual participaria outras vezes, recebendo premiações. Viveu no Rio de Janeiro e na Europa, fixando residência permanente em Brasil, DF, há mais de 20 anos. O artista assim explicava a sua arte: "Minha linguagem plástico-visual signográfica está ligada aos valores míticos profundos de uma cultura afro-brasileira (mestiça-animista-fetichista). Com o peso da Bahia sobre mim - a cultura vivenciada; com o sangue negro nas veias - o atavismo; com os olhos abertos para o que se faz no mundo - a contemporaneidade; criando os meus signos-símbolos procuro transformar em linguagem visual o mundo encantado, mágico, provavelmente místico que flui continuamente dentro de mim". PONTUAL, pág.532; WALMIR AYALA, vol.2, págs.395 a 397; TEIXEIRA LEITE, pág.517; MEC, vol.4, pág.443; JULIO LOUZADA, vol.11, pág.330; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 682; ARTE NO BRASIL, pág. 874; LEONOR AMARANTE, pág. 257, Acervo FIEO.

052 - MITSUTAKA KOGURE - (1938)
Base: R$ 300,00 Paisagem - ost - 14 x 19 - cid
Natural de Gunmaken, Japão. Formou-se na Escola de Belas Artes de Tóquio. Participou de coletivas naquela cidade até 1960, quando fixa residência em São Paulo. Figurou desde então na BSP (1963) e dos VII e VIII salões de Artes Plásticas do Grupo Seibi, com premiações. Participou também dos salões organizados pelo MAM-RJ e do SPAM-SP. Conforme texto do pintor Tikashi Fukushima, Kogure "pinta becos e cantos obscuros, dando-lhes colorido mágico, modernizando a estrutura." JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 512; MEC, vol. 2-pág. 410; ROBERTO PONTUAL, pág.292; Acervo FIEO.

053 - ANTONIO PAIM VIEIRA - (1895 - 1988)
Base: R$ 700,00 Cristo Redentor - psa - 15 x 15 - cid
Paulistano, foi ceramista, caricaturista e desenhista. Executou as capas dos livros A Boneca Vestida de Arlequim, de Álvaro Moreira, e Senhora da Melancolia, de Pereira da Silva. Foi um dos fundados da revista Para-Todos, Ariel e Brasil-Social, nas quais colaborou como desenhista e iniciador da nossa cerâmica artística. Citado por Teodoro Braga, Herman Lima, em História da Caricatura no Brasil (1963). MEC, vol. 3, pág. 327; JULIO LOUZADA, vol. 13, pág. 250

054 - JOSÉ CLÁUDIO DA SILVA - (1932)
Base: R$ 700,00 " Namorando na praia " - ose - 35 x 26 - cid - 1977
Natural de Ipojuca-PE. Desenhista, gravador, escultor, crítico de arte e escritor, fixa residência em Recife- PE, onde em 1952 Funda o Ateliê Coletivo da Sociedade de Arte Moderna do Recife, ao lado de Abelardo da Hora (1924), Gilvan Samico (1928), Wellington Virgolino (1929 - 1988), entre outros. Primeira individual em 1956-São Paulo SP, no Clube dos Artistas e Amigos das Artes (Clubinho), e primeira coletiva em Recife-PE, 1954, na 1ª Exposição do Ateliê Coletivo. "José Cláudio é figurativista desde sempre, e pratica uma arte em que a emoção primeira sequer permite ou admite emendas e correções. Disso resulta certa impressão de desleixo e de mal-acabamento que por vezes inspira sua obra. No entanto, trata-se de efeitos deliberadamente obtidos, fruto de seu acentuado amor à matéria. Expressionista, fazendo uso de um desenho rigoroso, de uma pincelada larga e espontânea de um colorido profundo, do ponto de vista da temática José Cláudio debruçou-se sobre cenas e tipos regionais, sobre os costumes regionais e sobre a paisagem, as aves e as frutas do seu Nordeste, despojando-as, porém, de qualquer conteúdo pitoresco, para apenas se concentrar em sua expressão pictórica. Um sensual e um dionisíaco, hedonista que, segundo suas próprias palavras, diante de uma bela manga não sabe se deva pintá-la ou chupá-la, José Cláudio voltou-se também para a problemática da criação artística - como pintor, na série de grandes óleos que dedicou em começos da década de 1980 ao REPOUSO DO MODELO, de Almeida Júnior - desmembrado, rearticulado, reinterpretado em cada um de seus múltiplos aspectos formais e psicológicos -, e como escritor, historiador da arte pernambucana, num estilo tão pouco alambicado quanto sua pintura, (...)." José Roberto Teixeira Leite, na bibliografia abaixo. PONTUAL, pág. 283; JULIO LOUZADA, vol. 3, pág. 551/552; TEIXEIRA LEITE; ITAU CULTURAL.

055 - CARLOS SÖRENSEN - (1928 - 2008)
Base: R$ 2.300,00 " Flores e frutas " - enc. s/t - 40 x 50 - cid e d - 1996
Paulista de Baurú, Sorensen fez importantes estudos em Paris, onde a convite do governo francês, freqüenta o ateliê de André Lhote, onde conhece Picasso, Roonet e Fernand Léger e no ano seguinte freqüenta a Escola Superior de Belas Artes-Paris, estudando com Gleizes e André Lhote(1952-1953). Foi artista de múltiplas atividades, ceramista, tapeceiro, cenógrafo, ilustrador, arquiteto, designer e pintor, com sucesso de crítica e de público. Citado em Delta Larouse/1970, pág. 6406; MEC vol.4, pág. 309; PONTUAL, pág. 500, WALMIR AYALA vol.2, pág.347; JULIO LOUZADA vol.11, pág. 306; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

056 - CARLOS LEÃO - (1906 - 1982)
Base: R$ 400,00 Figura - dn e a - 27 x 20 - cid
Arquiteto, pintor e desenhista ativo no Rio de Janeiro. Participou com Lucio Costa no projeto do edifício sede do Ministério de Educação do Rio de Janeiro (1937). Excepcional desenhista, praticou igualmente a pintura, sempre fiel a uma só temática - "a mulher, seu corpo, seu mundo de amor, sexo e poesia". MEC, vol. 2, pág. 462/3; TEIXEIRA LEITE, pág. 281; PONTUAL, PÁG. 303; JULIO LOUZADA VOL.11, PÁG.171; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 602; ARTE NO BRASIL, pág. 746.

057 - G.T.O. (GERALDO TELES DE OLIVEIRA) - (1930 - 1990)
Base: R$ 3.000,00 Figuras - e em mad. - h = 30 - ass.
Mineiro de Itapecerica, Geraldo Teles de Oliveira, dito GTO, foi escultor. Começa sua atividade artística, em 1965, a partir de sonhos - em um deles, Deus lhe mostra a madeira e as esculturas que deveria realizar. Assim, tendo seus sonhos como referência, realiza grande parte de suas obras; mais tarde, utiliza apenas sua criatividade nos seus trabalhos. Entre as exposições das quais participa, destacam-se: 1º e 2º Salão de Arte Contemporânea, Belo Horizonte, 1969/1970; Bienal Internacional de São Paulo, 1969/1975/1981; Bienale Formes Humaines, no Museu Rodin, Paris (França), 1974; II Festival Mundial e Africano de Arte e Cultura Negra, em Lagos (Nigéria), 1977; 42ª Bienal de Veneza (Itália), 1978. Após sua morte, suas obras são expostas na mostra: Exposição Cinco Anos sem Novos Sonhos de GTO, na Galeria Paulo Campos Guimarães, Belo Horizonte, 1995. JULIO LOUZADA, vol. 5, pág. 763; LEONOR AMARANTE, pág. 294; ITAU CULTURAL.

058 - DENISE MILAN - (1954)
Base: R$ 6.000,00 Sem título - m e l - 12 x 80 x 60
Escultora e artista multidisciplinar nascida em São Paulo. É uma das articuladoras do movimento Arte Pública no Brasil. Executa obras nas áreas de arte pública, escultura, artes cênicas, poesia, impressão e vídeo-arte. Já expôs seus trabalhos em uma grande variedade de instituições em São Paulo (Bienal, MASP, MAC, MAM), Brasília, Salvador, Belém, Londres, Nova York, Washington, Chicago, Hannover, Chapingo, Hakone, Osaka, Taiwain, Paris. Também publicou diversos livros, entre os quais Cadumbra, com metapoemas de Haroldo de Campos, Améfrica, poemas de Denise Milan e textos de Olgária Matos e Greg Cameron. ITAU CULTURAL; www2.uol.com.br/denisemilan; www.tal.tv/blog/index.php/2011/06/08/galeria-virgilio-recebe-exposicao-de-denise-milan.

059 - OCTÁVIO ARAÚJO - (1926)
Base: R$ 300,00 Surreal - lito. os 131/250 - 32 x 45 - cid - 1974
Este importante artista brasileiro nasceu em Terra Roxa, SP. Em São Paulo foi aluno de Edmundo Migliaccio e José Barchitta, e teve por colegas, dentre outros, Luiz Sacilotto e Marcelo Grassmann, ao lado de quem, no Rio de Janeiro, com 20 anos de idade, expôs pela primeira vêz. Em 1947 integrou o Grupo dos 19. Trabalhou para Portinari em Paris, na confecção do grande mural Pescadores, com quem aprendeu a disciplina e a consciência profissional. Expôs em viagens que fêz pela China, na então União Soviética e nos Estados Unidos. Na sua obra é destaque a figura da mulher, em leitura ora fantástica, ora mágica, mas sempre perturbadora. TEIXEIRA LEITE, pág. 34; ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 71; ARTE NO BRASIL, pág. 803; WALTER ZANINI, pág. 645; Acervo FIEO.

060 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 2.200,00 " Cartão de dia dos namorados " - a e col. s/p - 36 x 53 - ci - 1985
Reproduzido na pág. 93 do livro Aldemir Martins - " 50 Anos depois de Veneza". - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

061 - CARYBÉ - (1911 - 1997)
Base: R$ 6.000,00 Negra - a - 46 x 39 - cid
Reproduzido sob o n.° 9 em catálogo de Evandro Carneiro Leilões - Rio de Janeiro. -Desenhista, gravador, pintor e escultor, radicado na Bahia. Sua arte é lírica, de boa técnica, baseada no povo, que lhe forneceu o melhor da sua temática. PONTUAL, pág. 116; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 180 e 181; TEIXEIRA LEITE, págs. 111 e 112; MEC, vol.1, pág. 355; BENEZIT, vol. 2, pág. 524; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 717;ARTE NO BRASIL, pág. 874; LEONOR AMARANTE, pág. 63; Acervo FIEO.

062 - QUIRINO CAMPOFIORITO - (1902 - 1993)
Base: R$ 1.500,00 Natureza morta - o e col. s/c - 38 x 48 - cid - 1964
Pintor, desenhista, gravador, crítico, ilustrador, caricaturista e professor, natural da cidade de Belém-PA, e falecido em Niterói-RJ. Estudou pintura na ENBA-RJ, tendo como professores Modesto Brocos, João Batista da Costa, Augusto Bracet e Rodolfo Chambelland. Prêmio Viagem à Europa em 1929. Em Paris, estuda no Ateliê de Pongheon da Académie Julian e na Académie de La Grand Chaumière, até 1932. Em Roma, freqüenta o curso de pintura da Escola de Belle Arti e o curso de desenho do Círculo Artístico e da Academia Inglesa de Roma, entre 1932 e 1934. Participou do Núcleo Bernardelli, tornando-se seu presidente em 1942. Expôs individualmente por diversas vezes no Rio de Janeiro, participando de coletivas por diversas cidades brasileiras. "Se bem que o magistério e a atividade crítica tenham sem dúvida roubado ao artista tempo precioso, Campofiorito é autor de considerável bagagem, destacando-se como autor de vistas urbanas, estudos de nu e figuras, naturezas-mortas e alegorias, nas quais repercute muito intensa a influência de De Chirico e do Metafisicismo". LEITE, José Roberto Teixeira. REIS JR., pág. 382; TEODORO BRAGA, pág. 63; WALMIR AYALA, vol. 1, pags. 162 e 165; PONTUAL, pág. 103/104; TEIXEIRA LEITE, pág. 102; MEC, vol. 1, pág. 332; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 572; ARTE NO BRASIL, pág. 647; Acervo FIEO.

063 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 500,00 Mulata na janela - ser. - 54 x 36 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

064 - JOSÉ PAULO MOREIRA DA FONSECA - (1922 - 2004)
Base: R$ 350,00 " Meu começo é meu fim " - ost - 28 x 35 - cid e d - 1974
Com etiqueta nº 5172 de Cosme Velho Galeria de Arte - São Paulo, no dorso.Carioca, advogado, filósofo, poeta e pintor. José Paulo dedicou-se à pintura desde 1950. Fez uso abundante da espátula, lançando luz e cor nos seus temas preferidos: fachadas, portas, janelas, marinhas e paisagens. MEC, vol. 2, pág. 183; WALMIR AYALA vol. 1, pág. 423 a 427; TEIXEIRA LEITE, pág. 268; ITAU CULTURAL, Acervo FIEO.

065 - ITZCHAK TARKAY - (1935)
Base: R$ 2.000,00 Mulheres no bar - lito. 219/300 - 80 x 85 - cid
Pintor, desenhista e artista gráfico nascido em Subotica, fronteira da Iugoslávia e Hungria. Aos nove anos de idade, junto com sua família, foi para o campo de concentração Mathausen - Áustria, até ser libertado pelas Forças Aliadas e, em 1949, imigrou para Israel. Sua formação artística se iniciou na Academia de Arte de Bezalel (1951) onde foi aluno de Schuwartzman e, no Instituto de Arte Avni (1956) com Mokady, Janko, Schtreichman e Stematsky. Tem realizado inúmeras exposições e participado de vários Salões oficiais em Israel, Europa e Estados Unidos. www.parkwest-tarkay.com; artbrokerage.com; www.americanfineartgallery.com; artnet.com; askart.com.

066 - MARCO GIANNOTTI - (1966)
Base: R$ 3.300,00 Composição - ost - 50 x 70 - d - 2003
Pintor, gravador, tradutor e professor. Entre 1977 e 1980, freqüenta o ateliê de gravura em metal e desenho de Sérgio Fingermann (1953), em São Paulo. Mora em Nova York entre 1980 e 1982, onde participa de cursos de arte no The Metropolitan Museum of Art - MET. Ganha o prêmio aquisição do Salão Nacional de Artes Plásticas, no Rio de Janeiro, em 1986 e 1988. Em 1987, recebe a Bolsa Ivan Serpa, da Fundação Nacional de Arte - Funarte, no Rio de Janeiro. No ano seguinte, forma-se em filosofia na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo - FFLCH/USP. Ainda em 1988, realiza suas primeiras exposições individuais em São Paulo e no Rio de Janeiro e recebe o prêmio aquisição no 2° Salão da Bahia. Conquista o prêmio aquisição no Salão de Brasília, em 1989. Defende, em 1993, mestrado em filosofia na FFLCH/USP com a tradução e introdução crítica da Doutrina das Cores, de Goethe (1749 - 1832). Em 1994, Carmela Gross (1946) é sua orientadora no doutorado em artes plásticas, concluído em 1998 na Escola de Comunicações e Artes da USP - ECA/USP, com a exposição Circuitos e o texto Desvio para a Pintura. Em 1997, recebe o prêmio de pintura da Associação Paulista dos Críticos de Arte - APCA. É professor do Departamento de Artes Plásticas da ECA/USP desde 1998.

067 - TIKASHI FUKUSHIMA - (1920 - 2001)
Base: R$ 500,00 Composição - tm - 27 x 29 - cid
Natural da cidade japonesa de Fukushima, onde nasceu em 19 de janeiro. Vem para o Brasil em 1940, fixando-se em Lins, SP. Recebendo influência de Manabu Mabe, começa a se interessar por pintura. Em 1946, segue para o Rio de Janeiro, onde estuda com Tadashi Kaminagai, que o orienta na execução de paisagens impressionistas. Participa da I à IX BSP. Seu trabalho sofre transformações mais na direção do cubismo, no período da I à III BSP. A partir de 1957 sua pintura é informal, transformando-se depois no estilo que viria consagrá-lo como um dos grandes pintores abstratos do Brasil. JULIO LOUZADA, vol. 13 pág. 141; TEIXEIRA LEITE, pág. 210; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 644; LEONOR AMARANTE, pág. 383.

068 - NEWTON MESQUITA - (1948)
Base: R$ 5.300,00 " A noite no Planalto " - ast - 80 x 100 - ci e d - 1979
Pintor e gravador paulistano, Newton Mesquita é inquieto; provoca a sua arte com novos experimentos e técnicas. Desenhista de mão cheia, solta o traço com habilidade, recriando imagens, cores e texturas. JULIO LOUZADA, vol. 9, pág. 578; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

069 - DURVAL PEREIRA - (1918 - 1984)
Base: R$ 2.700,00 Paisagem - ost - 70 x 50 - cie
Nascido e falecido em São Paulo, DURVAL PEREIRA foi pintor e professor ativo em São Paulo. Premiado com a Menção Honrosa no SPBA em 1944, passou a viver exclusivamente da pintura. Pintava ao ar livre aos domingos com os pintores Salvador Rodrigues, Salvador Santisteban, Cirilo Agostinho, Jaime Dinis, Djalma Urban, Innocencio Borghese, e outros. Premiado praticamente em todos os Salões de que participou. Recebeu ao todo, 15 comendas das mais importantes do Brasil. Nos últimos três anos de sua vida, recebeu todos os Primeiros Prêmios e Medalhas de Ouro nas exposições de Paris, Rouen, Lyon, Roma, Miami e Milão. MEC, vol. 3, pág. 368; JULIO LOUZADA, vol. 1, págs. 749/750/751. ITAU CULTURAL; Acervo FIEO.

070 - HERMELINDO FIAMINGHI - (1920 - 2004)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 30/70 - 60 x 80 - cid
Nasceu em São Paulo, a 22 de outubro de 1920. Pintor e artista gráfico. Dedicou-se regularmente à pintura a partir de 1950, com seu mestre Volpi. Foi um dos pioneiros do concretismo, com o qual rompeu anos mais tarde, para fazer uma pintura mais solta, através de seu diálogo com a cor e da interação com a luz em contato com a natureza. Expõs individualmente a partir de 1961 e coletivamente desde 1955, sempre com premiações. JULIO LOUZADA, vol. 4 pág. 401; ITAÚ CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 928; LEONOR AMARANTE, pág. 75.

071 - FRANCISCO BIOJONE - (1934)
Base: R$ 450,00 Composição - a - 46 x 10 - cie e d - 1993 - Campinas-SP
FRANCISCO Antão de Paula Souza BIOJONE, nasceu em Campinas, SP. Pintor, desenhista e professor, costuma assinar F. BIOJONE em suas obras. Foi aluno do pintor campineiro Geraldo de Souza, com quem fez pesquisas. A partir de 1955 participou de numerosos salões de arte. JULIO LOUZADA traz extensa citação sobre o curriculum deste singular artista. JULIO LOUZADA, vol. 3 págs. 128, 129 e 130; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 697; ARTE NO BRASIL, pág. 963.

072 - ALDO BONADEI - (1906 - 1974)
Base: R$ 9.000,00 Natureza morta - ost - 40 x 50 - cid - Déc. 1920
Com etiqueta de Grifo Galeria de Arte - São Paulo, no dorso.Estudou com Pedro Alexandrino (1923 a 1928) e aperfeiçoou-se na Itália. Integrou o Grupo Santa Helena, com Rebolo, Zanini, Rosa, Graciano, Pennacchi (1935) e participando em 1937 de exposições da Família Artística Paulista. Pintou paisagens e naturezas mortas, com composição estruturada no cubismo. MEC, vol. 1, pág. 247; PONTUAL, págs. 78/79; ARTE NO BRASIL, vol. 2, pág. 1041; ART PRICE ANNUAL 2000, pág. 258; TEIXEIRA LEITE, pág. 79; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 586; LEONOR AMARANTE, pág. 72; Acervo FIEO.

073 - VINCENZO CENCIN - (1925 - 2010)
Base: R$ 2.000,00 Barcos - ostcm - 40 x 50 - cid
Natural de Veneza, Itália, desde pequeno sente a feição mágica e iluminada de sua cidade natal e o mar que a rodeia. Após a II Grande Guerra vem para o Brasil, onde fixa a sua residência. Em 1981 inaugura a Galeria Velha Europa, em São Paulo. Sobre a sua obra, assim se manifestou o crítico José Roberto TEIXEIRA LEITE: "... para esse homem chegado já maduro às artes, depois de longa carreira em campo diametralmente oposto, o que importa é lançar, sobre o espaço da tela, reminicências do homem mediterrâneo..." JULIO LOUZADA, vol.11, pág. 69; ITAU CULTURAL.

074 - GILBERTO SALVADOR - (1946)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 13/20 - 81 x 100 - cid - 1990
Paulistano, Gilberto Salvador é pintor e desenhista, desfrutando de reconhecidos méritos pela critica especializada. Participou da IX Bienal de São Paulo (1967) e de outros Salões Oficiais a partir desse mesmo ano, recebendo diversas premiações. MEC, vol. 4, pág. 153; PONTUAL, pág. 469; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 740; ARTE NO BRASIL, pág. 971; LEONOR AMARANTE, pág. 185; Acervo FIEO.

075 - MARIO GRUBER - (1927)
Base: R$ 350,00 Espantalho - lito. 62/140 - 51 x 33 - cid - 1971
Pintor e gravador, Gruber é um dos principais artistas de São Paulo desde quando, ainda muito jovem, tomou parte no Grupo dos 19. PONTUAL, pág. 253; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 370; MEC, vol. 1, pág. 466; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 448; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág.649; ARTE NO BRASIL, pág. 803; LEONOR AMARANTE, pág. 376; Acervo FIEO.

076 - BRUNO GIORGI - (1905 - 1993)
Base: R$ 25.000,00 Nu - e em m p - h = 48 - ass.
Escultor e pintor paulista, iniciou seus estudos de escultura em Roma 1920/1922. Mais tarde tornou-se aluno de Maillol, em Paris, onde também frequentou as academias Ranson e de La Grande Chaumière, em 1936. É considerado o maior escultor nacional. MEC, vol.2, pág. 250/1; PONTUAL, pág. 237/8; MAYER/84, pág. 1333; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 587; ARTE NO BRASIL, pág. 715; LEONOR AMARANTE, pág. 18.

077 - TOLEDO PIZA (DOMINGOS VIEGAS DE TOLEDO PIZA) - (1887 - 1945)
Base: R$ 6.000,00 Flores - ost - 55 x 60 - cs
Pintor, estudou em Paris, voltando ao Brasil em 1933; dedicou-se à paisagem, com características expressionistas. ARTE NO BRASIL vol.2, pág.1054; TEIXEIRA LEITE, pág. 510; ITAÚ CULTURAL.

078 - GEZA HELLER - (1902 - 1992)
Base: R$ 200,00 Circo - tm - 28 x 38 - cid
Natural da cidade húngara de Kecskemer, e falecido no Rio de Janeiro, em 20/3/1992, cidade onde fixou residência. Pintor, desenhista, ilustrador, gravador e arquiteto. Integrou o grupo de sete artistas que em torno de Guignard desenvolvem uma visão introspectiva da natureza. Entre eles Iberê Camargo, Milton Risuro, e outros. Foi premiado com o 1º lugar no concurso de priojetos para a remodelação do Jockey Club de São Paulo. Participou, com premiações, de diversos salões oficiais. TEIXEIRA LEITE, pág. 244; JULIO LOUZADA vol 13 pág. 165; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 598.

079 - ALFREDO CANDIDO - (1879 - 1960)
Base: R$ 400,00 " Velho muro " - a - 30 x 22 - cid - 1941
Desenhista, caricaturista e pintor português. Veio para o Brasil em 1895 onde se iniciou na imprensa carioca como chargista. Em 1903, fundou com Manuel Vitorino a revista ilustrada “A Lavra”. Participa, em Portugal, das duas primeiras exposições dos Humoristas (1912 e 1913) e de outras que se realizam entre Lisboa e Porto. Em 1923, realiza uma exposição de aquarelas no Rio de Janeiro e obtém Prêmio da Sociedade Nacional de Belas Artes. Continua expondo seus trabalhos, aqui no Brasil, até 1951. Falece em Portugal. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 54. http://opataco.blogs.sapo.pt.

080 - SYLVIO PINTO - (1918 - 1997)
Base: R$ 3.000,00 Marinha - ost - 46 x 65 - cie
Freqüentou o Liceu de Artes e Ofícios do Rio de Janeiro, lá recebendo suas primeiras noções de desenho. Mais tarde, recebe lições do pai - o Pinto das Tintas. Conheceu Pancetti na casa paterna. Em 1938 estudou no Núcleo Bernardelli e a partir de 1940 dedica-se exclusivamente à pintura. Participou de vários Salões de Belas Artes, recebendo inúmeros prêmios. MEC, vol. 3, pág. 419, Acervo FIEO.

081 - EDUARDO IGLESIAS - (1940)
Base: R$ 300,00 " Serenata " - lito. 58/80 - 73 x 55 - cid - 1981
Natural de Marilia, SP. Transferiu-se para São Paulo em 1957. Participa de exposições desde 1962. Já apresentou seus trabalhos no Brasil, Estados Unidos e Europa. Seus trabalhos levam o expectador e o analista a uma incursão, nem sempre fácil, através do mundo das ambiguidades visuais ou das imagens oníricas... É assim que várias de suas composições, com figuras ou pássaros, tornam-se fantásticos vasos de flores, ou um navegante, que faz seu barco ir cortando as vagas, com uma árvore florida, 'a feição da vela de uma escuna submete a indagações o suporte de suas telas..." . (Antonio Bento, crítico de arte, 1981). JULIO LOUZADA vol.2, pág. 510; ITAU CULTURAL, Acervo FIEO.

083 - CARLOS SCLIAR - (1920 - 2001)
Base: R$ 4.000,00 " Paisagem VIII " - v e s/t - 56 x 37 - ci e d - 4.4.1976 - Ouro Preto
Com etiqueta da Azulão Galeria - São Paulo, no dorso.Desenhista, gravador, pintor, ilustrador, cenógrafo, roteirista e designer gráfico que nasceu em Santa Maria da Boca do Monte, RS e faleceu no Rio de Janeiro. Assina Scliar. Estudou com Gustav Epstein, em Porto Alegre, em 1934. Participou, em 1938, da fundação da Associação Riograndense de Artes Plásticas Francisco Lisboa. Entre 1939 e 1947, residindo em São Paulo, integrou a Família Artística Paulista - FAP. No Rio de Janeiro, escreveu e dirigiu em 1944 o documentário 'Escadas', sobre os pintores Arpad Szenes e Vieira da Silva com os quais conviveu desde 1941. Convocado pela Força Expedicionária Brasileira - FEB, participou da Segunda Guerra Mundial, na Itália. Morando em Paris de 1947 a 1950, cursou gravura com Galanis na Escola de Belas Artes e teve contato com o gravador mexicano Leopoldo Méndez. De volta ao Brasil, fundou com Vasco Prado o Clube de Gravura de Porto Alegre. Em 1956, passou a viver no Rio de Janeiro. Foi diretor do departamento de arte da revista 'Senhor' entre 1958 e 1960. Fundou a editora Ediarte, em 1962, com os colecionadores Gilberto Chateaubriand, Michel Loeb, Carlos Nicolaievski e o pintor José Paulo Moreira da Fonseca. Realizou durante toda sua vida exposições individuais e participou de inúmeras coletivas e Salões oficiais, recebendo muitos prêmios. Também foram realizadas várias exposições póstumas. MEC VOL.4, PÁG. 214; TEODORO BRAGA, PÁG. 66; WALMIR AYALA VOL.2, PÁG. 306 a 309; PONTUAL, PÁG. 479 e 480; JULIO LOUZADA VOL.1, PÁG.884; VOL.2, PÁG. 925; VOL.13, PÁG. 305; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, PÁG. 587; ARTE NO BRASIL, PÁG. 798; RGS, PÁG. 442; ACERVO FIEO.

084 - ALEXANDRE NÓBREGA - (1961)
Base: R$ 7.000,00 Composição - tm s/c - 150 x 100
Pintor, desenhista e gravador, Alexandre Nóbrega Veras nasceu em Recife, PE. Iniciou o curso de história da arte na Universidade Federal de Pernambuco, mas não o conclui. Foi diretor do MAC - PE, em Olinda de 1994 a 1998. Mantém seu ateliê no bairro da Casa Forte, em Recife. De setembro a dezembro de 1995, foi bolsista no Departamento de Artes Plásticas da Universidade D'Aix-en-Provence, França. Realizou exposições individuais em: Belo Horizonte, MG (1985); Recife, PE (1989 a 1991, 2001, 2002); Fortaleza, CE (1991); Rio de Janeiro (1992); São Paulo (1994, 1998, 2005); Curitiba, PR (1995); João Pessoa, PB (1996); Campina Grande, PB (1996); Salvador, BA (1998). Participou de várias mostras e Salões oficiais no Brasil e no exterior. Foi premiado em: Recife, PE (1980, 1987, 1992); Olinda, PE (1988); Curitiba, PR (1994); Marselha, França (1995); Cuenca, Equador (1996); Salvador, BA (1996). ITAU CULTURAL.

085 - HERMELINDO FIAMINGHI - (1920 - 2004)
Base: R$ 2.500,00 Composição - dn e g - 27 x 35 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 070 deste catálogo.

086 - ALBERTO KAPLAN - (1957)
Base: R$ 800,00 Composição - a - 50 x 65 - cid - 1993
Pintor, arquiteto e professor nascido no Rio de Janeiro. Cursou desenho com Aluísio Carvão no Museu de Arte Moderna, MAM - RJ, em 1974; dois anos depois, ingressou no curso de arquitetura e belas artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro, formando-se em 1980, cursou Metodologia da Arte na Universidade de São Paulo onde defendeu a tese "As Aparências da Aquarela". Realizou exposições individuais no: Rio de Janeiro (1980 a 1982, 1984, 1990, 1991, 1993); Vitória, ES (1982); Recife, PE (1986, 1989, 1991); Viçosa, MG (1991); São Paulo (1992); Toronto, Canadá (1993). Coletivas: Rio de Janeiro (1978, 1983 a 1987, 1990, 1996, 1997, 2001, 2003); Santos, SP (1984); Recife , PE (1985). ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA VOL. 10, PÁG. 462.

087 - CARLOS SCLIAR - (1920 - 2001)
Base: R$ 500,00 Caixa - ser. - 24 x 16 - cid - 1972
Com dedicatória. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 083 deste catálogo.

088 - OFRA GRINFEDER - (1945)
Base: R$ 400,00 Composição - tm - 46 x 47 - cid - 1994
Com etiqueta da Galeria Nara Roesler - São Paulo, no dorso. -Escultora, ceramista, pintora, nasceu em Israel, trasferindo residência para os Estados Unidos, onde formou-se em 1967 na State University of New York. Ainda naquele País, estuda na Alfred Universit e freqüenta a Penland School of Crafts. Fez cursos sobre as técnicas em Raku ministradas por Steve Gamza e por David Miller. Residiu na França, Coréia e Turquia, fixando residência no Brasil. "Influenciada pelas diversas culturas as quais pode observar durante suas diferentes moradias: de Israel ao Brasil, passando pela Coréia, França, Turquia e Estados Unidos, Ofra Grinfeder desenvolve com um raro requinte, um linguajar artístico sensível de formas próprias com materiais coletados ao longo de sua existência. Silvia Meira GRINFEDER, Ofra. Trabalhos com papel. São Paulo: Galeria Nara Roesler, 1994. ITÁU CULTURAL

089 - GIUSEPPE SALVATI - (1900 - XX)
Base: R$ 2.200,00 Marinha - ost - 60 x 80 - cid
Pintor nascido em Nápoles, Itália, onde estudou na Academia de Belas Artes. Participou de muitas exposições, mostras coletivas e Salões oficiais, sendo premiado em Capri em 1932. askart.com, artprice.com; artnet.com; arcadja.com; artfact.com; christies.com.

090 - IVALD GRANATO - (1949)
Base: R$ 1.000,00 Composição - g - 16 x 16 - cid - 1969
Pintor e desenhista. Natural de Campos, RJ, onde viveu até 1966. Estudou com Robert Newman, ingressando em 1967 na Escola de Belas Artes da Universidade do Rio de Janeiro. Em 1968 participa do grupo de vanguarda "Nova Figuração Brasileira". Sua atividade artística desde a década de 60 revela a influência do conceitualismo de Duchamp, mais cerebral do que pictórico, e da "body art", de Joseph Beyus. PONTUAL, pág. 248; TEIXEIRA LEITE, pág. 228; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág.740; ARTE NO BRASIL, pág. 974; LEONOR AMARANTE, pág. 267; Acervo FIEO.

091 - JORGE GUINLE FILHO - (1947 - 1987)
Base: R$ 1.500,00 Composição - g - 28 x 20 - cid - 1980
Pintor e desenhista. Expôs com regularidade no Rio e São Paulo a partir de 1973, com ótimo mercado. JULIO LOUZADA, vol. 2, pág.482; LEONOR AMARANTE, pág. 312. Acervo FIEO.

092 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 3.500,00 " Marinha " - ast - 46 x 55 - cid e d - 2001
Com certificado de autenticidade do Estúdio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

093 - HARRY ELSAS - (1925 - 1994)
Base: R$ 700,00 Família - ose - 44 x 30 - cid - 1971
Nascido na Alemanha e radicado no Brasil desde 1936, Elsas desenvolveu suas aptidões artísticas com Lasar Segall, que muito o incentivou a ingressar na carreira das artes. Permaneceu no Nordeste brasileiro por oito anos, retratando com maestria e singularidade paisagens e aspectos da vida local, sempre com influência renascentista, com cor e desenhos fortíssimos. Participou de coletivas no Brasil e no exterior a partir de 1962, com excelente repercussão. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 99. MEC, vol, 2, pág, 111; TEIXEIRA LEITE, pág 176; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

094 - CARLOS ARAÚJO - (1950)
Base: R$ 500,00 Figura - lito. 41/45 - 67 x 50 - cid
Pintor, desenhista e litógrafo paulistano. Fez sua primeira individual em 1974, no MASP-SP, onde realizou outras exposições. Na sua obra observam-se elementos da pintura renascentista. Participou de diversas exposições coletivas, com sucesso de crítica e de público. Foi premiado em 1984 pela Associação Paulista de Críticos de Arte - APCA. JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 71; ITAU CULTURAL; TEIXEIRA LEITE, pág. 33.

095 - LYRIA PALOMBINI - (1939)
Base: R$ 200,00 Composição - tm - 18 x 11 - cie
Mineira, é desenhista, gravadora e entalhadora. Iniciou seus estudos artísticos no Instituto de Belas Artes do Rio de Janeiro, sob a orientação de Deveza, Teruz e Aurélio D´Alincourt. Aperfeiçoou-se em xilo, ainda no Rio, com Maria de Lourdes Mader Pereira, Vitor Gerhard e José de Lima, cujos trabalhos tiveram grande sucesso nas exposições, levando Walmir Ayala fazer a seguinte observação sobre a artista: " Liria Palombini é a mais nova revelação de gravadora no Rio de Janeiro. Em seu trabalho define-se uma artista que sobrepõe à sensibilidade, sem descuidar-se dela, a inteligência." (1974). Participou de inúmeras coletivas e realizou diversas individuais. JULIO LOUZADA vol.1, pág. 709.

096 - ROBERTO MORICONI - (1932 - 1993)
Base: R$ 350,00 Forma - m em a i - h = 30 - ass. - 1974
Pintor e escultor nascido em Perugia, Itália. Veio residir no Rio de Janeiro em 1953, onde, a partir de 1960 cria capas e ilustrações para a Livraria Freitas Bastos. Participou de algumas edições da Bienal de São Paulo, do SNAM e SEAJ. MEC, vol. 3, pág. 202; PONTUAL, pág. 372; JÚLIO LOUZADA, vol. 10, pág. 617; WALTER ZANINI, pág. 770.

097 - MAURICIO NOGUEIRA LIMA - (1930 - 1999)
Base: R$ 2.000,00 Estudo - dn - 29 x 20 - cid - 1953
Natural da cidade do Recife, PE, o autor foi pintor, arquiteto, desenhista e professor. Frequentou o Instituto de Belas Artes de Porto Alegre, o MAM-SP e diplomou-se em arquitetura pela Faculdade Mackenzie-SP. Ligado ao grupo Ruptura, Maurício tornou-se um artista de acentuados princípios racionais, sendo o autor de algumas introduções no campo da animação ótica dos espaços, na seriação das construções e ainda na busca específica de retículas coloridas.Participou do Salão Paulista de Arte Moderna, onde obteve, dentre outros, o 1º Prêmio em Cartaz (1951 e 1957). Participou também do movimento de arte concreta, figurando nas exposições do MAM-SP (1956), no MEC-RJ (1957), na Exposição Internacional de Arte Concreta, em Zurique (1960), etc JULIO LOUZADA, vol 1, pags 678 e 679; ITAU CULTURAL.

098 - JOÃO ALVES - (1905 - 1970)
Base: R$ 700,00 " Lavagem do Bonfim " - ost - 50 x 70 - cid - 1964
Pintor ingênuo, autodidata, cuja obra tem como tema a paisagem urbana de Salvador, capital de seu Estado natal. Expôs individualmente no Museu de Arte Moderna de Salvador em 1961, e na Galeria Montmartre - RJ em 1965, com apresentação de Jorge Amado. JULIO LOUZADA vol. 9 pág 38; TEIXEIRA LEITE, pág. 22; ITAU CULTURAL; MEC, vol. 1, pág. 71; PONTUAL, pág. 20. Acervo FIEO.

099 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 700,00 Paisagem - ost - 19 x 27 - cie
Com etiqueta nº 2407 da Galeria Marc Chagall - São Paulo. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

100 - MANOEL SANTIAGO - (1897 - 1987)
Base: R$ 2.500,00 Praia de Botafogo - ost - 54 x 65 - cid e d
- Reproduzido no convite deste leilão.Nascido em Manaus, pioneiro mundial da arte não-figurativa (a qual já praticava desde 1916), Santiago estudou no RJ com Visconti, e foi o principal responsável pelo Núcleo Bernardelli, no qual se formaram tantos dos melhores artistas do Modernismo carioca. Sua arte é um neo-impressionismo de belo colorido e opulentos efeitos de textura. PRIMORES DA PINTURA NO BRASIL, vol. 1, pág. 241; TEODORO BRAGA, pág. 211/212; Catálogo da Exposição de Paisagem Brasileira, MEC-MNBA / /Rio/1944; MAYER/84, pág. 1158; REIS JR., pág. 378; PONTUAL, pág. 473; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 292; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

101 - MARCELO GRASSMANN - (1925)
Base: R$ 400,00 Guerreiro - grav. P.A. - 41 x 30 - cid
Desenhista, gravador, ilustrador, pintor, escultor e professor, nasceu em São Simão, SP. Estuda fundição, mecânica e entalhe em madeira na Escola Profissional Masculina do Brás, SP. Passa a realizar xilogravuras a partir de 1943. Atua como ilustrador do Suplemento Literário do ‘Diário de São Paulo’, do ‘O Estado de S. Paulo’ e do ‘Jornal do Estado da Guanabara’. Quando reside no Rio de Janeiro, a partir de 1949, freqüenta os cursos de gravura em metal, com Henrique Oswald e de litografia, com Poty, no Liceu de Artes e Ofícios. Em Salvador (1952), trabalha com Mario Cravo Júnior. .Recebe o prêmio de viagem ao exterior do Salão Nacional de Arte Moderna (1953) e vai para a Academia de Artes Aplicadas, em Viena. Passa a dedicar-se principalmente ao desenho, à litografia e à gravura em metal. Em 1969, sua obra completa é adquirida pelo governo do Estado de São Paulo, passando a integrar o acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo . Em 1978, a casa em que nasceu, em São Simão, é transformada em museu e tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo - Condephaat. Participou de muitas exposições e das Bienais de: São Paulo (1951 a 1961, 1967, 1969, 1979, 1985, 1989); Veneza (1950, 1956, 1958, 1962); Paris (1959). Principais prêmios: Bienal de São Paulo (1951, 1955, 1957, 1959, 1967); Bienal de Veneza (1950, 1956, 1958,1962); Bienal de Paris (1959). PONTUAL, PÁG. 249; MEC, VOL. 2, PÁG. 281 E 282; ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, VOL.1, PÁG. 439; VOL. 5, PÁG. 453; VOL. 9, PÁG. 383.

102 - PAULO VALLE JÚNIOR - (1889 - 1958)
Base: R$ 1.200,00 Marinha - ostcc - 24 x 33 - cid
Paisagista e marinhista extremamente sensível, Valle Júnior postou-se à parte da renovação determinada pela Semana de Arte Moderna, tendo sido porém artista autêntico e pessoal. TEODORO BRAGA, pág. 187; REIS JUNIOR, pág. 373; MEC, vol 4, págs 441/442; PONTUAL, pág. 531; ITAU CULTURAL; Acervo FIEO, RUTH TARASANTCHI.

103 - KUNO SCHIEFER - (1948 - 1992)
Base: R$ 4.000,00 " Sol, Lua e Estrelas " - ost - 45 x 45 - cid e d - 1987
Pintor e gravador nascido em Stuttgart, Alemanha. Veio para o Brasil em 1963 e estudou na Escola de Belas Artes de São José dos Campos, SP (1964 - 1968). Faleceu nessa cidade. Realizou exposições individuais: Alemanha (1976, 1985); Rio de Janeiro (1977, 1983, 1987); São Paulo (1977, 1982, 1984); Brasília, DF (1990) e participou de coletivas oficiais: Santos, SP (1973); Rio de Janeiro (1978, 1979, 1981, 1992); São Paulo (1978 a 1981, 1987, 1988); Japão (1979, 1981); Curitiba (1980); Pelotas, RS (1980); Recife, PE (1981); Alemanha (1988). ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA VOL. 2, PÁG. 924; VOL. 8, PÁG. 764; www.soraiacals.com.br; artnet.com.

104 - TOMÁS SANTA ROSA - (1909 - 1956)
Base: R$ 250,00 Paisagem surreal - lito. H.C. - 23 x 19 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 019 deste catálogo.

105 - ADRIANA ROCHA - (1959)
Base: R$ 7.200,00 " Série Midway nº 7 " - tm - 90 x 70 - d - 2004
Pintora, desenhista, artista gráfica, cenógrafa e arte-educadora, Adriana Magalhães Rocha nasceu em São Paulo. Cursou Artes Plásticas na FAAP e, em 1981, complementou os estudos de desenho e aquarela na "Académie de la Grande Chaumière", em Paris, França. De volta a São Paulo, estudou desenho com Carlos Fajardo. Fez parte do Grupo Azar e do grupo Atelier Madalena na Galeria do Centro Cultural Brasil- Estados Unidos. Tem realizado muitas exposições individuais e participou de inúmeras mostras e Salões oficiais no Brasil e no exterior como a Bienal de Havana, Cuba (1991). Foi premiada em São Paulo de 1984 a 1986, 1990, 1995. ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA VOL. 2, PÁG. 31; VOL. 4, PÁG. 952; VOL. 5, PÁG. 889.

106 - VILODINA LANGLEY - (XIX - XIX)
Base: R$ 1.500,00 Cena Vitoriana - a - 48 x 32 - cid - 1875
Pintora e aquarelista inglesa. Participou de inúmeras exposições individuais em Londres, Paris, Florença e Roma. Era especialista em pinturas de interiores vitorianos. JULIO LOUZADA, VOL. 13, PÁG. 187.

107 - ROBERTO BURLE MARX - (1909 - 1994)
Base: R$ 12.000,00 " Abstrato " - dn - 55 x 75 - cid - 1975
Reproduzido sob o nº 62 em catálogo de Leilão de James Lisboa - São Paulo. -Pintor, arquiteto-paisagista, desenhista, decorador, artesão de jóias, tapeceiro e litógrafo, nascido em São Paulo-SP. Em 1913 muda-se com a família para o Rio de Janeiro, estudando arquitetura a partir de 1927 na antiga Escola Nacional de Belas Artes. A partir de 1931 trava conhecimento e desfruta da amizade dos modernistas, como Mario de Andrade, Anibal Machado, Guignard, Murilo Mendes, Tarsila, Oswald de Andrade, entre outros. Artista de méritos, ocupa lugar de destaque na cultura nacional. PONTUAL, pág. 94; TEIXEIRA LEITE, pág. 93; MEC. vol.1, pág.303; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág.564; ARTE NO BRASIL, pág. 738; LEONOR AMARANTE, pág. 98.

108 - MARIA DA PAZ MECATTI - (1918 - 1976)
Base: R$ 800,00 Barcos - ost - 50 x 50 - cid
Natural dos Açores, Portugal, onde nasceu a 11 de outubro de 1918, vindo a falecer em São Paulo, em 4 de setembro de 1976, onde foi ativa. Foi casada com o pintor Dario Mecatti. Disfrutou de reconhecimento nacional e internacional, com unanimidade de critica e de público. Expôs suas obras a partir de 1938, na Europa, e também nas cidades de Buenos Aires, Lisboa, Florença e São Paulo.

109 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 500,00 Mulata - ser. - 60 x 46 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

110 - FRANZ WEISSMANN - (1911 - 2005)
Base: R$ 12.000,00 Composição - e em f p - 40 x 46 x 41 - ass.
Ex-coleção Sr. Renato Antônio Brogiolo - Rio de Janeiro.- Reproduzido no convite deste leilão.Franz Joseph Weissmann nasceu em Knittelfeld, Áustria e faleceu no Rio de Janeiro. Escultor, desenhista, pintor e professor. Vem para o Brasil em 1921. No Rio de Janeiro, entre 1939 e 1941, freqüenta cursos de arquitetura, escultura, pintura e desenho na Escola Nacional de Belas Artes. De 1942 a 1944, estuda desenho, escultura, modelagem e fundição com August Zamoyski. Em 1945, transfere-se para Belo Horizonte, onde ministra aulas particulares de desenho e escultura. Três anos depois, Guignard o convida a lecionar escultura na Escola do Parque, que mais tarde recebe o nome de Escola Guignard. Integra o Grupo Frente, em 1955. No ano seguinte, volta a residir no Rio de Janeiro e participa da Exposição Nacional de Arte Concreta, em 1957. É um dos fundadores do Grupo Neoconcreto, em 1959. Nesse ano viaja para a Europa e o Extremo Oriente, retornando ao Brasil em 1965. Participa das Bienais Internacionais (1965,1967,1979 ,1987) e dos Panoramas de Arte Moderna (1972, 1975, 1981), em São Paulo. Nos anos de 1970 recebe o prêmio de melhor escultor da Associação Paulista de Críticos de Artes - APCA, participa da Bienal Internacional de Escultura ao Ar Livre, em Antuérpia, Bélgica, e da Bienal de Veneza. Realiza esculturas monumentais para espaços públicos de diversas cidades brasileiras, como na Praça da Sé, em São Paulo; no Parque da Catacumba, no Rio de Janeiro; e no Palácio das Artes, em Belo Horizonte. ITAU CULTURAL; MEC, VOL. 4, PÁG. 507; PONTUAL, PÁG. 552; JULIO LOUZADA , VOL. 2, PÁG. 1058; VOL.5, PÁG. 1130; VOL. 9, PÁG. 920; VOL. 11, PÁG. 344; www.franzweissmann.com.br.

111 - SALVADOR DALI - (1904 - 1989)
Base: R$ 1.500,00 Figura - lito. E.A. - 56 x 40 - cid
Pintor, gravador e cartazista. Grande mestre Catalão. Personagem extravagante, louco, irreverente, apocalíptico, são alguns dos adjetivos mais frequentes dados à sua pessoa, mas foi, sobretudo, um gênio. ART PRICE ANNUAL, 2000, págs.582 a 585: BENEZIT, vol.3, págs. 329 a 331; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 309

112 - ATHOS BULCÃO - (1918)
Base: R$ 2.500,00 " Estudo " - dlc - 19 x 21 - cid
Pintor e desenhista. Começou a dedicar-se a arte estimulado por Portinari, que, em 1945, o convidou a trabalhar nas obras da Pampulha, em Belo Horizonte. No ano anterior realizara exposição individual na sede recém-inaugurada do Instituto dos Arquitetos do Brasil no Rio de Janeiro, voltando a fazê-lo na Capital mineira em 1946 e 1947. Já então conquistara medalhas de prata em pintura e desenho no SNBA. Recebendo bolsa de estudos no governo francês, viajou em 1948 para Paris, onde permaneceu um ano, visitando ainda a Itália. De regresso ao Brasil, passou a dedicar-se também a trabalhos no campo da decoração. Residindo mais recentemente em Brasília, ali criou azulejos e vitrais para a Igreja de Nossa Senhora de Fátima, com motivos cristãos da Pomba e da Estrela, símbolos do Divino Espírito Santo e da natividade. Participou como isento de júri dos II SAMDF (1965), realizando em 1968 exposição individual de desenhos em Brasília (Galeria Encontro). Rubem Braga focalizou-o em uma crônica publicada na revista Manchete (14 de agosto de 1954). TEODORO BRAGA, PÁG. 59; MEC, vol. 1, pág. 301; WALMIR AYALA, vol.1, pág. 140; PONTUAL, pág. 93; TEIXEIRA LEITE, pág. 92; JÚLIO LOUZADA, vol. 7, pág.112; ITAÚ CULTURAL.

113 - ANA ANDRADE - (1953)
Base: R$ 300,00 " Comanchinho " - grav. 1/15 - 30 x 30 - cid - 1984
Complemento de técnica: Ponta seca e maneira negra.Ana Cristina Andrade Moreira é pintora, gravadora, desenhista, professora e designer vidreira. Iniciou sua formação artística na Escola Superior de Arte Santa Marcelina, SP (1972-1975). Aprendeu gravura em metal (1980-1990) com Iole Di Natale; técnicas de gravura na Scuola Internazionale di Gráfica em Veneza, Itália (1983); Gravura Especial com Evandro Carlos Jardim, no MAC-SP (1991); Técnica Calcográfica Experimental com Mario Benedetti, na FASM-SP (1997); Vitrofusão com Roberto Bonino. Exposições individuais: São Paulo, SP (1984, 1987, 1995, 2003); Bauru, SP (1989); “Projeto Interior com Arte” – Museu Banespa (1998 – Exposição itinerante pelo interior do Estado de São Paulo). Coletivas: Epinal, França (1975); São Paulo, SP (1974,1982,1984,1985,1986,1988,1994,1995,2000,2002 a 2004); Santo André,SP (1982); Novo Hamburgo, RS (1982); Taiwan, China (1983,1985); San Juan, Porto Rico (1983); Santos, SP (1983); Cabo Frio, RJ (1983); Ribeirão Preto,SP (1984); Curitiba, PR (1984); Piracicaba,SP (1984); Veneza, Itália (1984,1985); Campinas, SP (1985); São José do Rio Preto, SP (1986); Limeira, SP (1986); Washington D.C.,EUA (1991); Campos do Jordão, SP (1991); Kanagawa, Japão (1992); Maastricht, Holanda (1993); Illinois, EUA (1994); Cidade do México, México (1996); Jacareí, SP (1998); Budapeste, Hungria (1996); Uzice, Yuguslávia (1997); Ourense, Espanha (1994,2006). Prêmios: São Paulo, SP (1974); Novo Hamburgo, RS (1982); Santos, SP (1983); Ribeirão Preto, SP (1984); Curitiba, PR (1984); Piracicaba, SP (1984); Campinas, SP (1985); São José do Rio Preto, SP (1986). JULIO LOUZADA, vol.1, pág. 62; vol.2, pág. 66; Acervo FIEO. ITAU CULTURAL.

114 - LEÓN FERRARI - (1920)
Base: R$ 900,00 Multidão - lito. PA - 29 x 42 - cid - 1982
Gravador e escultor argentino, natural da cidade de Buenos Aires. Começou a fazer escultura em 1954, com diversos materiais e com arame de aço inoxidável. Em 1962, iniciou sua série de desenhos escritos. Em 1964 colaborou com Rafael Albertino no livro de poesias e desenhos "Escritos en el Aire", editado por Vanni Scheiwiller em Milão. Em 1965, abandonou a arte abstrata e participou do movimento cultural que acompanhou a atividade política argentina, colaborando na organização de diversas mostras coletivas. A partir de 1976 fixa residência no Brasil, em São Paulo, onde voltou a esculpir e experimentar outras técnicas, como fotocópias, etc. Desenvolveu uma série de esculturas sonoras que deram origem aos instrumentos lúdicos musicais com os quais deu 4 concertos-performance. JULIO LOUZADA, vol. 3, pág. 403

115 - MARIA TEREZA LOURO - (1963)
Base: R$ 2.500,00 " Onde, rio, linha, luz na mata " - l a s/t - 36 x 54 - cid e d - 1999
Maria Tereza Figueiredo das Neves Louro - desenhista, pintora e professora nasceu em São Paulo. Assina M.T. Louro. Entre 1981 e 1984, fez curso de artes plásticas na FAAP e, em 2001, concluiu mestrado em desenho e história da arte na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Participou, em 1989, da 20ª Bienal Internacional de São Paulo e da Bienal de Havana. Em 1990, realizou suas primeiras exposições individuais, na Galeria SESC Paulista e na Pinacoteca, em São Paulo. Obteve premiações no Salão Nacional de Arte de Brasília, Distrito Federal, e na Bienal Nacional de Santos, São Paulo, em 1991. No ano seguinte, foi premiada na Trienal de Osaka, Japão. Participou da Bienal de Cuenca, Equador, em 1996. Em 1998, recebeu o Prêmio Jabuti na categoria infanto-juvenil pelo projeto gráfico do livro ' Maria Martins: Mistério das Formas', de Kátia Canton. ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA VOL. 10, PÁG.508.

116 - RUBEM VALENTIM - (1922 - 1991)
Base: R$ 2.000,00 " Emblema - 86 " - ast - 22 x 27 - d - Brasília/DF
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 051 deste catálogo.

117 - INOS CORRADIN - (1929)
Base: R$ 900,00 Cavaleiro - m em cer. - h = 42 - ass.
Um dos valores da pintura em São Paulo. Corradin expôs com frequência na Europa e nos Estados Unidos, onde seus quadros são muito apreciados. Também tem se dedicado com igual talento e sucesso a escultura. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 152; PONTUAL, pág. 143; MEC, vol. 1, pág. 448; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 215; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

118 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 13.500,00 " Aldeia Toscana " - ose - 30 x 40 - cid e d - 1989
Com etiqueta do ateliê do autor, no dorso.Nasceu em 27 de dezembro na cidade de Villa Collemandina, na Itália, e fixou-se no Brasil desde 1929, após ter estudado em Florença, e haver-se diplomado em pintura pela Academia Real de Pintura de Lucca. Pennacchi integrou a Familia Artística Paulista. Muralista de inspiração pré-renascentista, sua pintura é sensível e pessoal de modo especial na interpretação dos grandes temas bíblicos e da vida dos santos (mercê de uma infância marcada por sólida educação religiosa Católica), e na evocação do mundo caipira. Realizada em 1973, considerado o Ano de Pennacchi, importante retrospectiva da obra deste festejado artista no MAM de São Paulo. O artista fez exposições em Milão e foi homenageado em seu país natal. TEODORO BRAGA, pág. 192; MEC, vol, 3, pág. 365; WALMIR AYALA, vol, 2, pág. 182; PONTUAL, pág. 416; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 584; ARTE NO BRASIL, pág. 784; Acervo FIEO.

119 - DIONISIO DEL SANTO - (1925 - 1999)
Base: R$ 800,00 Pastor - g - 21 x 18 - cid - 1983
Pintor, desenhista, gravador e serigrafista, nasceu em Colatina-ES, e faleceu em Vitória, naquele mesmo Estado. Autodidata. Em 1975, recebe o Prêmio de Melhor Exposição de Gravura do Ano, da APCA. Participou da 9ª Bienal Internacional de São Paulo, 1967 (Prêmio Itamarati Aquisição) e do Salão Nacional de Arte Moderna, Rio de Janeiro, 1968 (Prêmio Isenção do Júri). JULIO LOUZADA vol.11, pág. 88; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 682; ARTE NO BRASIL, pág. 934.

120 - ARCÂNGELO IANELLI - (1922 - 2009)
Base: R$ 15.200,00 Composição - p - 50 x 37 - cid - 1982
Com certificado do Instituto Arcângelo Ianelli. - Reproduzido no convite deste leilão.Pintor. Fez aprendizado de pintura com Valdemar da Costa, em São Paulo, a partir de 1942. Participou de diversos Salões no País, e no exterior, obtenções várias e importantes premiações. Seus trabalhos fazem parte do acervo de museus e coleções particulares no mundo todo. Inicialmente figurativo, passou a abstracionismo, trabalhando com blocos cromáticos distribuídos com certo rigor construtivo sobre o espaço plano. A seu respeito, disse o crítico Enrico Crispolti, em 1966: " Mas quais são, então, os temas expressivos próprios da pintura de Ianelli? Ele mesmo, falando-me de experiências já distantes, recorda-me anos de um naturalismo sumário pela vontade de síntese, sublinhado como hoje são propostos em sua pintura horizontes muito diferentes. Creio, no entanto, que uma matriz naturalista preside o intenso lirismo dessa telas recentes de Ianelli (...) ". PONTUAL, pág. 358; MEC vol.3, pág. 345; WALTER ZANINI, pág. 644; ARTE NO BRASIL, pág. 798; LEONOR AMARANTE, pág. 218. Acervo FIEO.

121 - RODOLPHO AMOÊDO - (1857 - 1941)
Base: R$ 2.100,00 Flores - ostcc - 35 x 27 - csd - 1896
Natural da cidade de Salvador, o artista chegou ao Rio de Janeiro no ano de 1868, ingressando, cinco anos depois, no Liceu de Artes e Ofícios e, em 1874, na Academia Imperial de Belas Artes, onde teria Vitor Meirelles, Agostinho da Mota e João Zeferino da Costa como mestres. Na Escola de Belas Artes de Paris, já estudante bolsista da Academia, aperfeiçoou-se com Cabanel e Puvis de Chavanes. De volta ao Rio de Janeiro, onde viria a falecer, destacou-se no exercício do magistério, como professor honorário e, posteriormente, como diretor da antiga Escola Nacional de Belas Artes. Dono de grande preciosismo técnico, Amoedo aborda com despojamento os mais delicados matizes nos seus temas, geralmente a figura humana. O MNBA possui em seu acervo mais de 300 obras do artista TEIXEIRA LEITE, 26/29; PONTUAL, pág. 24; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 411; ARTE NO BRASIL, pág. 566.; JULIO LOUZADA, VOL. 1 PÁGS. 58/59/60; F. ACQUARONE, pág. 101.

122 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 7.000,00 " Gato Amarelo " - ast - 60 x 80 - cie e d - 2002
Com certificado de autenticidade do Estudio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

123 - MARIA POLO - (1937 - 1983)
Base: R$ 6.000,00 Casario - ost - 70 x 50 - cid e d
Ex-coleção Sr. Renato Antônio Brogiolo - Rio de Janeiro.Natural de Veneza, Itália. Ainda em Roma, frequentou de 1955 a 1959 o ateliê de De Pisis. Residiu no Brasil a partir de 1962, fixando-se no Rio de Janeiro. Realizou diversas exposições individuais em algumas das principais capitais do País e no exterior. MEC, vol. 3, pág. 424; PONTUAL, pág. 430; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 776; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 697.

124 - HIROO KABE - (1938)
Base: R$ 450,00 Esperando - ost - 50 x 30 - cie - 1970
Pintor nascido em Guma - Honshu, Japão. Em São Paulo realizou exposição individual (1981) e participou de mostras oficiais (1987, 1988). ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA VOL.1, PÁG. 505.

125 - ANTONIO BANDEIRA - (1922 - 1967)
Base: R$ 12.000,00 Nu - dn e ag - 63 x 50 - cid - 27.11.47
Grande pintor brasileiro, nascido em Fortaleza, Ceará e falecido em Paris onde viveu a maior parte de sua curta e rica vida. Começando figurativo, num estilo expressionista, adotou, já em França, um não figurativismo lírico, algo à maneira do grande Wols, seu amigo que iria manter até o precoce fim. É um dos pioneiros da arte abstrata no Brasil. BENEZIT, vol.1, pág.415; MEYER/87, pág.606; MEC, vol.1, págs.159,160 e 167; PONTUAL, págs. 48 e 49; WALMIR AYALA, vol.1, págs. 71 a 74; TEIXEIRA LEITE, pág. 52 a 54; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 637; ARTE NO BRASIL, pág. 599; LEONOR AMARANTE, pág. 34; Acervo FIEO.

126 - HEITOR DOS PRAZERES - (1898 - 1966)
Base: R$ 3.300,00 Jogando peteca - ose - 30 x 40 - cid
Com autenticação da família do artista, na pessoa do curador da obra, Sr. Heitor dos Prazeres Filho, no dorso. -Compositor e pintor, iniciou-se na pintura em 1937. São seus temas preferidos o samba, favelas cariocas, mulatas e malandros. Participou da I Bienal de SP (1951), sendo nela premiado. Mostrou a sua obra em diversas exposições, no Brasil e no exterior. JULIO LOUZADA, vol.11, pág.247; MEC. Vol.3, pág.400; WALMIR AYALA. Vol.2, pág.194; TEIXEIRA LEITE, pág.408; PONTUAL, pag.439; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág.810; LEONOR AMARANTE, pág. 266; 673; Acervo FIEO.

127 - JOAN MIRÓ - (1893 - 1980)
Base: R$ 500,00 Composição - lito. 161/500 - 44 x 57 - cid
Pintor, desenhista, gravador, ilustrador, ceramista e escultor. Assinava Joan Miró e Miró. Nasceu em Montroig, Espanha e faleceu em Palma de Mallorca - Ilhas Baleares, Espanha. Entrou para Escola de Belas Artes de Barcelona com quinze anos, aperfeiçoando-se com o arquiteto Gali. Começou a expor em 1918 na sua terra natal e pouco depois, transfere-se para Paris. Assinou o manifesto surrealista em 1924. Em 1940 voltou à Espanha - Mallorca. Trabalhou com o ceramista Llorens Artigas. Em 1947 realizou um mural em Cincinnati, EUA, e um para a Universidade de Harvard, em 1950 (hoje substituído por uma cópia cerâmica, cujo original se encontra no MOMA de Nova York). Em 1958 trabalhou em dois gigantescos murais em cerâmica para a UNESCO, em Paris. A Fundação Joan Miró foi inaugurada em Montjuic, Barcelona, em 1975. Outras obras suas podem ser vistas na maioria dos museus e coleções de arte moderna espalhados pelo mundo. JULIO LOUZADA, VOL.1, PÁG.638; VOL. 4, PÁG. 746; VOL. 6, PÁG. 735; VOL.8, PÁG. 576; BENEZIT, VOL. 7, PÁG. 435; ITAU CULTURAL; DICIONÁRIO OXFORD DE ARTE – MARTINS FONTES.

128 - MILTON DACOSTA - (1915 - 1988)
Base: R$ 15.000,00 Vista de Santa Tereza - osct - 34 x 31 - cie - 1937 - Rio de Janeiro
Com a seguinte dedicatória: "Para Neidinha, com afeto e carinho Rio 1937 Dacosta".Esse grande pintor brasileiro, que estudou com Marques Júnior na Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro, ingressando em seguida no Núcleo Bernardelli, onde se ligou de amizade a Pancetti, é hoje glória nacional. Sua carreira atravessou várias fases, desde a de cunho figurativo da déc. 30, ao construtivismo dos anos 50, para atingir afinal o figurativismo, das Vênus e Pássaros, passando pelas figuras esquematizadas da década de 1940. TEODORO BRAGA, pág. 163; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 229; MEC, vol. 2, pág. 13; BENEZIT, vol. 3, pág.315; ITAU CULTURAL; PONTUAL, pág. 155; WALTER ZANINI, pág. 573; ARTE NO BRASIL, pág. 763; LEONOR AMARANTE, pág. 63; Acervo FIEO.

129 - YOSHIYA TAKAOKA - (1909 - 1978)
Base: R$ 5.000,00 Canto de atêlie - ost - 60 x 50 - csd - 1970
Pintor e desenhista nascido em Tóquio, Japão, veio para o Brasil em 1925, fixando-se no interior de São Paulo, trabalhando na lavoura. Mudou-se para São Paulo, onde ganhava a vida vendendo pastéis, fazendo caricaturas e como pintor de paredes. Foi aluno de Bruno Lechowsky no Rio de Janeiro. Foi um dos fundadores do Grupo Seibi, que reuniu artistas plásticos da colônia japonesa em São Paulo (1935). Fundou em 1948, juntamente com Geraldo de Barros e Antonio Carelli, o Grupo dos Quinze. Viveu em Paris de 1952 a 1953, estudando técnica de mosaico; Freqüentou o Núcleo Bernardelli, onde se ligou de amizade a Pancetti. Participou de diversos salões e exposições, nacionais e estrangeiras, recebendo diversas premiações. PONTUAL, pág. 510; TEIXEIRA LEITE, pág. 490; MEC, vol. 4, pág. 352; TEODORO BRAGA, pág. 220; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 361; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 579; ARTE NO BRASIL.

130 - DARIO MECATTI - (1909 - 1976)
Base: R$ 5.000,00 Feira - ost - 32 x 42 - cie
- Reproduzido no convite deste leilão.Pintor nascido na Itália. Mecatti radicou-se no Brasil em 1940, após trabalhar por vários anos na Tripolitânia, no norte da África. É notável pela estilização de suas figuras e paisagens concebidas, em tons baixos e obedientes a uma composição pessoal. TEODORO BRAGA, pág. 161/2; MEC, vol. 3, pág. 109; PONTUAL, pág. 352; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 72; TEIXEIRA LEITE, pág. 320; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

131 - VICTOR VASARELY - (1908 - 1997)
Base: R$ 1.600,00 Malabarista - lito. E.A. - 80 x 50 - cid
Natural de Pecs, Hungria, onde nasceu a 9 de abril de 1908. Pintor e gravador, viveu em Paris desde 1930, naturalizando-se frânces em 1961. Iniciou-se na Academia de Padolini-Volkmann, Hungria, filiando-se à Bauhaus de Budapest. Mestre da pesquisa abastrata, é tido como continuador do espírito que moveu as realizações da Bauhaus, de de Albers e de Moholy Nagy. Deu um impulso excepcional à arte ótica, pela qualidade de suas realizações. Expôs individualmente em Paris, Bruxelas, Copenhagen, Estocolmo e outros grandes centros culturais europeus. WALTER ZANINI, pág. 664; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 1024; LEONOR AMARANTE, pág. 137;

132 - ALDO BONADEI - (1906 - 1974)
Base: R$ 5.000,00 Flores - a - 24 x 29 - cie
Com a seguinte dedicatória: " Para minha mamãe. Aldo 7.8.52 ". Esta obra participou da Exposição "Aldo Bonadei " na Galeria Millennium. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 072 deste catálogo.

133 - NOEMIA MOURÃO - (1912 - 1992)
Base: R$ 5.500,00 Pronta para festa - p - 72 x 54 - cid - 1943 - São Paulo
Pintora e desenhista. Assina Noemia. Realizou sua primeira individual em 1934, no Rio de Janeiro. Residiu na Europa de 1934 a 1940, frequentando em Paris as academias de la Grande Chaumière e Ranson. Expôs em Montevideu e Buenos Aires. Foi citada por REIS JUNIOR e TEODORO BRAGA. Foi aluna (1932) e mulher (1933) de Di Cavalcanti. MEC vol.3, pág. 265; WALMIR AYALA vol.2, pág.135; PONTUAL, pág. 375; TEIXEIRA LEITE, pág. 356; ITAU CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 684. Acervo FIEO.

134 - ENRICO BIANCO - (1918)
Base: R$ 300,00 Nus - ser. P.A. - 40 x 70 - cid
Nascido na Itália, é hoje considerado um de nossos melhores pintores. Atingiu um estilo pessoal, figurativo, eminentemente lírico, baseado em um desenho livre e numa cor sensível. THEODORO BRAGA, pág. 54; WALMIR AYALA, vol. 1, págs. 99, 110 e 104; MEC, vol. 1, pág. 242; PONTUAL, pág. 76; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 594. Acervo FIEO. -

135 - J. CARLOS - (1884 - 1950)
Base: R$ 1.200,00 Carmem Miranda - g - 23 x 14 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 040 deste catálogo.

136 - CACIPORÉ TORRES - (1932)
Base: R$ 1.100,00 Composição - e em b - h = 18 - ass. - 1979
Nascido CACIPORÉ de Sá Coutinho de Lamare TÔRRES, na cidade de Araçatuba, SP. É escultor e professor. Participou do I SPAM (1951) e da I, II, III, VI, VIII e IX Bienal de São Paulo. Recebeu diversos prêmios, inclusive de viagem à Europa em 1951. MEC, vol. 4, pág. 406; PONTUAL, pág. 524; JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 156; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 769; ARTE NO BRASIL, pág. 899; LEONOR AMARANTE, pág. 23.

137 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 13.000,00 Figura - osc - 32 x 22 - n/as. - c- 1940
Com a seguinte declaração no dorso: "Declaro que esta figura foi pintada por Di Cavalcanti na minha fazenda de Santa Tereza do Alto em 1940 ou 41. Tarsila do Amaral" - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

138 - TARSILA DO AMARAL - (1890 - 1973)
Base: R$ 3.000,00 Paisagem Antropofágica - dl
Composto por três desenho: 1) 6 x 11 cm ass. cid; 2) 7 x 10 cm ass. cid; 3) 7 x 11 ass. cid. Procedentes da coleção do crítico de arte José Henrique Fabre Rolim, São Paulo. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 037 deste catálogo.

139 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 1.500,00 Dom Quixote e Sancho Pança - ost - 78 x 59 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

140 - ANTONIO PARREIRAS - (1860 - 1937)
Base: R$ 50.000,00 " Niteroí " - ost - 91 x 100 - cid e d - 1912
- Reproduzido no convite e na contra capa do catálogo deste leilão.Um dos maiores paisagistas do Brasil, autor também de imponentes nus, Antonio Parreiras estudou com Grimm, mas adquiriu em seguida um estilo próprio, que se traduziu numa cor e numa textura violentas, quase fauves. BENEZIT, vol. 8, pág. 136; MAYER/84, pág. 1082; MEC, vol, 3, págs. 335/6; PONTUAL, págs. 406/7; LAUDELINO FREIRE, pág. 382; WALMIR AYALA, vol. 2, págs. 168 e 170; TEIXEIRA LEITE, pág.386/388; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 416; ARTE NO BRASIL, pág. 532; LEONOR AMARANTE, pág. 42; F. ACQUARONE, pág. 155.

141 - NICOLA PETTI - (1904 - 1983)
Base: R$ 300,00 Paisagem - ose - 12 x 18 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 032 deste catálogo.

142 - MITSUTAKA KOGURE - (1938)
Base: R$ 400,00 Beco - ost - 41 x 32 - cie - 1980
Com dedicatória, no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 052 deste catálogo.

143 - YUJI TAMAKI - (1916 - 1979)
Base: R$ 2.200,00 Fachadas - ost - 50 x 60 - cie - 1978
Nascido em Fukui, Japão, é um dos mais significativos pintores nipo-brasileiros. Foi também professor. Chegou ao Brasil em 1932. Junto com Takaoka, vai para o Rio de Janeiro, onde estudou com Bruno Lechowsky, congregando o Núcleo Bernardelli. Em São Paulo integra o Seibi-kai, participando do III SPBA e do SNBA em 1937 e 1938, conquistando medalhas de bronze e ouro, respectivamente. Integrou o Grupo do Jacaré e do Guanabara (II, III). Sua obra é marcada pelo mancha cromática, essencialidade do desenho, avizinhando-se do que seria posteriormente a abstração. JULIO LOUZADA vol.8, pág. 820; WALTER ZANINI, pág. 579; ARTE NO BRASIL

144 - ÉLON BRASIL - (1957)
Base: R$ 2.000,00 " Homem branco vem aí "' - ost - 61 x 81 - cse e d - 2009
Artista plástico autodidata, nasceu em 1957, na praia de Jurujuba, em Niterói-RJ, onde aos seis anos de idade começou a rabiscar seus primeiros crayons. Mudando-se em 1968 para São Paulo, aos 12 anos, ganhou sua primeira medalha de ouro na II PINARTE de Pinheiros. Em 1970, juntamente com os artista Aldemir Martins, Clóvis Graciano e Carlos Scliar, Élon ilustrou o livro de poesias "Cantando os Gols" de Tito Battine. Hoje, sua obra figurativa e abstrata é composta por imagens da terra: índios, negros e caboclos, cercados por textura e cores marcantes. Sua temática busca ressaltar e preservar a cultura brasileira e suas próprias raízes. Filho de baianos - mãe negra, neta de índios, e pai (o artista Milton Brasil), neto de imigrantes italianos e portugueses - Élon resgata em sua história e origem, a fonte de inspiração . Ao morar na Suíça por seis meses, obteve a oportunidade de expor o seu trabalho em diversas ocasiões, tornando-se conhecido internacionalmente, principalmente com encomendas para colecionadores europeus.

145 - VITTÓRIO GOBBIS - (1894 - 1968)
Base: R$ 4.200,00 Flores - ost - 64 x 45 - cid - 1940
Natural de Treviso, Itália. Iniciou seus estudos na terra de origem, tendo após fixado residência em São Paulo, onde foi pintor atuante. Obteve diversas premiações nos Salões Paulistas, no SNBA e no Salão Paulista de Arte Moderna. Participou da I e II Bienais de São Paulo. O MNBA e o MASP possuem obras deste festejado pintor. MEC, vol.2, pág.271; TEIXEIRA LEITE, pág. 220; PONTUAL, pág.240; WALMIR AYALA, vol.1, pág.350; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 579; ARTE NO BRASIL, pág. 777, Acervo FIEO.

146 - CARLOS SCLIAR - (1920 - 2001)
Base: R$ 300,00 Meninas - lito. Nº 3/Ex. 26 - 32 x 23 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 083 deste catálogo.

147 - IVAN MORAES - (1936)
Base: R$ 1.500,00 Baianas - ost - 61 x 21 - cid - 1971
Com etiqueta da Galeria Marte 21 - Rio de Janeiro, no dorso.Pintor natural da cidade do Rio de Janeiro. Estudou com Ivan Serpa, no MAM-RJ. Participou do IX ao XII SNAM, da VI BSP e II Bienal de Paris. Quirino Campofiorito sobre o temas de seus quadros escreveu: "Tira-os do popular, denuncia afinidades, respeita-lhes a autenticidade. Candomblé, memória de ritos, visões religiosas, gente na rua. O mundo da imagem anedódita, sim, mas a que não falta, em expressão rigorosa, a comunicação artística." PONTUAL, pág. 368;

148 - ANGELO CANNONE - (1899 - 1992)
Base: R$ 300,00 Charrete - osm - 17 x 20 - cid
Nascido na Itália, radicou-se no Brasil. Seu estilo liga-se ao dos Macchiajoli oitocentistas (os equivalentes italianos dos impressionistas franceses) e ao de Pratella em especial. São especialmente notáveis suas paisagens e marinhas. WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 168; JULIO LOUZADA vol.11, pág.54; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

149 - TAKASHI FUKUSHIMA - (1950)
Base: R$ 1.500,00 " Paisagem no pantanal " - ast - 60 x 80 - cid e d - 1986
Filho do pintor Tikashi Fukushima, nasceu em São Paulo, Capital. Estuda com Luiz Paulo Baravelli em 1970 e, no mesmo ano, ingressa na FAU-SP. Paralelamente aos estudos universitários, expõe nas Bienais Internacionais de São Paulo em 1973 e 1975, obtendo, nesta última, prêmio aquisição. Em 1990 estuda na Universidade Nacional de Artes e Música de Tóquio, Japão, com bolsa concedida pela Fundação Japão. No mesmo ano, recebe o prêmio de excelência na 1ª Bienal Brasileira de Design, em Curitiba. Desde 1992 leciona desenho no curso de arquitetura e urbanismo da Faculdade de Belas Artes de São Paulo. JULIO LOUZADA, vol. 13 pág. 141; ITAÚ CULTURAL; LEONOR AMARANTE, pág. 231, Acervo FIEO.

150 - MENASE WAIDERGORN - (1927)
Base: R$ 700,00 Meninos - ost - 40 x 30 - cid
Romeno da cidade de Hotin, Waidergorn veio para o Brasil em 1932, onde seus pais fixaram residência em São Paulo. Ingressou na APBA, onde conheceu Mecatti, que muito o estimulou e orientou, dele assimilando a luminosidade da pintura peninsular muito a gosto do ottocento italiano. Sua pintura aborda todos os gêneros, baseadas tanto nas recordações da infância pobre como nas lembranças das viagens que fez ao norte da Africa e Europa. Participou de diversos salões e coletivas, recebendo diversas premiações JULIO LOUZADA vol.11, pág. 330; Acervo FIEO.

151 - RENZO GORI - (1911 - 1999)
Base: R$ 300,00 " No litoral " - ose - 11 x 16 - cie e d - 1980
Pintor de estilo, participou de diversos Salões Nacionais, com premiações; muito apreciado por colecionadores de cenas árabes. TEODORO BRAGA, pág. 110; MEC, vol. 2, pág. 278; JULIO LOUZADA, vol. 9, pág. 390; Acervo FIEO.

152 - ARTHUR LUIS PIZA - (1928)
Base: R$ 350,00 Composição - grav. 3/99 - 44 x 24 - cid
Gravador, desenhista, pintor e escultor, nasceu em São Paulo, SP. Assina Piza. Iniciou a formação artística em 1943, estudando pintura e afresco com Antonio Gomide. Após participar da 1ª Bienal Internacional de São Paulo, em 1951, viajou para a Europa e passou a residir em Paris. Freqüentou o ateliê de Johnny Friedlaender, aperfeiçoando-se nas técnicas de gravura em metal. Realizou muitas exposições individuais e coletivas, participou de vários Salões oficiais e obteve importantes prêmios: Bienal Internacional de São Paulo (1953, 1959); Trienal de Grenchen, Suíça (1961); Bienal de Liubliana, atual Eslovênia (1961); Exposição Internacional de Havana, Cuba (1965); Bienal de Santiago do Chile (1965); Bienal de Veneza (1966); Bienal de Cracóvia, Polônia (1970); Bienal Internacional de Florença, Itália (1970); Bienal de San Juan, Porto Rico (1970, 1979); Mostra de Gravura, Curitiba – PR (1978); Bienal da Cidade do México (1980). No fim dos anos 1980, cria um mural tridimensional para o Centro Cultural da França, em Damasco, Síria. Em 2002, são apresentadas na Pinacoteca do Estado de São Paulo e no Museu de Arte do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, duas amplas retrospectivas de sua obra. BENEZIT VOL. 8, PÁG. 370; MEC, VOL. 3, PÁG. 422; PONTUAL, PÁG. 428/29; JÚLIO LOUZADA, VOL. 1, PÁG. 773; VOL. 2, PÁG. 823; VOL. 4, PÁG.899; VOL.6, PÁG. 896; VOL.13, PÁG. 268; ITAU CULTURAL; ARTE NO BRASIL, PÁG. 855; LEONOR AMARANTE, PÁG. 75; ACERVO FIEO; artfacts.net; artcyclopedia.com; artnet.com; artprice.com

153 - DUDI MAIA ROSA - (1946)
Base: R$ 1.100,00 Figura - ose - 65 x 46 - cid e d - 1976
Reproduzido sob o nº 58 em catálogo de Lordello e Gobbi - Escritório de Arte - São Paulo.Pintor, desenhista, professor. Estuda gravura com Trindade Leal (1927) na Fundação Armando Álvares Penteado - Faap, em São Paulo, em 1966. O artista interessa-se inicialmente pela aquarela e pela cerâmica, voltando-se posteriormente à pintura. Realiza sua primeira exposição individual em 1967, na Galeria Atrium. Em 1968, ingressa na Faculdade de Engenharia de Mogi das Cruzes e freqüenta o ateliê de Wesley Duke Lee (1931). Nos anos seguintes vive na Inglaterra. Retorna ao Brasil em 1972, e passa a freqüenta a Escola Brasil:, inicialmente como aluno, tornando-se depois professor. Nas décadas de 1960 e 1970, realiza trabalhos que têm como tema a cidade de São Paulo, representada em cenários oníricos. Nos anos 1980, sua pintura adquire características tridimensionais, marcada por uma pintura gestual. ITAU CULTURAL.

154 - JULIO VIEIRA - (1933 - 2000)
Base: R$ 700,00 Figuras - dn e a - 12 x 17 cada - ass.
Composto por quatro trabalhos montados em uma mesma moldura.Natural da cidade do Rio de Janeiro, foi pintor, gravador e desenhista. Fez curso na antiga Escola Nacional de Belas Artes, entre 1952 e 1956, estudando gravura com Goeldi entre 1954 e 1956. Um trecho da lavra do crítico e pintor Quirino Campofiorito sobre a arte única do artista: " ..A vantagem de Júlio Vieira era sua fidelidade ao transe terrestre. Sua pintura foi sempre um gesto doloroso. Muitas águas rolaram, desde então. Oficializou-se o concretismo e o neoconcretismo. Júlio sempre marginal e sempre um excelente artista. MEC vol. 4 pág. 475 - JULIO LOUZADA, vol. 1 pág. 1034; ITAU CULTURAL

155 - MÂNLIO MORETTO - (1917)
Base: R$ 450,00 Paisagens - ose - 10 x 20 cada - cie - 1979
Conjunto de 4 quadros do autor.Natural da Capital de São Paulo, o artista encontrou sua melhor forma de expressão pintando paisagens. Aprendeu as regras de perspectivas com o professor e engenheiro F. Prestes Maia, em 1939. Foi aluno de Edgard Oehlmeyer. Participou de diversas mostras em SP e no RJ, recebendo diversas premiações. JULIO LOUZADA vol. 1 pág. 648/649

156 - CAMARGO FREIRE, EXPEDITO - (1908 - 1988)
Base: R$ 1.100,00 " Mãe e filho " - ost - 65 x 55 - csd - 1960
Pintor e professor, iniciou seus estudos no liceu de artes e ofícios e no núcleo Bernardelli no Rio de Janeiro. Em Paris freqüentou a Academie de La Grande Chaumière. Foi incluído na mostra Um Século de Pintura Brasileira, organizada pelo MNBA (1952). Dedica-se de modo especial à paisagem. MEC, vol. 2, pág. 208; ITAU CULTURAL.

157 - ADEMAR SHIMABUKURO - (1963)
Base: R$ 300,00 Composição - ast - 57 x 105 - d
Pintor e gravador natural de Campinas-SP. formou-se em arquitetura pela PUC de sua cidade em 1991. Trabalha e reside em São Paulo, onde leciona e desenvolve atividades ligadas às artes plásticas. Estudou gravura com Evandro Carlos Jardim, pintura com Adolpho Hollanda e sumi-ê com Massao Okinaka, sendo autodidata nas demais técnicas. Expõe desde 1992, com sucesso de público de crítica. "Ademar Shimabukuro, promissor talento, apresenta uma obra pictórica de grande impacto pela sutileza em acoplar materiais recicláveis como madeira, feltro, barbante (...) com maestria, conseguinto efetios notáveis. Cada obra permite ao espectador uma viagem imaginária, por entre as texturas contrastantes em composições ritmadas pela perseverança em alcançar o equilíbrio perfeito das formas." José Henrique Fabre Rolim, junho de 1994, crítico da ABCA-APCA.

158 - JOÃO KOZO SUZUKI - (1935)
Base: R$ 450,00 Surreal - osm - 12 x 40 - cid - 1971
Natural de Mirandópolis, SP, é pintor, desenhista e gravador. Foi discípulo de João Rossi. Expõe individualmente a partir de 1959, e coletivamente desde 1957. Ganhador de diversos premios em certames oficiais, tais como SPAM-SP, Grupo Seibi, etc. JULIO LOUZADA, vol. 3 , pág 1102; ITAU CULTURAL.

159 - CÍCERO MONTEIRO - (1939)
Base: R$ 250,00 " Pantanal " - ost - 61 x 51 - cid - 1994
Alagoano de União dos Palmares, aos dezoito anos foi para o Recife-PE, ingressando na Marinha. Radicou-se em São Paulo, onde produziu intensamente, sendo considerado por Ciccilio Matarazzo, famoso mecenas, um dos mais importantes e originais pintores primitivos brasileiros. JULIO LOUZADA vol.3, pág. 754; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

160 - IVO BLASI - (1932 - 2008)
Base: R$ 300,00 Marinha - ost - 16 x 22 - cid e d - 1990
Foi pintor atuante em São Paulo. Viveu na Itália por algum tempo, onde frequentou cursos de arte. No Brasil cursou a Escola Paulista de Belas Artes, tendo participado de diversas exposições. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 36; Acervo FIEO.

161 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. os 10/100 - 23 x 16 - cie - 1996
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

162 - AUGUSTO JOSÉ MARQUES JÚNIOR - (1887 - 1960)
Base: R$ 300,00 Estudo de academia - dc e p - 61x 41 - cid
Discípulo de Visconti, grande pintor e mestre de pintura, Marques Júnior foi, no lado de Cavalleiro, um dos renovadores da arte nacional, nos primeiros anos do século XX. REIS JR. , pág. 371; TEODORO BRAGA, pág. 159; PONTUAL, pág. 341.342; MEC, vol. 3, pág. 76; TEIXEIRA LEITE, pág. 315; Primores da Pintura no Brasil, pág. 277.

163 - SERGIO FANELLI - (1959)
Base: R$ 300,00 "Pinheiro" - ost - 16 x 22 - cid e d
Pintor, desenhista e gravador. Nasceu em São Paulo, em 26/4/1959. "Sua pintura é essencialmente abstrata, mas com uma referência dinâmica ao vislumbrar na paisagem urbana fios elétricos e pipas" (Fabre Rolim - 1986). Participa de coletivas com sucesso de crítica. JULIO LOUZADA, vol.. 6 pág. 377

164 - MARCIO SCHIAZ - (1965)
Base: R$ 300,00 " Avenida Paulista ' - ose - 24 x 33 - cie e d - 2009
Paulistano, o pintor nasceu em 10/5/1965. Estudou na APBA-SP, onde desenvolveu curso de desenho e pintura, frequentado sessões de modelo vivo. Individuais desde 1989 e coletivas em Salões Oficiais, com sucesso de crítica. Recebeu diversos prêmios. JULIO LOUZADA, vol.13, pág. 304; Acervo FIEO.

165 - IDA ZAMI - (1940)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 70/85 - 73 x 100 - cid
Pintora, escultora, joalheira e desenhista, a autora nasceu em São Paulo, no dia 18 de março de 1940. Concluiu o curso de Artes Plásticas da Faculdade de Belas Artes de São Paulo. Fez, dentre tantos outros, o curso de desenho, pintura e criatividade no Ateliê Sara Goldman, de 1978 a 1980. Expõe individual e coletivamente a partir de 1980, inclusive no exterior, com premiações. JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 954

166 - HUGO ADAMI - (1900 - 1999)
Base: R$ 500,00 Natureza morta - ost - 65 x 50 - d
Pintor. Fez estudos artísticos em Florença e Paris. O artista participou da Bienal de Veneza e do Salão das Tulheries em Paris. Destacou-se como um dos nossos melhores paisagistas. TEODORO BRAGA, pág. 120; PONTUAL, pág. 3; REIS JUNIOR, pág. 380; MEC, vol. 1, pág. 36; WALMIR AYALA, vol. 1 , pág. 11; TEIXEIRA LEITE, pág. 13; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 580; ARTE NO BRASIL, pág. 777; ACERVO FIEO, pág. 998.

167 - GINO BRUNO - (1889 - 1977)
Base: R$ 700,00 Circo - ost - 80 x 100 - cid
Nascido e falecido em São Paulo, este pintor foi especialista em figuras, interiores e naturezas-mortas. TEODORO BRAGA, pág. 108; MEC, vol. 1, pág. 299; PONTUAL, pág. 92; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 135; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 623; Acervo FIEO.

168 - ANTONIO MAIA - (1928 - 2008)
Base: R$ 800,00 " Ex-voto " - ast - 40 x 40 - cid e d - 2006
Natural de Carmópolis, SE. Pintor e desenhista. Radicado no Rio de Janeiro desde 1955. Em 1959 fez suas primeiras apresentações em coletivas. Estreou no SNAM, obtendo o prêmio de viagem ao exterior (1969). Pertencente àquele grupo de artistas que organizam seu trabalho em torno de valores culturais vindos da expressão popular, o artista assumiu como um dos temas de sua pintura a imagem do ex-voto., escultura religiosa de caráter popular e votivo. O ex-voto representa, para o artista, um ponto de partida na realização de uma paisagem brasileira sem conotações urbanas. É uma pintura em que o mundo dos homens é construído pelos homens e por suas criações. O artista empresta às figuras com que trabalha, os ex-votos, conotações de análise ideológica, e o faz sem palavras, apenas pela força da presença visual. Figurou em diversas coletivas nacionais e internacionais, conquistando prestigio de critica e público. MEC vol.3, pág.42; PONTUAL, pág. 330 e 331; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 697; Acervo FIEO.

169 - PEDRO CORRÊA - (1920)
Base: R$ 300,00 Carnaval - ost - 50 x 70 - cid
Paraibano de Campina Grande, foi artisticamente orientado pelo pintor Augusto Rodrigues, no Rio de Janeiro. Fixou residência em São Paulo, onde é ativo, inclusive através de uma escola de arte que mantém na cidade. Participou regularmente do SPBA, tendo também realizado várias individuais. JULIO LOUZADA, vol. 1 pág. 271 e 272, Acervo FIEO.

170 - ALFREDO VOLPI - (1896 - 1988)
Base: R$ 300,00 Fachada - lito. 157/200 - 70 x 100 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 010 deste catálogo.

171 - OLIMPIO DOS SANTOS BEZERRA - (1951)
Base: R$ 300,00 Colhendo frutas - ost - 30 x 40 - cie - 1978
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 011 deste catálogo.

172 - IVAN FREITAS - (1931)
Base: R$ 300,00 Marinha - ser. 59/100 - 53 x 74 - cid - 1990
Pintor e muralista, nasceu em João Pessoa-PB. Realiza sua primeira mostra individual na Biblioteca Pública, em 1957. Reside em Paris (1962 e 1963), com bolsa de estudos da Maison de France, e, de 1969 a 1972, em Nova Iorque, Estados Unidos, comissionado pela International Telephone and Telegraph Corporation. De volta ao Brasil, pinta mural de mais de 1000 metros quadrados na parede externa da Escola Nacional de Música, no Rio de Janeiro, em 1984 - o primeiro do Projeto Arte nos Muros. Participa de diversas coletivas, tais como: SNAM-RJ (1959/1961); Bienal Internacional de São Paulo (1961/1975), dentre tantas outras. JULIO LOUZADA vol.11, pág.117; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 764; LEONOR AMARANTE, pág. 239.

173 - ELISEU D´ANGELO VISCONTI - (1866 - 1944)
Base: R$ 700,00 Flor - dlc - 30 x 20 - cid
Considerado o maior pintor que trabalhou no Brasil, nasceu na Itália, mas fez sua formação artística na Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro e em Paris. Foi sucessivamente, realista, simbolista, adepto do Art Noveau e pós- impressionista, até chegar em algumas paisagens já quase no fim da vida, a uma síntese admirável de todos esses estilos e tendências. Sua obra-prima - e uma das obras- primas da arte brasileira de todos os tempos - é a decoração do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, principamente o friso do foyer, iniciado em 1914. TEODORO BRAGA, pág. 240/241; LAUDELINO FREIRE, págs. 515/ 133/ 151/ 510 e 512; BENEZIT, vol. 10, pág. 535; REIS JR., pág. 293 /300 /304 /371 /375/ 380/ 381/ 388/ 389; MEC, vol. 4, pág. 393; PONTUAL, pág. 543/544/545; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 422 e 423; MAYER/84, pág. 1252; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 420; ARTE NO BRASIL, pág. 553; LEONOR AMARANTE, pág. 42; Acervo FIEO; F. ACQUARONE, pág. 171.

174 - SYLVIO ALVES - (1926)
Base: R$ 500,00 Rosas - ost - 65 x 50 - cse
Formado e ativo em São Paulo, foi expositor do Salão Paulista de Belas Artes. Especializou-se na Academia de Belas Artes de Roma e na Escola Superior de Belas Artes, na Academia Julien e na Grande Chaumièrè, na França. MEC, vol. 1, pág. 72; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág.55; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

175 - AUTOR DESCONHECIDO, SÉC. XX -
Base: R$ 300,00 Palhaço - ose - 86 x 63 - cie - Branco - 1970

176 - FERNANDO MAGALHÃES VELLOSO - (1951)
Base: R$ 400,00 Composição - lito. 50/70 - 100 x 70 - cid - 1989-2003
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 016 deste catálogo.

177 - MANEZINHO ARAUJO - (1910 - 1993)
Base: R$ 600,00 Marinha - ser. 59/100 - 40 x 50 - cid
Com dedicatória.Com apenas dezesseis anos de idade mudou-se para Recife, a fim de concluir seus estudos. Após cursar a escola de comércio de Pernambuco, transferiu-se para o Rio de Janeiro, onde foi buscar fama através da música, sua primeira paixão. Destacou-se como compositor e intérprete de música popular nordestina, o que lhe valeu a possibilidade de montar um restaurante de comida nordestina em SP, muito famoso durante vários anos, o Cabeça Chata. Apesar de viver, em SP, suas raízes ainda permanecem em Pernambuco. De uma forma autodidata começou a dedicar-se à pintura, retratando o folclore nordestino, sua gente, suas vidas, fase que sustentou até o seu desaparecimento, com uma menção surrealista. Expôs individualmente nas Galerias Astreia e Capela (SP), e na Ranulfo em Recife (1969). Em 1968, apresentado por Aldemir Martins, teve publicado o álbum de serigrafias Meu Brasil. WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 56; MEC, vol. 1, pág. 109; PONTUAL, pág. 38; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 18; ITAU CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 832; Acervo FIEO.

178 - EUGÊNIO BASSI - (1935)
Base: R$ 500,00 Anoitecer - ost - 40 x 50 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 018 deste catálogo.

179 - BENIAMINO PARLAGRECO - (1856 - 1902)
Base: R$ 800,00 Pequeno fumante - p - 48 x 43 - cid
Pintor e desenhista italiano, tendo realizado sua formação artística em Nápoles, veio fixar-se no Rio de Janeiro em 1895, onde morreria de febre amarela. Já em 1898 conquistava a medalha de outro no Salão Nacional de Belas Artes. Encontram-se obras suas no Museu Nacional de Belas Artes e na Pinacoteca do Estado de São Paulo.Obras de sua autoria são raríssimas e grandemente disputadas. LAUDELINO FREIRE, pág. 517; THEODORO BRAGA, pág. 183; WALMIR AYALA, vol.2, pág.57; PONTUAL, págs. 386 e 406; ARTE NO BRASIL.

180 - GERALDO ORTHOF - (1903 - 1990)
Base: R$ 400,00 " Lago " - ost - 28 x 36 - cid e d
Pintor, cartazista e desenhista, nasceu em Viena, Áustria, e faleceu no Rio de Janeiro-RJ. Inicia seus estudos em sua cidade natal, entre 1917 e 1921, estudando com o pintor Windhager. Em 1922, na Alemanha, ingressa na Academia de Berlim, onde é aluno de Ferdinand Spiegel e Karh Hofer. No Brasil, atua como paginador artístico da revista O Cruzeiro (1928). Entre as exposições de que participa, destacam-se: Exposição da Academia de Belas Artes, Rio de Janeiro, 1926; Salão Nacional de Artes Plásticas, no Palácio da Cultura e no MNBA - Categoria Desenho, Rio de Janeiro, 1978; Exposição do Ministério da Aviação, Rio de Janeiro, 1980 (Medalha de Ouro). JULIO LOUZADA, vol. 2 pag. 746; ITAU CULTURAL.

181 - ANTONIO DE OLINDA - (1966)
Base: R$ 550,00 Maracatu - ost - 55 x 122 - cid - 1986
Nasceu em Olinda, onde vive e trabalha, e de onde adotou o apelido artístico. Inicialmente trabalhava como mamulengo ( teatro de bonecos ). Aprendeu a pintar com Roberto Lúcio. Expôs coletivamente pela primeira vez em 1984, conquistando uma das premiações do Salão dos Novos de Pernambuco. Realizou adereços para filmes. ARTE NAIF NO BRASIL, pág. 216

182 - FRANCISCO BIOJONE - (1934)
Base: R$ 450,00 Composição - a - 46 x 9 - ci e d - 1993 - Campinas-SP
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 071 deste catálogo.

183 - NILSON PIMENTA DA COSTA - (1957)
Base: R$ 1.100,00 Mudança - ast - 85 x 112 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 023 deste catálogo.

184 - RANCHINHO - (1923 - 2003)
Base: R$ 1.700,00 Na rede - ostce - 40 x 60 - cid - 1986
Seu verdadeiro nome era Sebastião Theodoro Paulino da Silva, nascido na cidade paulista de Oscar Bressane, no dia 7 de janeiro de 1923, mudando-se com a mãe, então viúva, para Assis, SP, onde viveu até morrer. Pintor ingênuo, hoje consagrado, comeu durante a sua vida " o pão que o diabo amassou", conforme narra, de forma pungente, R. Rugiero, no catálogo de exposição do artista no ano de 1988, de cujo texto, reproduzido no vol. 4, página 931, do dicionário JULIO LOUZADA, extraímos o seguinte texto: "... Com o tempo pôs-se a viver exclusivamente da catança de papéis, latas, garrafas - e de algumas famílias obtinha também comida e roupas velhas. Passou a habitar ranchos de beira de estrada, abandonados, donde lhe veio o apelido de Ranchinho, com a qual a garotada o atazanava, atirando-lhe pedras e gritando o nome que o punha fora de si. Por fim fixou-se num casebre, em uma granja abandonada, e alí viveu até 1962, em grande necessidade. E sempre desenhando obsessivamente em qualquer superfície branca que lhe caísse nas mãos." Foi descoberto pelo escritor José Nazareno Mimessi, que percebeu em Ranchinho um impressionante fenômeno artístico, no que não estava enganado. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 259; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

185 - RENINA KATZ - (1925)
Base: R$ 300,00 " O castelo verde " - lito. 2/20 - 36 x 74 - cid - 1976
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 017 deste catálogo.

186 - HILDA CAMPOFIORITO - (1901 - 1997)
Base: R$ 250,00 Composição - tm - 16 x 12 - cie
Nascida HILDA Helena Eisenlohr CAMPOFIORITO, em 3/8/1901, na cidade do Rio de Janeiro. Pintora, ceramista, tapeceira e artesã de jóias e de batik, ingressou na antiga Escola Nacional de Belas Artes, em 1923, como aluna livre, ali permanecendo até 1929. Na companhia de seu marido, o pintor, professor e crítico de arte, Quirino Campofiorito, viajou mais tarde para a Europa, realizando cursos de aperfeiçoamento em PAris e Roma. Expôs por alguns anos no SNBA, Divisão Moderna, no Rio de Janeiro, obtendo premiações. JULIO LOUZADA, 12 pág. 82; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 602.

187 - ADEMAR COSTA SIMÕES - (1939)
Base: R$ 400,00 " Arredores - Minas Gerais " - ost - 30 x 41 - cie - 1995
Nasceu na cidade paulista de Santos, a 24 de novembro de 1939, Estudou e trabalhou com o prof. José Roncoleto Lubra (1954/1959), em telas e painéis de azulejos. Expõe suas obras desde 1986, em individuais (interior do Estado), e coletivas (no interior e capital - SPBA), recebendo premiações. JULIO LOUZADA, vol. 9, pág. 806.

188 - NERÃO - (ANTONIO JOAQUIM NERY) - (1903 - 1997)
Base: R$ 1.200,00 " A Favela e o Jokei Club Cidade Jardim " - ost - 38 x 46 - cid - 1985
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 028 deste catálogo.

189 - LEOPOLDO RAIMO - (1912 - 2001)
Base: R$ 2.500,00 Composição - g - 25 x 25 - cie - 1953
Com carimbo de Galeria Sistina - São Paulo, no dorso.Pintor e gravador, nascido em Botucatu/SP, com diversas participações em Salões e Exposições, tais como: Salão Paulista de Arte Moderna, Salão Baiano de Belas Artes, Bienal de São Paulo e Salão Nacional de Arte Moderna, entre outros. MEC. VOL. 4, PÁG. 22

190 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 1.800,00 " Marinha " - asc - 29 x 41 - cid
Com certificado de autenticidade do Estudio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

191 - MANOEL MARTINS - (1911 - 1979)
Base: R$ 250,00 Casario - dlc - 16 x 25 - cid
Com dedicatória no dorso, datada de 20/12/78.Natural de São Paulo, MANOEL MARTINS participou ativamente do Grupo Santa Helena, onde defendeu a necessidade de fazer da arte uma profissão, e ocupar com ela, um espaço na sociedade. Manoel Martins, a partir da exposição da Familia Artística Paulista em 1937, realizado pelos integrantes do Grupo, desenvolveu obras no âmbito do figurativo, buscando incorporar a vida, o movimento, as aglomerações do mundo urbano, substituindo a figuração pós-impressionistas por elementos racionais do cubismo com a valorização do expressionismo. TEIXEIRA LEITE, pág. 316; JULIO LOUZADA, vol.11, pág. 201; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 584; ARTE NO BRASIL, pág. 784, Acervo FIEO.

192 - NEUTON FREITAS DE ANDRADE - (1938)
Base: R$ 1.100,00 " Nossa Senhora " - ost - 60 x 50 - cid - 1964
Nasceu em Timburi, SP, a 7 de abril. Foi lavrador na colheita de café e algodão. Mudou-se para São Paulo em 1958, dedicando-se à pintura a partir de 1959. Trata-se de pintor espontâneo, de técnica rudimentar, tratando de modo ingênuo, os temas caipiras. Seu currículo inclui uma extensa de participações em coletivas nacionais e internacionais, com sucesso de crítica e público. JULIO LOUZADA, vol. 2 pág. 65

193 - ROLANDO NATAL SCURZIO - (1931 - 1998)
Base: R$ 500,00 "Venezia" - ose - 41 x 51 - cid e d - 1994
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 033 deste catálogo.

194 - RUBENS GERCHMAN - (1942 - 2008)
Base: R$ 300,00 O beijo - lito. 72/100 - 28 x 36 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 012 deste catálogo.

195 - FERNANDO COELHO - (1939)
Base: R$ 500,00 Figuras - ostce - 27 x 35 - cie - 1981
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 035 deste catálogo.

196 - VASCO PRADO - (1914)
Base: R$ 400,00 Casal - m em cer. - h = 24 - ass.
Com etiqueta do XVI Congresso Brasileiro Psicanálise - Gramado/RS - 1997.Escultor, desenhista e gravador, VASCO PRADO abriu seu primeiro ateliê em 1941. Bolsista do governo francês, estudou na França na Escola de Belas Artes de Paris, tendo recebido ensinamentos de Fernand Léger. De volta ao Brasil em 1951, foi um dos fundadores do Clube de Gravura de Porto Alegre, ao lado de Scliar. Artista atuante, VASCO PRADO valoriza a sua arte pelo esmero e originalidade de suas obras. JULIO LOUZADA vol.9, pág. 699; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 711; ARTE NO BRASIL, pág. 842.

197 - TARSILA DO AMARAL - (1890 - 1973)
Base: R$ 2.000,00 Aves - dl - 11 x 16 - cid - 1918
Ex-coleção Paulo Bogocian - São Paulo. Com estudo no dorso assinado e datado de 1918. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 037 deste catálogo.

198 - ALOYZIO ZALUAR - (1937)
Base: R$ 450,00 " Bem-te-vi do bico chato " - ose - 31 x 41 - cid - 1982
Natural da cidade do Rio de Janeiro. Passou a frequentar a antiga ENBA em 1956. Participou de diversos SNAM entre 1958 e 1967, recebendo a Certificado de Isenção em 1966. Expõe individualmente a partir de 1964. TEIXEIRA LEITE chamou atenção, em 1964, para a influência de Goeldi nos seus trabalhos que, mais tarde, abordaram a temática do carnaval carioca, levando o artista e poeta José Paulo Moreira da Fonseca a situá-lo na fronteira entre o desenho e a pintura. ITAÚ CULTURAL; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 349; MEC, vol. 4, pág. 528; PONTUAL, pág. 556; ACERVO FIEO, pág. 785. Acervo FIEO. -

199 - OTELO CAÇADOR - (1926 - 2006)
Base: R$ 200,00 " Moacir " - dn - 21 x 25 - ci
Otelo Caçador, jornalista, chargista e humorista, falecido aos 80 anos de idade no Rio de Janeiro, era figura lendária do futebol brasileiro. Algumas de suas frases acabaram incorporadas ao mundo futebolístico, como "montinho artilheiro", "campeão moral" e outras. Por 33 anos escreveu em O Globo a coluna Penalty de Otelo, entre 1953 e 1986, atuando ainda como repórter.

200 - JEAN GUILLAUME - (1912 - 1985)
Base: R$ 1.000,00 Velas - ost - 115 x 80 - cie - 1962
Nascido em Bayonne, França, em 26/5/1912 e falecido em Cabo Frio, Brasil, onde era ativo desde 1961. Estudou em Bordeaux e Paris. Frequentou a Académie de la Grande Chaumière, onde tornou-se amigo de Bernard Buffet, dentre outros mestres da época. No Brasil desde 1951, expos regularmente no Rio de Janeiro e outras cidade da América do Sul. JULIO LOUZADA, vol. 2, pág. 480; ITAU CULTURAL.

201 - CARMÉLIO CRUZ - (1924)
Base: R$ 1.000,00 " Cenário 8 " - ost - 50 x 50 - cid e d - 1989
Com etiqueta de Valoart Galeria de Arte - São Paulo, no dorso.Natural de Canindé, CE. Pintor e desenhista iniciou suas atividades artísticas em sua terra natal. De 1947 a 1950 lecionou desenho no Rio, na Associação Brasileira de Desenho. Fixou-se em São Paulo a partir de então, participando de diversas Bienais até 1967 e nos SNAM, de 1959 a 1963, recebendo diversas premiações. Expôs individualmente em diversas cidades do País. Sobre sua obra, assim se referiu Theon Spanudis (1965): "Partindo de algumas experiências plásticas de Paul Klee, desenvolveu nos últimos anos uma pintura sui-generis, que se caracteriza pelo feliz casamento de dois elementos diferentes, senão opostos (...) Um elemento rítmico, linear que invade a tela e a subdivide em segmentos rítmicos, e um elemento cromático, difuso", encontrando nas suas obras "evocações poéticas de muros antigos, muros abandonados, muros com musgo, e a melancolia de cidadezinhas do interior (...) com seus humildes casebres ritmicamente seriados." MEC, vol. 1, pág. 498; PONTUAL, pág. 152; WALMIR AYALA, vol. 1, págs. 224/226; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 697; LEONOR AMARANTE, pág. 18; Acervo FIEO.

202 - DOROTHY BASTOS - (1933)
Base: R$ 400,00 Composição - xilo. 7/10 - 35 x 45 - cid - 1962
Pintora, desenhista e gravadora que nasceu em São Paulo, SP, onde também fez seu aprendizado artístico. Exposições individuais: São Paulo (1958, 1961, 1966); Campinas, SP (1960); Santos, SP (1965). Coletivas: São Paulo (entre 1955 e 1967 – Salões Paulistas de Arte Moderna e Bienais Internacionais, entre 1969 e 1987 – Panoramas da Arte Atual Brasileira); Rio de Janeiro (entre 1958 e 1962 – Salões Nacionais de Arte Moderna); Argentina (1960); Portugal (1960); México (1960, 1961 – Bienal); França (1961 – Bienal de Paris); Curitiba (1962, 1965); Ribeirão Preto (1964); Florianópolis (1965); Brasília (1964, 1965); EUA (1961); Peru (1965); Belo Horizonte (entre 1960 e 1965). Prêmios: São Paulo (1957, 1959, 1962, 1964); EUA (1961); Belo Horizonte (1964). JULIO LOUZADA VOL. 7, PÁG. 77; ITAU CULTURAL; PONTUAL, PÁG. 59; MEC VOL. 1, PÁG. 190.

203 - EDUARDO IGLESIAS - (1940)
Base: R$ 1.500,00 Florista - ast - 50 x 50 - cid e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 081 deste catálogo.

204 - ROSINA BECKER DO VALLE - (1914 - 2000)
Base: R$ 450,00 " A coruja " - tm - 32 x 20 - cid - 1978
Com dedicatória, no dorso.Foi aluna de Ivan Serpa, no Atelier Livre de Pintura do MAM-RJ. Pintora ingênua ou naif, Rosina tem como principais temas as manifestações populares, como carnaval, capoeira, etc. Participa de coletivas oficiais desde 1957 (Salão Nacional de Arte Moderna-RJ). Diversas instituições possuem obras suas em acervo, tais como MAM-RJ, MAM-SP, Museu de Buenos Aires, Museu de Hamburgo, Alemanha, Fundação Castro Maia-RJ. etc WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 401; MEC, vol. 4, pág. 441; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 330; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 810.

205 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 500,00 Família - tm - 9 x 6 - csd - 1978
Com etiqueta nº 5195 de Renot Atelier - São Paulo, no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 118 deste catálogo.

206 - EUGÊNIO DE PROENÇA SIGAUD - (1889 - 1979)
Base: R$ 1.700,00 Flores - osc - 30 x 21 - cid e d - 1947
Reproduzido sob o n.° 224 em catálogo de leilão de Renot - São Paulo. -Estudou desenho na Escola Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro com Modesto Brocos, formando-se em arquitetura em 1932, nessa mesma escola. A partir de 1935, dedicou-se à pintura mural e, de 1937, à pintura de temas sociais, com predominância de motivos de operários em construção e trabalhadores rurais. Caracteriza-se por uma grande versatilidade técnica, sendo dos raros pintores brasileiros a utilizar, lado a lado, o óleo, a têmpera e a encáustica, além da aquarela e do guache. Participou do Núcleo Bernardelli. PONTUAL, pág. 489; MEC, vol. 4, pág. 243; TEIXEIRA LEITE, pág. 475 e 476; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 324 a 327; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 579; ARTE NO BRASIL, pág. 763, Acervo FIEO.

207 - RUY STILPEN - (XX)
Base: R$ 300,00 Composição - dl e a - 20 x 20 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 044 deste catálogo.

208 - OSCAR PEREIRA DA SILVA - (1867 - 1939)
Base: R$ 3.900,00 O vôo da borboleta - osc - 28 x 22 - cie - 1937
Grande pintor brasileiro; prêmio de viagem à Europa em 1889, aperfeiçoou-se em Paris com Gérome e Leon Bonnat. "Sem ter revelado impulsos vigorosos que lhe evidenciassem poder emotivo, Oscar Pereira da Silva soube manter no transcorrer de bem cinquenta e sete anos de produção permanente e intensa, desde que retornou ao país, em 1896, todo o cuidado de um desenho severamente elaborado, sem num só instante voltar-se para o novo semblante que a pintura adquiria nessa transposição de tempo. " Quirino Campofiorito, in CAMPOFIORITO, Quirino. História da Pintura Brasileira no Século XIX. Ed.Pinakotheke-SP, 1983. PRIMORES DA PINTURA NO BRASIL, vol. 1, págs. 245/281; TEODORO BRAGA, pág. 177/8; LAUDELINO FREIRE, pág. 383; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 185; MEC, vol. 4, pág.277; PONTUAL, pág. 419; TEIXEIRA LEITE, pág. 402; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 437; ARTE NO BRASIL, pág. 553, Acervo FIEO; F. ACQUARONE, pág. 187, RUTH TARASANTCHI.

209 - ANNA MARIA MAIOLINO - (1942)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. 34/40 - 100 x 73 - cid - 1995
Pintora, gravadora e escultora natural de Scalea (Calábria) Itália. Residiu na Venezuela com a família, onde estudou pintura na Escola de Belas Artes Cristóbal Rojas. Posteriormente transferiu sua residência para o Rio de Janeiro-RJ, onde fez curso de gravura em madeira na ENBA. Participou nos anos 60 do movimento carioca Nova Figuração, com Vergara, Gerchman, Antonio Dias e Roberto Magalhães. Em 1978 e 1981 foi estudar em NY. Individuais a partir de 1967 e coletivas desde 1965, inclusive na Bienal de São Paulo. Recebeu premiações. JULIO LOUZADA, vol.5 pág.630

210 - COLETTE PUJOL - (1913 - 1999)
Base: R$ 600,00 Natureza morta - ost - 27 x 35 - cie e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 050 deste catálogo.

211 - RUBEM VALENTIM - (1922 - 1991)
Base: R$ 5.000,00 " Emblema - 84 " - ast - 50 x 35 - d - 1984 - Brasília/DF
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 051 deste catálogo.

212 - ODETTO GUERSONI - (1924 - 2007)
Base: R$ 300,00 " Jogo de formas XI " - lito. 42/100 - 76 x 52 - cid - 1976
Nasceu em Jaboticabal-SP, e faleceu na cidade de São Paulo, onde residia e era ativo. Gravador, pintor, desenhista, ilustrador e escultor. Estudou pintura e artes decorativas no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo - Laosp, entre 1941 e 1945. Nesse período, expôs no Sindicato dos Artistas Plásticos e freqüentava o círculo de artistas do Grupo Santa Helena. Em 1947, participa da exposição 19 Pintores, na Galeria Prestes Maia, e é contemplado com uma bolsa de estudo pelo governo francês, no mesmo ano viaja para Paris, onde inicia trabalhos em gravura. Em 1951 fundou a Oficina de Arte, em São Paulo. Estudou gravura com René Cottet, em Genebra e, em Paris, trabalhou no ateliê de Stanley Hayter. A partir de 1960, freqüenta, como estagiário, algumas escolas de arte nos Estados Unidos e no Japão como a The New York School of Printing e a Osaka University, respectivamente. Em 1971, também no Japão, freqüentou o ateliê de I. Jokuriti. Dois anos mais tarde, foi eleito melhor gravador do ano pela Associação Paulista de Críticos de Arte - APCA. Em 1983, participou, com sala especial, da Bienal Ibero-Americana de Montevidéu. Em 1994, a Pinacoteca do Estado de São Paulo realizou uma retrospectiva da obra do artista; , mostra que voltou a acontecer em 2007 sobre a sua obra gráfica, na Estação Pinacoteca-SP, no mesmo ano da morte do autor, que ainda a assistiu em vida. JULIO LOUZADA, vol.1, pág. 452; MEC, vol,2, pág, 303; TEIXEIRA LEITE, pág,236; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 645; ARTE NO BRASIL, pág. 803; LEONOR AMARANTE, pág. 146, Acervo FIEO.

213 - SILVIA DE LEON CHALREO - (1905 - 1991)
Base: R$ 300,00 Crianças - g - 23 x 10 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 046 deste catálogo.

214 - HEINZ KUHN - (1908 - 1987)
Base: R$ 5.000,00 Composição - ostcm - 123 x 47 - d - 1978
Nasceu em Berlim, Alemanha, e faleceu em São Paulo-SP. Inicia seus estudos em sua terra natal, expondo obras na Alemanha e na França. No Brasil em 1950, fixa-se em São Paulo. Nesse período sua pintura é figurativa, voltando-se aos poucos, para a abstração geométrica. Theon Spanudis considerava o autor como "um dos pintores mais conscientes, inquietos e produtivos de São Paulo (1964)". A partir dos anos 60 sua pintura se move no âmbito da abstração informal, com eventuais referências ao mundo real. Obra de sua autoria faz parte da Coleção Adolpho Leirner, participando do livro Arte Construtiva no Brasil, de Aracy Amaral (pág. 193) MEC, vol. 2 pág. 430; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 688.

215 - CARLOS SÖRENSEN - (1928 - 2008)
Base: R$ 1.500,00 Flores - ost - 65 x 50 - cie e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 055 deste catálogo.

216 - CARLOS BASTOS - (1925)
Base: R$ 300,00 Maternidade - a - 23 x 32 - cid - 1949
Pintor e desenhista baiano, um dos precursores do modernismo em Salvador, em 1944. Também cenógrafo e ilustrador, sua pintura é notável pela predominância da linha e pelo sentimento poético que a informa. WALMIR AYALA, vol.1, págs.89 A 91; PONTUAL, pág. 58; JULIO LOUZADA, vol.10, pág.99; ITAU CULTURAL.

217 - INOS CORRADIN - (1929)
Base: R$ 1.200,00 Santista - m em fib - h = 50 - b
No estado. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 117 deste catálogo.

218 - DARIO MECATTI - (1909 - 1976)
Base: R$ 2.500,00 Paisagem - osm - 19 x 26 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 130 deste catálogo.

219 - CARLOS PRADO - (1908 - 1992)
Base: R$ 250,00 Multidão - grav. PA - 22 x 28 - cid
Arquiteto, pintor, gravador e ceramista paulistano. Recebeu menção honrosa no SPBA de 1935, participando também na I e II BSP e na exposição de Arte Moderna no Brasil, realizada em Buenos Aires, Rosário, Santiago do Chile e Valparaíso, em 1957. No dizer de TEIXEIRA LEITE, em sua obra A Gravura Brasileira Contemporânea, Carlos Prado utilizava por vezes a gravura como meio expressivo, subordinando-a, porém, a interesses maiores. TEIXEIRA LEITE, pág. 421; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 254. PONTUAL, pág. 438; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 582; ARTE NO BRASIL, pág. 781. Acervo FIEO.

220 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 2.000,00 " Gato " - aspce - 51 x 49 - cie
Com certificado de autenticidade do autor, datado de 25.04.2005. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

221 - ANTONIO PAIM VIEIRA - (1895 - 1988)
Base: R$ 700,00 Santos - psa - 15 x 15 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 053 deste catálogo.

222 - QUIRINO DA SILVA - (1902 - 1981)
Base: R$ 1.700,00 " Maria " - ost - 51 x 48 - cie - 17.10.1944 - São Paulo
Com dedicatória.Nasceu no Rio de Janeiro e faleceu em São Paulo. Pintor, gravador, escultor e crítico de arte. É considerado como uma das mais legítimas expressões nas artes plásticas do Brasil. Muito dinâmico e dotado de espírito inquieto, fez de São Paulo o campo de suas aspirações, onde participou de vários movimentos artísticos locais, tendo sido o crítico de arte responsável do Diário de São Paulo e dos Diários Associados. Foi então que, por sua iniciativa e insistência junto a Assis Chateaubriand, foi criado o MASP. Integrou-se no movimento que já vinha da Semana de 22. JULIO LOUZADA vol.9, pág. 708; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 545; ARTE NO BRASIL, pág. 795.

223 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 500,00 Dama da noite - ser. - 54 x 36 - cie - 1965
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

224 - CARYBÉ - (1911 - 1997)
Base: R$ 1.500,00 Baiana - dn - 29 x 20 - cid
Reproduzido na pág. 75 no livro " Carybé - As Sete Portas da Bahia ", Livraria Martins Editora - São Paulo. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 061 deste catálogo.

225 - DAREL VALENÇA LINS - (1924)
Base: R$ 350,00 Cidade - lito. 69/100 - 50 x 70 - cid - 1998
Este importante pintor, gravador, desenhista e professor, conquistou em 1957, no SNAM, o prêmio de viagem ao estrangeiro, voltando a ser contemplado na VII Bienal de São Paulo, como o melhor desenhista nacional. Foi aluno de Henrique Oswald e recebeu aconselhamento técnico de Goeldi. MEC vol.3, pág. 18; PONTUAL, pág.160/161; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 715; ARTE NO BRASIL, pág. 839; LEONOR AMARANTE, pág. 125; Acervo FIEO.

226 - JOSÉ MONTEIRO FRANÇA - (1875 - 1944)
Base: R$ 1.800,00 Casa de caboclo - ost - 53 x 64 - cid - 1942
Natural da cidade paulista de Pindamonhangaba. Foi aluno de Henrique Bernardelli na ENBA-RJ, seguindo posteriormente para a Europa, mercê de bolsa concedida pelo Executivo Paulista. Pintou naturezas-mortas e figuras, destacando-se com suas sensíveis paisagens. LAUDELINO FREIRE, pág. 513; THEODORO BRAGA, pág. 164; REIS JR, pág. 366; MAYER/1984, pág. 1040, TEIXEIRA LEITE, pág. 332, RUTH TARASANTCHI.

227 - EMERIC MARCIER - (1916 - 1990)
Base: R$ 1.000,00 Paisagem - dn - 22 x 29 - cid - 1951
Pintor romeno, nascido em Cluj. Cursou a Academia Brera, de Milão, atraído pela pintura pré-renascentista italiana. Após breve passagem por Paris, imigrou para o Brasil, onde realizou sua primeira individual em 1940 (Salão dos Artistas Brasileiros-RJ), seguindo-se outras em 1942 e 1944, ambas também na cidade do Rio de Janeiro. Marcier foi um pintor tradicional e renovador ao mesmo tempo. Emprestou sentimento à sua obra, aos seus personagens sacros. Participou de duas Bienais em São Paulo, uma no México e diversas coletivas na Europa, inclusive a Bienal de Arte Sacra de Salzburg, Áustria. TEIXEIRA LEITE, pág. 307/308/309; JULIO LOUZADA, vol. 13, pág. 207; PONTUAL, pág. 335; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 605; ARTE NO BRASIL, pág. 872.

228 - VIRGILIO LOPES RODRIGUES - (1863 - 1944)
Base: R$ 2.000,00 Lagoa Rodrigues de Freitas - osm - 29 x 41 - cid
Natural da cidade do Recife-PE, foi para o Rio de Janeiro em 1882, trabalhando com o leiloeiro J. Dias, onde encantou-se pela arte. Incentivado por Santa-Olalla, frequentou o Liceu de Artes da mesma cidade. Expôs em 1926, juntamente com Manuel Faria, Vicente Leite e outros. São belas as suas marinhas, e muito disputadas pelos colecionadores do gênero. MEC, vol. 4, págs. 94 e 95; PONTUAL, pág. 458; TEODORO BRAGA, pág. 240; TEIXEIRA LEITE, pág. 528; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

229 - DURVAL PEREIRA - (1918 - 1984)
Base: R$ 1.500,00 Marinha - ose - 28 x 35 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 069 deste catálogo.

230 - EDUARDO LIMA - (1954)
Base: R$ 300,00 " Hora " - lito. P.E. V / IX - 60 x 80 - cid
Natural da Capital paulista, onde nasceu a 16/1/1954. Estudou desenho e pintura com Zozo e Waldemar da Costa (1972/1977). Em 1975, formou em Desenho Industrial na Universidade Mackenzie-SP, recebendo orientação em pintura Sumi-ê com Massao Okinaka. No ano de 1979, trabalhou na diagramação do fascículo Arte no Brasil, da Editora Abril-SP. Individuais a partir de 1980 e coletivas desde 1975, inclusive no exterior. JULIO LOUZADA, vol. 3 pag. 617;

231 - GUITA CHARIFKER - (1936)
Base: R$ 300,00 Janela - ser. P.A. - 77 x 57 - cie - 1994
Pintora, desenhista, gravadora e escultora. Em 1953, estuda desenho e escultura no Ateliê Coletivo da Sociedade de Arte Moderna, no Recife, ao lado do gravador Gilvan Samico e do pintor José Cláudio, entre outros, sob orientação de Abelardo da Hora. Colabora, em 1964, na fundação do Atelier da Ribeira, em Olinda, Pernambuco, do qual participa também o pintor João Câmara. Em 1966, cria e dirige a Galeria do Teatro Popular do Nordeste. Desde a década de 1970, realiza pesquisas em gravura em metal na Oficina do Ingá, Niterói, sob orientação da gravadora Anna Letycia. Em 1974, recebe o prêmio de viagem ao México no Salão Global de Pernambuco. Depois, trabalha no ateliê de João Câmara e freqüenta por algum tempo o ateliê do escultor Frans Krajcberg. Organiza o Ateliê Coletivo, em Olinda, com pintor Gil Vicente, José Cláudio e Gilvan Samico, entre outros, em 1985. Em 2001, é publicado o livro Viva a Vida! Guita Charifker: aquarelas, desenhos, pinturas, pela Secretaria de Educação e Cultura do Recife, e em 2003 são apresentadas exposições retrospectivas no Museu Nacional de Belas Artes - MNBA, Rio de Janeiro, e na Pinacoteca do Estado de São Paulo - Pesp. ITAÚ CULTURAL.

232 - ALCIDES SANTOS - (1945)
Base: R$ 2.000,00 Sereia - ose - 33 x 76 - cid - 1977
Pintor pernambucano que num linearismo sui-generis, e com auxílio de um colorido suave evoca cenas religiosas ou fantásticas, de forte acento popular. TEIXEIRA LEITE, pág. 462; MEC, vol. 4, pág. 180; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 296; JÚLIO LOUZADA, vol. 4, pág. 995; ITAÚ CULTURAL.

233 - GILBERTO SALVADOR - (1946)
Base: R$ 1.200,00 " A Terra é azul " - asm - 60 x 90 - cid - 1979
Com etiqueta de Paulo Figueiredo - Galeria de Arte - São Paulo. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 074 deste catálogo.

234 - OCTÁVIO ARAÚJO - (1926)
Base: R$ 350,00 Figuras - xilo. 10/100 - 33 x 26 - cid - Déc. 1950
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 059 deste catálogo.

235 - MARIO GRUBER - (1927)
Base: R$ 350,00 Espantalho - lito. 115/140 - 51 x 34 - cid - 1971
Com etiqueta de Documenta Galeria de Arte - São Paulo, no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 075 deste catálogo.

236 - BRUNO GIORGI - (1905 - 1993)
Base: R$ 4.000,00 Nu - e em mar. - h = 27 - ass.
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 076 deste catálogo.

237 - TOLEDO PIZA (DOMINGOS VIEGAS DE TOLEDO PIZA) - (1887 - 1945)
Base: R$ 6.000,00 Natureza morta - ost - 46 x 55 - csd
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 077 deste catálogo.

238 - FRANCISCO DA SILVA - (1910 - 1985)
Base: R$ 1.200,00 Peixes - tst - 51 x 72 - cie - 1973
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 026 deste catálogo.

239 - ANTONIO BANDEIRA - (1922 - 1967)
Base: R$ 2.000,00 Composição - a - 26 x 19 - cid - 1965
Ex-coleção Antônio Maschio - São Paulo. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 125 deste catálogo.

240 - SYLVIO ALVES - (1926)
Base: R$ 250,00 Tangerinas - osm - 19 x 29 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 174 deste catálogo.

241 - INIMÁ DE PAULA - (1918 - 1999)
Base: R$ 600,00 Ouro Preto - dn - 30 x 22 - cid
Mineiro de Itanhomi, Inimá, depois de prestar o serviço militar em Juiz de Fora, passou a frequentar o Núcleo Antônio Parreiras (que no início dispunha de professores, mas logo se transformou em ateliê livre), da mesma cidade, em 1938. Integrou-se ao grupo de Bandeira e Aldemir Martins na cidade de Fortaleza (1941). No Rio frequentou o ateliê de Portinari e realizou a sua primeira individual (1948). Recebeu o prêmio viagem ao estrangeiro no I SNAM (1952), certame do qual participou por diversas vêzes até 1960. Em Paris estudou com Lothe. É um de nossos artistas mais completos. JULIO LOUZADA, vol.11, pág.152; PONTUAL, pág. 271; MEC, vol.3, pág.355; WALMIR AYALA, vol.1, págs. 401 1 404; TEIXEIRA LEITE, pág.260; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 637; ARTE NO BRASIL, pág. 870; Acervo FIEO.

242 - ALBERTO DA VEIGA GUIGNARD - (1896 - 1962)
Base: R$ 1.500,00 Flores - s - 21 x 15 - cid
Pintor, desenhista, gravador e professor. No dizer de Rodrigo de Melo Franco de Andrade, no álbum de reproduções da obra do artista, em 1967: "Quando Guignard voltou da Europa, para onde tinha ido menino, só regressando com mais de 30 anos, redescobriu o Brasil, tomado de uma ternura e de uma admiração comovidas que conservou até os seus últimos dias. Toda a obra que produziu, desde então, ficou impregnada da emoção e da poesia sentidas naquele reencontro com a terra natal." PONTUAL, pág. 254 a 256; MEC, vol. 2, pag. 304; TEIXEIRA LEITE, pág. 236 a 240 ; JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 404; ART PRICE ANNUAL 2000, pág. 1013; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 373/375/377; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 559; ARTE NO BRASIL, pág. 505; LEONOR AMARANTE, pág. 28.

243 - GUIOMAR FAGUNDES - (1893 - 1975)
Base: R$ 700,00 Flores - ost - 70 x 57 - cie
Pintora e aquarelista natual de São Paulo, Capital. Seu primeiro mestre foi Oscar Pereira da Silva, em SP e depois Angelo Cantu, que a aconselhou a ir para Milão, aperfeiçoar-se. Também estudou na França e Portugal, onde fez exposição de suas obras, obtendo sucesso de público e de crítica. Exerceu a profissão e lecionou até os últimos anos de vida. JULIO LOUZADA, vol. 2, pág. 381/382

244 - ALBERTO DA VEIGA GUIGNARD - (1896 - 1962)
Base: R$ 1.500,00 Ouro Preto - dn - 20 x 15 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 242 deste catálogo.

245 - IVAN SERPA - (1923 - 1973)
Base: R$ 3.000,00 Composição - dn e a - 23 x 28 - csd
Com etiqueta da Exposição Expoentes da Arte Moderna Brasileira realizada na Galeria Hermitage - Rio de Janeiro.Pintor, desenhista, gravador e professor, estudou com Axel Leskoschek no Rio de Janeiro. Participou da Divisão Moderna do SNBA (1947-1951). Foi um dos precursores do concretismo no Brasil, criando ao lado de Aluisio Carvão, Lígia Clark, Hélio Oitica e outros o Grupo Frente, que se manteve ativo de 1954 a 1956, inclusive com exposições no Rio de Janeiro. Ivan Serpa possui invejável e extenso curriculum de vida artística, passando de exposições coletivas, a grandes retrospectivas de sua obras. Há um reconhecimento nacional da importância de sua atividade, tratando-se de um dos grandes artistas nacionais. PONTUAL, pág 486; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 605; ARTE NO BRASIL, pág. 840; LEONOR AMARANTE, pág. 26; Acervo FIEO.

246 - ABELARDO ZALUAR - (1924 - 1987)
Base: R$ 1.500,00 Composição - g - 24 x 17 - cid - 1961
Desenhista, pintor e professor. Frequentou a antiga ENBA, de 1944 a 1948. Participou do I ao XII e do XV SNAM (entre 1952 e 1966/ prêmio de viagem ao estrangeiro em 1963.). Realizou exposições individuais no MNBA (1947) e na Galeria Ambiente (São Paulo, 1960), Museu de Arte de Belo Horizonte (1960), Instituto de Belas Artes de Porto Alegre (1961), Petite Galerie-GB (1962). Sua obra experimentou uma simplificação de traços de tendência geometrizante, levando Frederico Morais a comentar a seu respeito em 1969; "Não se pensem que Zaluar, por ser um partidário da ordem, afaste deliberadamente o imprevisto, a contribuição do acaso, o vôo poético (...) seus últimos trabalhos fazem lembrar, na monumentalidade silenciosa da forma despojada, o mundo futuro do espaço cósmico, das estruturas moventes, das plataformas que se acoplam ou se dividem numa metamorfose constante". Encontra-se representado no acervo do MNBA, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e Museu de Arte de Belo Horizonte. WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 449/50; MEC, vol. 4, pág. 527; PONTUAL, pág. 556; TEIXEIRA LEITE, pág. 546; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 682; ARTE NO BRASIL, pág. 934; LEONOR AMARANTE, pág. 218.

247 - SILVIO OPPENHEIM - (1941)
Base: R$ 300,00 Flores - ser. 4/70 - 70 x 50 - cie - 1992
Nascido em São Paulo, formou-se pela faculdade de arquitetura da USP, em 1965. Inicialmente figurativo, passou para a abstração de forma muito natural. Perfeccionista, usa as cores de forma quase puras em requintado grafismo. Participa de exposições desde 1962 com sempre renovado sucesso de crítica e de público JULIO LOUZADA, vol.11, pág.233; MEC, vol.3, pág.301; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

248 - OLE RING - (1902 - 1972)
Base: R$ 300,00 Paisagem - a - 30 x 40 - cid
Pintor dinamarquês que realizou diversas exposições individuais e participou de vários Salões oficiais. Leilões da Europa e Estados Unidos têm apresentado obras suas. artprice.com; askart.com; artnet.com; arcadja.com; invaluable.com.

249 - EDUARDO BORTK - (1950)
Base: R$ 5.000,00 " Alerta " - ost - 90 x 70 - cid e d - 1974
Pintor, Carlos Eduardo de Mendonça Bortkeivicz nasceu no Rio de Janeiro. Assinava C. Bortkeivicz. Atualmente assina E. Bortk. Começou a pintar em 1968 incentivado pela sua mãe, também pintora. Frequentou o ateliê de Ivan Serpa e de Eugênio de Proença Sigaud. Exposições individuais: Rio de Janeiro (1974, 1975). Coletivas: Rio de Janeiro (1972, 1974, 1980, 1987, 1992 a 1994); Alemanha (1980); França (1987), Brasília, DF (1992). Prêmios: Rio de Janeiro (1974, 1987, 1992 a 1994), Brasília, DF (1992). JULIO LOUZADA VOL. 6, PÁG. 145; VOL. 7, PÁG. 96; www.latinamericanart.com ; askart.com; artnet.com; arcadja.com; sothebys.com; christies.com; invaluable.com; artfact.com.

250 - JOÃO CALIXTO - (1922 - 1994)
Base: R$ 1.000,00 Mulatas - a - 30 x 40 - cid - 1978
Natural de São Paulo, Capital, João Batista Calixto de Jesus foi pintor, serígrafo, publicitário e professor. Freqüentou a Escola de Belas Artes de São Paulo, de 1947 a 1952; cursou história da estética no Museu de Arte de São Paulo em 1961, e serigrafia no Sesi em 1969. Realizou a sua primeira exposição individual em 1954. Decorou a Igreja Nossa Senhora do Paraíso, 1954. Especializou-se em artes gráficas. Atua como professor na Escola Panamericana de Arte e na Faculdade de Belas Artes de São Paulo, onde tornou-se professor-titular em 1971. ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, vol 3- pag 196

251 - NIOBE XANDÓ - (1915 - 2010)
Base: R$ 350,00 Composição - dch - 16 x 22 - cie
Pintora e desenhista natural de Campos Novos Paulista-SP. Foi ativa em São Paulo-SP. Autodidata, freqüentou o ateliê de Raphael Galvez a partir de 1946. Dentre as várias fases de sua obra merecem destaque as Flores Fantásticas, as Máscaras de origens africana e indígena, O Letrismo, o Mecanicismo e o Abstracionismo Geométrico. Participou de várias Bienais Nacionais e recebeu mais de 20 prêmios em Salões de Arte. Participou de mais de 100 exposições nacionais e internacionais e mereceu mais de 100 textos de críticos renomados. Em 2004 teve uma grande mostra antológica no Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM-SP). Em 2007 teve uma exposição retrospectiva fantástica e merecida na Pinacoteca do Estado de São Paulo. JULIO LOUZADA, vol. 12, pág. 435; PONTUAL, pág. 554; WALTER ZANINI, pág. 717; Acervo FIEO; TEIXEIRA LEITE; BENÉZIT; BARDI, Pietro Maria. Profile of the New Brazilian Art. São Paulo. 1970; SCHENBERG, Mário. Pensando a Arte. São Paulo. 1988. Acervo FIEO.

252 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 8.000,00 Gato azul - ast - 60 x 80 - cie e d - 2002
Com certificado de autenticidade do Estúdio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

253 - AUGUSTE PETIT - (1844 - 1927)
Base: R$ 7.000,00 Retrato de Carlos Gomes - ost - 74 x 61 - ce - 1896
No estado.Pintor francês, tendo iniciado a sua formação artística em Paris, veio residir no Brasil em 1864. Participou das exposições gerais de belas artes organizadas pela Academia Imperial, tendo recebido todos os prêmios. LAUDELINO FREIRE, pág. 135; BENEZIT, vol. 8, pág. 254; MAYER/83, pág. 969; TEODORO BRAGA, pág. 43; ITAÚ CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 516.

254 - ALMIR MAVIGNIER - (1925)
Base: R$ 750,00 Composição - ser. 12/200 - 60 x 60 - ci - 1976
Pintor, artista gráfico, programador visual e professor natural do Rio de Janeiro. Inicia seus estudos com Arpad Szenes , Axl Leskoschek e Henrique Boese . Participa do primeiro grupo de arte abstrata do Rio de Janeiro (1949) com Ivan Serpa , Abraham Palatnik e Mário Pedrosa. Freqüenta a Académie de La Grande Chaumière, Paris, em 1951. Na Alemanha (1953 a 1958), estuda com Max Bense e Josef Albers na Hochschule für Gestaltung [Escola Superior da Forma] em Ulm, e mantém contato com Max Bill. Participa do Grupo Zero, entre 1958 e 1964, com Heinz Mack ,Otto Piene ,Yves Klein, Jean Tinguely. Foi professor de pintura na Hochschule für Bildende Kunste, em Hamburgo, Alemanha, entre 1965 e 1990. Realizou muitas exposições individuais (1950 a 2000) e diversas foram suas participações em Salões oficiais e Bienais (1947 a 2004) tanto no Brasil quanto na Europa, Ásia e EUA. Foi premiado na Polônia (1966) e Japão (1968). ITAU CULTURAL; PONTUAL, PÁG. 350; MEC VOL. 3, PÁG.107.

255 - MANOEL SANTIAGO - (1897 - 1987)
Base: R$ 3.000,00 "Flores" - ost - 61 x 46 - cie e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 100 deste catálogo.

256 - ANTONIO PESSOA - (1943)
Base: R$ 250,00 Nu - e em b - h = 20 - ass.
Escultor, assina Tonny. Radicado no Rio de Janeiro detentor de bom curriculo nacional e internacional com inumeras participações em Salões Oficiais,varias vezes premiado. Ótimo mercado.

257 - MAURICIO NOGUEIRA LIMA - (1930 - 1999)
Base: R$ 750,00 Composição - ser. 45/50 - 45 x 45 - cid - 1974
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 097 deste catálogo.

258 - CARLA AMARAL - (1962)
Base: R$ 3.500,00 Cubos - ast - 70 x 60 - cid - 1998
Pintora, Carla Beltran Amaral nasceu em São Paulo. Assina Carla Amaral. Realizou exposições individuais em: São Paulo (1986, 1993); Rio de Janeiro (1986, 1997); Bolívia (1983); França (1983); Suíça (1985, 1987, 1990, 1994); Recife, PE (1999) e participou de coletivas oficiais em: Campinas, SP ( 1986); Rio de Janeiro (1987, 1993); São Paulo (1987, 1992, 1994, 1996); São Bernardo do Campo, SP (1991, 1992); Santos, SP (1991, 1993); Bolívia (1981, 1997); Suíça (1988, 1989, 1997). Em 1995 foi premiada em São Bernardo do Campo, SP. ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA VOL. 10, PÁG. 51; VOL. 13, PÁG. 10.

259 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 300,00 Paisagem - ose - 30 x 20 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

260 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 8.800,00 Gato - dn e a - 52 x 36 - cid - 1963
Com certificado de autenticidade do Estudio Aldemir Martins. - Reproduzido no convite deste leilão. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

261 - VICTOR LEMA RIQUÉ - (1955)
Base: R$ 2.000,00 Paisagens - tm - 27 x 110
Nasceu em Montevidéu, Uruguai, onde iniciou seus estudos. Em 1979 ganhou uma bolsa de estudos na Escola de Comunicações e Arte da Universidade de São Paulo. A partir de 1989 começa a expor seus trabalhos em galerias e museus da América Latina, Europa e Estados Unidos. No período entre 1991 e 1995 divide sua residência entre São Paulo e Paris, onde passa longas temporadas produzindo e expondo seus trabalhos. A Partir de 1995 se instala definitivamente em São Paulo. Em 1997 quando apresenta a exposição "Mistério no Bairro: O Famoso do Caso do Maníaco da Caixa de Fósforos", seu trabalho toma um rumo nitidamente multimídia, passando a usar diferentes meios para criar uma obra (literatura, pintura, vídeo, rádio-novela, cinema, e internet). Esta técnica multidisciplinar é na atualidade seu método de trabalho. Ainda em 1997 cria a produtora experimental e independente "Tormenta". De forma paralela tem realizado outros trabalhos. Em 1997 dirigiu a exposição "O Mundo de Jean Cocteau", apresentada na FAAP. Em 1998 fez a direção de arte do curta-metragem "Uma Historia de Futebol", varias vezes premiado e selecionado ao "Oscar Award" na categoria. www.victorlemarique.com.

262 - PERCY DEANE - (1921 - 1994)
Base: R$ 1.500,00 " Menina, flores, degas " - ostcm - 50 x 40 - cse e d - 1986
Percy de Mello Deane, nasceu em Manaus-AM, e faleceu na cidade do Rio de Janeiro. Pintor, desenhista, ilustrador e arquiteto. Estudou na Faculdade de Arquitetura da ENBA em 1938, mudando-se para o Rio de Janeiro. Foi amigo de Portinari. A partir de 1938, colabora regularmente, como ilustrador, para diversas publicações, tais como O Jornal, Dom Casmurro, Sombra, Cigarra, O Cruzeiro. Por encomenda de Oscar Niemeyer, realiza o mural do Iate Clube da Pampulha, Belo Horizonte (1942). Foi premiado no SNBA-RJ, em 1940, 1941 e 1943, recebendo neste último o prêmio de viagem ao país. Expõe em Londres, em 1943 e participa da mostra 20 Artistas Brasileños, itinerante pelo Uruguai, Argentina e Chile, em 1945. Realiza mural em mosaico para a Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro, em 1951. Faz ilustrações para vários livros, entre eles: O Feijão e o Sonho (1968), de Orígenes Lessa; A Ponte (1975), de Erico Veríssimo e Memórias do Cárcere (1969), de Graciliano Ramos. JULIO LOUZADA, vol 1 - pág 318; ITAUCULTURAL.

263 - MARIO ZANINI - (1907 - 1971)
Base: R$ 13.500,00 Paisagem - ost - 65 x 50 - cid
Fez parte da Família Artística Paulista, grupo com o qual expôs. Notáveis foram suas paisagens, tendo José Geraldo Vieira afirmado ser ele "o pintor da paisagem paulistana". MEC, vol. 4, pág. 531; PONTUAL, pág. 557; TEODORO BRAGA, pág. 250; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 451; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 586; ARTE NO BRASIL, pág. 778; LEONOR AMARANTE, pág.38; Acervo FIEO.

264 - CARLA PETRINI - (1963)
Base: R$ 300,00 " Variação II " - grav. 1/15 - 18 x 13 - cid - 1989
Pintora e gravadora paulista. Inicia sua formação artística freqüentando o ateliê de Salvador Rodrigues Júnior, entre 1979 e 1982. Na década de 80, cursa artes plásticas, com especialização em gravura e pintura, na Faculdade Santa Marcelina (1982), onde atua como monitora do curso de gravura (1983 e 1985); faz o curso Arte-Xerox, com Roberto Kepler (1982); freqüenta o Ateliê Calcográfico Iole (1983). Em 1990, estuda batik sobre tecido, com Kazuko Tanaka, técnicas de Trompe L'Oeil, com Timothy Plant, marmorização e texturização, com Adriana Korbatsou e Nancyeiras (1993). ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, vol. 8, pág. 808

265 - ADRIANA ROCHA - (1959)
Base: R$ 20.000,00 " Mulheres reais " - ast - 160 x 202 - d - 1998
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 105 deste catálogo.

266 - DAREL VALENÇA LINS - (1924)
Base: R$ 800,00 Figura - dlc - 31 x 44 - cid - Petrópolis
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 225 deste catálogo.

267 - ROBERTO BURLE MARX - (1909 - 1994)
Base: R$ 5.000,00 Composição - dn e ag - 50 x 60 - cid - 1981
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 107 deste catálogo.

268 - MANOEL MARTINS - (1911 - 1979)
Base: R$ 500,00 Paisagem - ost - 90 x 63 - cid - 1972
Ex-coleção André Gueretti - São Paulo. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 191 deste catálogo.

269 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 3.000,00 Autorretrato - dn - 32 x 27 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

270 - JUDITH LAUAND - (1922)
Base: R$ 12.000,00 Composição - ost - 60 x 40 - cid
Com certificado de autenticidade firmado pela autora.- Reproduzido no convite deste leilão.Nasceu na cidade paulista de Pontal. Em 1950 formou-se em artes plásticas na Escola de Belas Artes de Araraquara-SP. Em 1952, já em São Paulo, estuda pintura com Domênico Lazzarini e gravura com Lívio Abramo. Integra o grupo paulista do movimento de arte concreta em 1955. Participa da Bienal Internacional de São Paulo, várias edições entre 1955 e 1969; Exposição Nacional de Arte Concreta, São Paulo, 1956; Tendências Construtivas no Acervo do MAC/USP, Rio de Janeiro, 1996; Arte Construtiva no Brasil: Coleção Adolpho Leirner, São Paulo e Rio de Janeiro, 1998 e 1999. Na crítica de Mario Schenberg, ..." Judith Lauand permanece fiel a sua postura e trajetória concretista. Sua obra recente revela a densidade da composição, o apuramento do cromatismo, o equilíbrio do grafismo, conseguidos por constante pesquisa. Judith envereda agora por novos caminhos realizando obras que podem ser chamadas de assimétricas, onde o geometrismo da decomposição cromática destrói a ‘partição eqüilateral’ presente ao longo de sua obra, criando uma nova simetria. " (LAUAND, Judith. Judith Lauand : pinturas. Sao Paulo : Choice Galeria de Arte, 1986. p. 3). JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 479; ITAU CULTURAL.

271 - SALVADOR DALI - (1904 - 1989)
Base: R$ 1.000,00 " Horas mortas " - lito. os 407/500 - 65 x 50 - cid - Na matriz - 1977
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 111 deste catálogo.

272 - ATHOS BULCÃO - (1918)
Base: R$ 3.000,00 " Estudo nº 17 " - dn e lc - 31 x 27 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 112 deste catálogo.

273 - ANA ANDRADE - (1953)
Base: R$ 300,00 " Devaneio " - grav. 15/15 - 30 x 30 - cid - 1983
Complemento de técnica: ponta seca e maneira negra. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 113 deste catálogo.

274 - CLAUDIO TOZZI - (1944)
Base: R$ 300,00 Papagaio - lito. 44/140 - 70 x 50 - cid
Pintor, arquiteto e gravador paulista com diversas exposições e participações em salões e bienais no Brasil e no exterior. Dedicou-se inicialmente à colagem e à gravura, numa utilização crítica das histórias em quadrinhos; numa fase posterior passou a criar múltiplos tridimensionais e a efetuar pesquisas em torno dos efeitos ópticos. WALMIR AYALA vol.2, pág.388/9; PONTUAL, pág.525/6; TEIXEIRA LEITE, pág. 512; ARTE NO BRASIL vol.2, pág.1059; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 740; LEONOR AMARANTE, pág. 170; Acervo FIEO.

275 - MARIA TEREZA LOURO - (1963)
Base: R$ 2.500,00 " Céu, em casa " - l a s/t - 36 x 70 - ce e d - 1999
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 115 deste catálogo.

276 - MIGUEL DOS SANTOS - (1944)
Base: R$ 1.100,00 Menino - e em b - h = 41 - ass. - 1960
Pintor, desenhista e ceramista pernambucano da cidade de Caruaru. " ... é um ceramista ligado por raízes profundas 'a imagística popular. Suas formas (atropomorfas) e suas cores, são mais um estandarte contra a resignação e a indignidade. O onírico de suas cerâmicas é o grito mais alto dessa rica forma de arte do Nordeste" (catálogo da exposição do artista na Universidade da Bahia, em 1968) JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 793; ITAÚ CULTURAL.

277 - TADASHI KAMINAGAI - (1899 - 1982)
Base: R$ 3.500,00 " Un Petit Village " - osm - 36 x 52 - cid
Descrito sob o nº 160 em catálogo do 60º Leilão de Arte Dagmar Saboya - São Paulo.Grande pintor japonês da Escola de Paris, amigo de Marquet, Vlaminch e Déiran, entre outros, passou no Brasil praticamente toda a década de 1940, aqui se ligando de amizades a pintores como Portinari, Pancetti e Djanira, e iniciando na arte vários jovens pintores de ascendência nipônica, como Flávio Shiró Tanaka, por exemplo. Autor de paisagem, naturezas mortas e retratos de excelente qualidade pictórica, Kaminagai veio freqüentes vezes ao Brasil, onde expôs com enorme sucesso. TEODORO BRAGA, pág.134; BENEZIT, vol.6, pág.152; WALMIR AYALA, vol.1, pág.435 e 437; MEC, vol.2, pág.401; PONTUAL, pág.287; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 643; ARTE NO BRASIL; Acervo FIEO.

278 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 500,00 Marinha - tm - 8 x 12 - cie - 1979
Com etiqueta nº 5196 de Renot Atelier - São Paulo, no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 118 deste catálogo.

279 - MIGUEL DOS SANTOS - (1944)
Base: R$ 550,00 A luta - g - 50 x 34 - cid - 1969
Com dedicatória. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 276 deste catálogo.

280 - AGOSTINHO BATISTA DE FREITAS - (1927 - 1997)
Base: R$ 2.600,00 Festa junina - ost - 50 x 70 - cie - 1981
- Reproduzido no convite deste leilão.Começou a pintar no início da década de 1950 (e ele próprio relatou que vendia seus trabalhos na Praça do Correio da capital paulista) sendo logo descoberto por Pietro Maria Bardi que organizou uma exposição de seus trabalhos no Museu de Arte de São Paulo, em 1952, mais tarde apresentados também, no Museu de Arte Moderna de São Paulo e da Bahia e no Museu de Arte Contemporânea de Campinas. Participou da XXXIII Bienal de Veneza (1966). MEC, vol. 2, pág. 210; PONTUAL, pág. 225; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 323; TEIXEIRA LEITE, PÁG. 208; ARTE NAIF NO BRASIL, pág. 214; ITAÚ CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 832; Acervo FIEO.

281 - JOÃO ALVES - (1905 - 1970)
Base: R$ 800,00 Pagador de promessas - ost - 47 x 56 - cie - 1962
Com etiquetas: Galeria Picasso - Recife e Renot Atelier - São Paulo, no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 098 deste catálogo.

282 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 3.500,00 Galo - a e n - 44 x 30 - cid - 1968
Com certificado de autenticidade do Estudio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

283 - MARIA LUIZA MORAES - (XX)
Base: R$ 300,00 Composição - ost - 50 x 50 - cie
Artista plástica paulista. Desenvolveu seus estudos junto à UNICAMP, com especialização em História da Arte. Frequentou vários ateliês de pintura, cursando e desenvolvendo atividades artísticas. Tem participação em Salões de Arte, a nível nacional.

284 - DARIO MECATTI - (1909 - 1976)
Base: R$ 2.500,00 Vendedora de frutas - osc - 70 x 50 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 130 deste catálogo.

285 - ANTONIO BANDEIRA - (1922 - 1967)
Base: R$ 5.000,00 Composição - dn e a - 20 x 14 - cid - 1966
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 125 deste catálogo.

286 - HEITOR DOS PRAZERES - (1898 - 1966)
Base: R$ 3.300,00 O tintureiro na favela - ost - 35 x 47 - cid - 4.10.1961
Com autenticação da família do artista, na pessoa do curador da obra, Sr. Heitor dos Prazeres Filho. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 126 deste catálogo.

287 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 300,00 Músicos - grav. P.A. 8/30 - 30 x 20 - cid - 1975
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 118 deste catálogo.

288 - MIRA SCHENDEL - (1918 - 1988)
Base: R$ 4.500,00 Composição - mon. - 46 x 22 - cid - 1964
Reproduzido sob o n.° 75 em catálogo de leilão de Renot - São Paulo. -Suíça, Mira imigrou para o Brasil em 1949, fixando-se inicialmente em Porto Alegre, onde fez pinturas e esculturas em cerâmica, nas quais assinava Mirra Hargesheimer, seu nome de solteira.. Realizou a sua primeira exposição individual, em 1952. Expôs em 1954 em São Paulo (MAM), para onde se transferiu. Participou de diversos salões, tais como o SPAM e Bienais de São Paulo, Córdoba e Veneza, obtendo premiações. A principio exclusivamente desenhista, com a utilização de signos, índices e símbolos, dedicou-se posteriormente à pintura, dentro da vertente minimalista que norteou toda a sua carreira. TEIXEIRA LEITE, pág. 464; JULIO LOUZADA, vol. 13, pág. 304; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 688; LEONOR AMARANTE, pág. 187.

289 - LASZLO MEITNER - (1900 - 1968)
Base: R$ 5.500,00 Paisagem - ost - 73 x 100 - cid - 1964
Com etiqueta da retrospectiva do autor, no Museu de Arte Moderna - Rio de Janeiro.Pintor, desenhista, ilustrador e cenógrafo, nascido em Budapeste, Hungria. Faleceu no Rio de Janeiro. Estudou na Academia de Belas Artes de Berlim, trabalhou para revistas literárias e artísticas alemãs e cria desenhos de animação, em Paris. Chega ao Brasil em 1940, fixando-se no Rio de Janeiro, onde faz cenários para teatro e dança. A partir de 1952 dedica-se só à pintura. Exposições individuais: Rio de Janeiro (1947, 1956, 1958, 1960, 1964, 1966, 1968); Salvador (1959); EUA (1952); Paris (1963). Coletivas: São Paulo (1959 - Bienal); Rio de Janeiro (1957, 1958, 1960, 1961, 1966, 1968); Paris (1965); Londres (1964). Póstumas: Rio de Janeiro (1969 - Retrospectiva MAM, 1986, 1987, 1989, 2001); São Paulo (1974 - Retrospectiva MAM). PONTUAL, PÁG. 355; ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, VOL. 6, PÁG. 711; VOL. 10, PÁG. 580; MEC, VOL.3, PÁG.130.

290 - FRANCISCO REBOLO GONSALES - (1903 - 1980)
Base: R$ 20.000,00 Paisagem - ose - 55 x 70 - cid
- Reproduzido no convite deste leilão. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 045 deste catálogo.

291 - VICTOR VASARELY - (1908 - 1997)
Base: R$ 1.600,00 Composição - lito. E.A. - 70 x 60 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 131 deste catálogo.

292 - ALDO BONADEI - (1906 - 1974)
Base: R$ 700,00 Figura - dc - 28 x 20 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 072 deste catálogo.

293 - UBI BAVA - (1905 - 1988)
Base: R$ 2.000,00 Composição - g - 29 x 20 - cid
Natural da cidade paulista de Santos. Faleceu em São Paulo. Arquiteto, professor e pintor. Foi aluno de Lucilio de Albuquerque e de Henrique Cavalleiro. Foi professor de desenho artístico da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro, FAU/UFRJ. Entre as exposições de que participa, destacam-se: Salão Nacional de Belas Artes - Divisão Moderna, Rio de Janeiro, 1949; Bienal Internacional de São Paulo, várias edições entre 1951 e 1975; Salão Preto e Branco (3º Salão Nacional de Arte Moderna), Rio de Janeiro, 1954; Panorama de Arte Atual Brasileira, no MAM/SP, São Paulo, 1976. Após sua morte, suas obras participam da seguintes exposições: Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal de São Paulo, 1994; Espelho da Bienal, no MAC/Niterói, 1998. Segundo TEIXEIRA LEITE "Ubi Bava pode ser considerado um precursor e um pioneiro de certo tipo de pintura que tem nos efeitos óticos e nos recursos cinéticos sua razão maior de ser. Introduzindo em suas superfícies espelhos, ao mesmo tempo introduz, no cerne mesmo de sua obra, a imagem refletida do espectador. Também fez uso de tubos de plástico e de movimentos mecanicamente produzidos, subordinando todos esses elementos a uma evidente vontade construtivista. Em certo momento de sua evolução, o que produzia tinha certo parentesco com o concretismo..." TEIXEIRA LEITE; ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, vol. 5 pág. 98; WALTER ZANINI, pág. 676; LEONOR AMARANTE; ARTE NO BRASIL, pág. 933.

294 - ITZCHAK TARKAY - (1935)
Base: R$ 2.000,00 " Danielle's corner " - lito. 285/300 - 84 x 105 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 065 deste catálogo.

295 - J. CARLOS - (1884 - 1950)
Base: R$ 1.500,00 Tempos de guerra - g - 28 x 38 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 040 deste catálogo.

296 - FAMÍLIA JULIÃO -
Base: R$ 1.500,00 Animais - e em mad. - h = 77 - b
Ativa em Prados, MG. José de Pádua Lisboa (conhecido como Zezinho Julião, sobrenome do avô), carpinteiro, fabricante de arreios para montaria, móveis rústicos, caibros, transmite aos nove filhos a técnica de trabalhar a madeira. Itamar (falecido em 2004) é o primeiro dos irmãos a iniciar-se na escultura, aos dez anos de idade. No início eram imagens de Cristo, santos e anjos até encontrar seu imaginário próprio: montanhas com macacos saindo de grutas e os leões. Os outros irmãos (José, Valdir, João, Eleusa, Eliana, Vicentina, Maria e Antonio) se voltaram para a escultura em madeira devido ao êxito de Itamar. Uns se especializaram em montanhas com pássaros de asas espalmadas e serpentes em alto- relevo, outros em blocos de madeira nos quais são cavadas pequenas grutas de onde emergem cães, onças com filhotes, lobos, tatus. Na vizinhança há outros da família: Anésio Julião (Anésio Geraldo da Silva), Ari, Antonio e Márcio Julião (Márcio Geraldo Luz da Silva), filho de Anésio. Suas obras foram expostas em Paris (1987) na exposição "Brésil, Arts Populaires" e na Mostra do Redescobrimento na Fundação Bienal, em São Paulo (2000). LÉLIA COELHO FROTA , PEQUENO DICIONÁRIO DA ARTE DO POVO BRASILEIRO - PÁG. 261 A 263.

297 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 12.000,00 Mulata - dl - 40 x 30 - ci - 12.5.1963
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

298 - TARSILA DO AMARAL - (1890 - 1973)
Base: R$ 1.500,00 Paisagem Antropofágica - dl - 8 x 16 - cid
Procedente da coleção do crítico de arte José Henrique Fabre Rolim, São Paulo. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 037 deste catálogo.

299 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 2.000,00 Parati - ost - 42 x 50 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

300 - PEDRO WEINGÄRTNER - (1856 - 1929)
Base: R$ 22.000,00 Paisagem - ost - 30 x 45 - cie - 1888 - Roma
Ex-coleção Roberto Ybarra Silveira - São Paulo. - Reproduzido no convite deste leilão.Pintor gaúcho de origem alemã, Weingärtner estudou no Brasil, Alemanha e Itália, residindo por longos anos na Europa. Ao retornar ao Brasil, dedicou-se a temática gauchesca, que lhe motivou os trabalhos mais sensíveis. Um dos pioneiros da gravura de arte no Brasil. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 343; BENEZIT, vol. 10, pág. 675; TEODORO BRAGA, pág. 246; REIS JUNIOR, pág. 220/224; MEC, vol. 4, pág. 506/507; LAUDELINO FREIRE, pág. 386; PONTUAL, pág. 551/552; WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 438/439; MAYER/84, pág. 1268; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 443; ARTE NO BRASIL, pág. 560; RGS, pág. 402; PEDRO WEINGÄRTNER;

301 - NICOLA PETTI - (1904 - 1983)
Base: R$ 300,00 " Pastagem " - ose - 13 x 18 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 032 deste catálogo.

302 - MITSUTAKA KOGURE - (1938)
Base: R$ 400,00 Igreja - ost - 53 x 45 - cid - 1981
No estado. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 052 deste catálogo.

303 - YUJI ARIMIZU - (1952)
Base: R$ 400,00 Retirantes - ost - 82 x 70 - cie - 1981
Filho do artista plástico Konosuke Arimizu, o autor sempre teve um relacionamento com a pintura desde a sua infância. Interessou-se cedo pela pintura primitiva, recebendo influência de Portinari. São marcantes suas figuras, cafuzas, vestindo geralmente roupas amarelas. Expôs com premiações em São Paulo, Sorocaba, São José dos Campos, Santos, tendo participado de coletivas no exterior.

304 - ELZA DE OLIVEIRA SOUZA - (1928 - 2006)
Base: R$ 500,00 Casal - osc - 31 x 19 - cie
Pernambucana do Recife. Esta importante pintora iniciou suas atividades com o prof. Ivan Serpa. Integrou o grupo de nordestinos que se apresentou na Galeria Giro, no RJ, em 1968. Seu interesse pelo registro da figura humana é praticamente exclusivo. Walmir Ayala afirma: " ... O biotipo que Elza repete obcessivamente, diz respeito ao povo de sua família conterrânea. São gente do povo, sem sofisticação, despojada do requinte civilizatório, mas embebida de um outro requinte, que diz respeito 'as latadas, trepadeiras em flor, animais domésticos, temáticas." JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 313, Acervo FIEO.

305 - VITTÓRIO GOBBIS - (1894 - 1968)
Base: R$ 450,00 Nu - dn - 34 x 48 - cid - 1937
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 145 deste catálogo.

306 - KASUO WAKABAYASHI - (1931)
Base: R$ 300,00 Dobraduras - ser. 43/120 - 100 x 70 - cid - 2005
Pintor natural da cidade japonesa de Kobe. Inicia seus estudos na Escola Técnica de Hikone, em Shiga (Japão), em 1944. Em 1946, inicia aprendizado de pintura a óleo. Torna-se membro do Grupo Babel, composto por Rokuichi, Kaibara, Ko Nishimura e outros. Em 1952 monta seu atelier. Em 1961, vem para o Brasil e radica-se em São Paulo, onde integra-se ao Grupo Seibi. Em 1966, é convidado para ser membro do júri do 10º Salão do Grupo Seibi de Artistas Plásticos, salão em que ganha a Grande Medalha de Ouro, na edição de 1963. Em 1968, naturaliza-se brasileiro. Entre 1963 e 1967, participa de várias edições da Bienal Internacional de São Paulo, recebendo o Prêmio Aquisição do Itamarati na 9ª edição. Em 1984, participa da exposição itinerante por Europa e América, Mestres do Abstracionismo Brasileiro; em 1994, participa da Bienal Brasil Século XX, na Fundação Bienal de São Paulo. Em 2001, realiza exposição individual comemorativa dos seus 70 anos, na A Galeria em São Paulo. TEIXEIRA LEITE, pág. 540; PONTUAL, pág. 550; ITAÚ CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 939, Acervo FIEO.

307 - RUBEM VALENTIM - (1922 - 1991)
Base: R$ 300,00 " Emblema " - ser. 101/140 - 83 x 60 - cid - 1981
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 051 deste catálogo.

308 - INOS CORRADIN - (1929)
Base: R$ 3.000,00 " Casas de pescadores " - ast - 60 x 80 - cie e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 117 deste catálogo.

309 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 300,00 Cangaceiro - ser. 62/150 - 76 x 56 - cid - 2003
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

310 - MENASE WAIDERGORN - (1927)
Base: R$ 700,00 Jogando xadrez - ost - 23 x 30 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 150 deste catálogo.

311 - GREGORY FINK - (1946)
Base: R$ 900,00 " Dualidade " - tm - 60 x 37 - cid
Natural de Londres, Inglaterra (6/9/1946). Pintor, desenhista e gravador ativo em São Paulo, com diversas exposições. JULIO LOUZADA, vol. 12 , pág. 159

312 - YOLANDA MOHALYI - (1909 - 1978)
Base: R$ 350,00 Composição - xilo. 92/100 - 31 x 45 - cid - 1972
Pintora, desenhista e professora. Formação artística na Academia Real de Belas Artes de Budapest. Ativa em São Paulo a partir de 1931. Fez parte do Grupo dos Sete, juntamente com Victor Brecheret, Gomide e outros. Participante de diversas Bienais de São Paulo, entre 1951 e 1967, recebendo diversas premiações TEIXEIRA LEITE, pág. 331; PONTUAL, pág. 363; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 584; ARTE NO BRASIL, pág. 937; LEONOR AMARANTE, pág. 75; Acervo FIEO.

313 - MARIE LOUISE MATTOS - (1916)
Base: R$ 500,00 Vista de Paris - osc - 34 x 26 - cid - 1963 - Paris
Nascida em Paris, França, filha do escultor Antônio Pinto de Mattos. Pintora, cresceu em ambiente de intensa produção artística, tomando gosto pela arte desde muito criança. Transferiu-se para o Brasil na dec. de 40, passou a frequentar o Liceu de Artes e Ofícios do RJ, onde foi aluna de Armando Viana (1946). Já no ano seguinte recebia Menção Honrosa no SNBA. Nesse mesmo salão conquistou ainda a Medalha de Prata (1951). Ganhadora de prêmio viagem 'a Europa (1960), participou de salões na capital da França. Algumas de suas obras encontram-se no MNBA-RJ. JULIO LOUZADA, vol. 1 pág. 610, Acervo FIEO.

314 - JOSÉ SABÓIA - (1949)
Base: R$ 700,00 Colhendo mangas - ast - 60 x 80 - cie
Nascido em Almadina (BA). Indo para o Rio de Janeiro em 1967, começou a pintar no ano seguinte, passando a expor seus trabalhos na Feira Hippie de Ipanema. Sua primeira individual deu-se em Fortaleza em 1970; a partir de então, tem exposto com freqüência no Rio de Janeiro e em São Paulo. A pintura de Sabóia partiu de uma raiz eminentemente popular, tendo atingido depois um rebuscamento que se traduz no caprichoso desenho de linhas recurvas, na pincelada lisa, impessoal, no colorido reduzido a três ou quatro tons básicos e na composição, dotada daquele inconfundível horror vacui dos ingênuos. JULIO LOUZADA vol. 11, pág. 278; ARTE NAIF NO BRASIL, pág. 228; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

315 - MANOEL FARIA - (1895 - XX)
Base: R$ 500,00 Paisagem de Petropólis - ost - 27 x 41 - cie e d - 1965
Pintor e professor. Estudou com Eurico Alves no Liceu de Artes e Ofícios do RJ. Em 1915 tranferiu-se para antiga ENBA, onde foi aluno de João Baptista da Costa, Lucilio de Albuquerque e Rodolfo Chambelland. Manoel Faria é pintor fiel às cores da natureza, aceitando os caprichos do cromatismo da terra brasileira. JULIO LOUZADA vol.1, pág.371, Acervo FIEO.

316 - ROSALVO RIBEIRO - (1865 - 1915)
Base: R$ 2.000,00 Maceió - osm - 12 x 17 - cid
Pintor, poeta, professor e músico. Retratista e paisagista, pintor de cenas históricas, de formação acadêmica. Nasceu e faleceu na cidade de Maceió, AL. Rosalvo Ribeiro tem grande parte de suas telas voltadas para a temática militar, especialmente cenas da guerra na França. Dedicou-se desde criança ao desenho de figuras e paisagens, tendo exposto, muito jovem, trabalhos a óleo e a crayon. Cursou a Imperial Academia de Belas Artes no Rio de Janeiro. Frequentou a Academia Julien em Paris, sendo discípulo de Edouard Detaille e de Jules Lefebvre. Além do Salon de Paris, o autor participou do SNBA-RJ obtendo Menção Honrosa de Primeiro Grau (1906 e 1907). Também foi incluído na Exposição Retrospectiva da Pintura no Brasil, realizada no Rio de Janeiro (1948), sob os auspícios do MNBA. JULIO LOUZADA, vol 1 pág 821

317 - JOÃO HENRIQUE - (1935)
Base: R$ 600,00 Bananeiras - g e - 50 x 80 - cid e d - 1968
João Henrique Cursio Allemand, pintor e desenhista autodidata, nasceu em Muqui, ES. Em 1952 transferiu-se para o Rio de Janeiro. A partir de 1965 começa a apresentar seus trabalhos em mostras coletivas e, em 1978, instala um ateliê em Cabo Frio, RJ. Exposições individuais: Rio de Janeiro (1967, 1973, 1978); Brasília, DF (1972, 1979); Curitiba, PR (1975); Porto Alegre, RS (1981, 1983); Roma, Itália (2010); Cachoeiro do Itapemirim, ES (2010). Coletivas: Rio de Janeiro (1965, 1968); São Paulo (1972). JULIO LOUZADA VOL.1, PÁG.497; VOL.3, PÁG.549; MEC VOL.2, PÁG.336; ITAU CULTURAL; ww.gazetaonline.globo.com.

318 - WILLY JOHANN GUTBROD - (XX)
Base: R$ 300,00 " Barcos em reparo " - ose - 46 x 37 - cid - 1987
Pintor expressionista natural de Wurtemberg, Alemanha, transferindo-se para o Brasil em 1922. Foi premiado com a Medalhas de Bronze no SNBA-RJ em 1969, e de Prata em 1972. Recebeu também o Prêmio Viagem ao Estrangeiro em 1973. "Dedicado a revelar a vida do povo, não se desgasta num esquema socializante de protesto, ou pelo menos não sacrifica a inocência de sua pintura a uma pretenciosa posição de crítica. A realidade do cotidiano popular surge vertido de limpesa, alegria e decisão, servindo de pretexto, como nos sambas de partido alto, a um rico jogo de formas a cores, à luz do dia, com saúde e garra." - Walmir Ayala, Rio de Janeiro, abril de 1979.

319 - EUGÊNIO ACOSTA - (1896 - XX)
Base: R$ 1.000,00 Paisagem - ost - 60 x 100 - cid
Nascido EUGÊNIO ACOSTA MEDINA. Pintor espanhol que foi ativo no Rio de Janeiro. JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 274; TEODORO BRAGA; ACERVO FIEO, pág. 143.

320 - IGNÁCIO DA NEGA (IGNÁCIO RAMOS DA SILVA) - (1945)
Base: R$ 300,00 "Cortadores de Cana" - ast - 20 x 30 - cid e d - 2011
Natural de Surubim, PE. Iniciou-se na decoração de andores de procissão, ajudando a sua mãe. Recebeu orientação de Alaerte Bandim. Em São Paulo, orienta-se com M. Boy e Iracema Arditi. Seu tema preferido são as cenas típicas do nordeste. Participou de diversas exposições coletivas e individuais. JULIO LOUZADA, vol. 2, pág. 511. Acervo FIEO. -

321 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 300,00 Peixe - lito. os 10/100 - 23 x 16 - csd - 1996
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

322 - LUIZ VERRI - (1912 - 1990)
Base: R$ 500,00 Paisagem Mineira - ost - 65 x 50 - cid e d - 1984
Natural de Pirassununga - SP, cursou a partir de 1932 a Escola de Belas Artes de São Paulo, travou amizade com Francisco Rebolo, Volpi, Penacchi , Zanini e todos os demais integrantes do histórico grupo Santa Helena. Participou de diversas coletivas a partir de 1945, inclusive do SNBA - RJ, em 1954 e 1958 recebendo medalhas de bronze e de prata, respectivamente. Sua pincelada impetuosa, traz emoção e arrojo. Uma pintura exprecionista. MEC, vol. 4, pág. 470; JULIO LOUZADA, vol. 2, pág. 1033; ITAU CULTURAL, Acervo FIEO.

323 - CARLOS LOUSADA - (1905 - 1984)
Base: R$ 1.300,00 " Santa Tereza " - osm - 46 x 55 - cie - 1963
Autodidata, começou a pintar em 1956 e já nesse ano foi aceito no Salão Ferroviário promovido pelo Ministério da Viação. Participou do Salão Nacional de Arte Moderna de 1962 a 1969, recebendo o certificado de Isenção de Júri em 1967, e da Bienal da Bahia em 1966, assim como da mostra " Três Primitivos ", na Galeria Relevo, Rio de Janeiro (1965). Realizou mostras individuais no Museu de Arte Moderna da Bahia (1964), e na Galeria Rosalvo Ribeiro, de Maceió (1965), e em conjunto com Heitor dos Prazeres e Ivan Moraes no Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro (1966).

324 - SHEILA CHAZIN - (XX)
Base: R$ 300,00 Floresta - ose - 19 x 27 - cid - 1976
Pintora natural de Bucareste, Romênia, radicada no Brasil. Participou de várias exposições coletivas e Salões oficiais. JULIO LOUZADA, vol.4, pág. 258.

325 - ANTONIO POTEIRO - (1925 - 2010)
Base: R$ 350,00 Manjedoura - ser. 16/180 - 71 x 80 - cid
Português de Braga, viveu em São Paulo e Minas Gerais, radicando-se definitivamente em Goiânia, desde 1967. O sobrenome artístico Poteiro vem das obras em barro e cerâmica que trabalhou por mais de 12 anos, até se transformar no pintor original e vigoroso que foi. Amigo de Siron Franco, seu grande incentivador na pintura. WALMIR AYALA, vol. 2, pág. 217; TEIXEIRA LEITE, págs 31 e 32; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 808; LEONOR AMARANTE, pág. 294, Acervo FIEO.

326 - ROBERTO DE ALMEIDA - (1940)
Base: R$ 300,00 Pescadores - ost - 38 x 46 - cie
Pernambucano do Recife, este artista foi aluno do curso regular da Escola de Belas Artes da Universidade de Munique, Alemanha. Em 1964 participa da fundação do Atelier e Galeria do Mercado da Ribeira, em Olinda, onde também lecionava História da arte. Exposições individuais e coletivas no Rio de Janeiro e coletivas em Salvador e Recife. JULIO LOUZADA, vol.1 pág. 51.

327 - GLYCÉRIO GERALDO CARNELOSSO - (1921 - 2009)
Base: R$ 600,00 Paisagem - ost - 50 x 63 - cie
Nasceu em Boa Esperança do Sul, SP, no dia 5 de dezembro. Pintor e escultor, estudou com José Barchita e Angelo Simeone, recebendo orientação de Laurindo Galante no campo da escultura. Segundo o crítico Paulo Mendes, "Carnelosso é doublé de escultor e pintor. Já por isso, é o sentido das massas, nas formas em sua plasticidade, o que prepondera em sua pintura, na qual o colorido é frequentemente surdo. Sua tendência é a do realismo poético (...)" . PONTUAL, pág. 111; MEC, vol. 1, pág. 359; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 172; JULIO LOUZADA, vol. 1, pág. 213; ITAÚ CULTURAL, Acervo FIEO.

328 - EDUARDO MORI - (1943)
Base: R$ 2.000,00 Composição - ost - 50 x 40 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 008 deste catálogo.

329 - ARLINDO MESQUITA - (1924 - 1987)
Base: R$ 300,00 Composição - a - 48 x 33 - cie - 1969
Pintor figurativo de orientação tradicional, Arlindo Mesquita foi autodidata, e começou a pintar e esculpir aos 13 anos. Natural de Arcoverde, PE, transferiu-se para Recife, onde ingressou aos 15 anos na Escola de Aprendizes Marinheiros daquela cidade, servindo até 1944 na Marinha. Desde então fixou residência no Rio de Janeiro, onde foi desenhista de publicidade e pintor expositor frequente do SNBA. No II Salão Pancetti, realizado naquela cidade, em 1967, obteve prêmio de viagem a Paris. JULIO LOUZADA vol.11, pág. 212; PONTUAL pág. 359; MEC vol. 3, pág. 142; TEIXEIRA LEITE, pág. 323; ITAU CULTURAL.

330 - ALFREDO VOLPI - (1896 - 1988)
Base: R$ 300,00 Fachada - lito. 152/200 - 92 x 63 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 010 deste catálogo.

331 - OLIMPIO DOS SANTOS BEZERRA - (1951)
Base: R$ 300,00 Destino - ost - 27 x 35 - cid e d - 1979
Com dedicatória. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 011 deste catálogo.

332 - DOROTHY BASTOS - (1933)
Base: R$ 400,00 Composição - xilo. 8/15 - 52 x 35 - cid - 1959
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 202 deste catálogo.

333 - ELIAS LUIS DA SILVA - (1926)
Base: R$ 300,00 "Coral" - ose - 24 x 33 - cie e d - 1975
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 013 deste catálogo.

334 - ROBERTO PARAGÓ - (1941 - 1996)
Base: R$ 500,00 " Ilha da Conceição " - ose - 27 x 41 - cid e d - 1985 - Niteroí
Pintor ativo no Rio de Janeiro, foi discípulo de Aluísio Valle e Jair Picado. Participou do SNBA em 1968, e do Salão da Sociedade dos Artistas Nacionais no mesmo ano. Expôs individualmente em São Paulo, na Galeria Tableau, desfrutando de excelente acolhida de crítica e público. MEC, vol. 3, pág. 333; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 237; ITAÚ CULTURAL.

335 - AUTOR DESCONHECIDO, SÉC. XX -
Base: R$ 1.400,00 Paisagem - ost - 50 x 70 - cid ileg.

336 - NELSON NOBREGA - (1900 - 1997)
Base: R$ 350,00 Mulher - ost - 65 x 52 - cid - 1939
Natural de Piracicaba, SP. Pintor, desenhista e professor. Estudou na Escola Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro. Optou pela pintura moderna, integrando a Familia Artística Paulista no final da década de 30. Pintor de temática variada, destacou-se pelo seu estilo próprio. A sua primeira individual aconteceu em 1926, dando inicio a uma carreira brilhante e muito destacada no cenário nacional. JULIO LOUZADA, vol. 1 pág. 677; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 584.

337 - INOS CORRADIN - (1929)
Base: R$ 300,00 Paisagem - lito. 18/200 - 50 x 70 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 117 deste catálogo.

338 - EUGÊNIO BASSI - (1935)
Base: R$ 500,00 Pescadores - ost - 40 x 50 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 018 deste catálogo.

339 - BELMONTE, BENEDITO BASTOS BARRETO - (1887 - 1947)
Base: R$ 500,00 Gaúcho - dn - 30 x 22 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 022 deste catálogo.

340 - HARRY ELSAS - (1925 - 1994)
Base: R$ 1.100,00 Sábio - ost - 70 x 50 - csd - 1980
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 093 deste catálogo.

341 - ANTONIO AUGUSTO MARX - (1919 - 2008)
Base: R$ 500,00 Figura - ost - 70 x 70 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 021 deste catálogo.

342 - CARLOS PAEZ VILARÓ - (1923)
Base: R$ 2.500,00 Gato - tm - 75 x 55 - cid - 2002
Com certificado de autenticidade firmado pelo autor, no dorso.Importante artista uruguaio, nascido em Montevideo, em 1/11/1923. Desde cedo envolveu-se com as artes gráficas, trabalhando na imprensa em Barracas e Avellaneda, em Buenos Aires. Com paixão desenfreada, o autor passou a dedicar-se inteiramente nos temas do Candomblé e da dança afro-oriental. Esses mesmos temas o motivaram a fazer uma longa viagem aos países onde a raça negra predomina, tais como Senegal, Liberia, Congo, etc, com uma produtiva passagem pelo Brasil. Conheceu Picasso, Dali, De Chirico e Calder em seus ateliês. Participou de diversas exposições e realizou muitos murais por onde andou, sempre com muito sucesso de público e crítica.

343 - ALICE GONSALVES - (1901 - 1987)
Base: R$ 500,00 Natureza morta - osm - 37 x 46 - cid
Pintora paulista, com diversas participações em exposições coletivas nacionais. Recebeu menção honrosa no Salão Paulista de Belas Arte de 1949. MEC, vol. 2, pág. 276; JULIO LOUZADA, vol, 5 pág 447

344 - ALCIDES CRUZ - (1913 - 1988)
Base: R$ 400,00 Paisagem com barco - ost - 38 x 46 - d
Este excepcional e importante pintor de paisagens e de figuras, é natural do Rio de Janeiro, onde estudou com Henrique Cavalleiro na ENBA. Participou por diversas vezes no SNBA e de outros Salões nacionais, obtendo o reconhecimento de público e crítica. WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 224; TEIXEIRA LEITE, pág. 138; JÚLIO LOUZADA, vol. 9, pág. 230; ITAÚ CULTURAL.

345 - JOSÉ GUERRA - (1941)
Base: R$ 1.000,00 Vênus alada - m em b - h = 34 - ass.
Pintor e escultor, desenvolveu seus estudos de escultura na Escola de Artes Plásticas de Madrid. Também estudou escultura e pintura na Real Escola de São Fernando e na Real Academia de Madrid. Completou seus estudos com o escultor BENJULLE, obtendo o primeiro prêmio de escultura em 1955 na Escola de Artes Plásticas de Madrid e o primeiro prêmio em 1956 da Real Escola de São Fernando também em Madrid. Participou de diversas exposições na Alemanha, França, Espanha, Inglaterra, Estados Unidos, Venezuela e Brasil. JULIO LOUZADA, vol. 6, pág. 473.

346 - JENNER AUGUSTO - (1924 - 2003)
Base: R$ 300,00 Natureza morta - ser. 32/100 - 63 x 44 - cid - 1992
Natural de Aracajú, SE, fixou-se em Salvador a partir de 1949. Juntamente com Mario Cravo Júnior, Carybé e Genaro de Carvalho, trabalhou pela renovação das artes plásticas da Bahia (1950). Seus temas preferidos são os alagados, marinhas e sacros. MEC vol.1, pág.148; PONTUAL, pág. 279; JULIO LOUZADA vol.11, pág. 157; WALTER ZANINI, pág. 717; ARTE NO BRASIL, pág. 874; LEONOR AMARANTE, pág. 75, Acervo FIEO.

347 - LOIO PÉRSIO - (1927 - 2004)
Base: R$ 500,00 Composição - a - 26 x 25 - cid - 1961
Pintor, desenhista, gravador, ilustrador, artista gráfico e publicitário, Loio PérsioNavarro Vieira de Magalhães nasceu em Tapiratiba, SP e faleceu no Rio de Janeiro. Iniciou os estudos artísticos com Guido Viaro, em Curitiba, PR.Transferiu-se para o Rio de Janeiro e completou sua formação estudando pintura com Ado Malagoli e cenografia com Santa Rosa (1949- 1950). Em 1951, retornou a Curitiba e fundou o Centro de Gravura do Paraná. Em1953, trabalhou em ateliê comum com o pintor, desenhista e gravador alemão Gunther Schierz, discípulo de Käthe Kollwitz. Transferiu-se para São Paulo em 1958.Com o prêmio de viagem ao exterior, concedido pelo Salão Nacional de Arte Moderna em 1963, viajou para a Europa, no ano seguinte. Foi convidado a trabalhar na Escola Superior de Arte de Stuttgart, Alemanha, em 1965. Entre 1975 e 1976, viajou para Roma, Londres e, em Paris, tornou-se pintor residente na Fundação Karoly. Em 1981, mudou-se para Belo Horizonte, onde lecionou desenho e pintura na Escola Guignard. Em 1995, fixou-se novamente em Curitiba. Realizou inúmeras exposições individuais e participou devárias mostras coletivas, Salões oficiais no Brasil e exterior ganhando muitos prêmios. ITAU CULTURAL; MEC VOL. 3, PÁG.391; PONTUAL, PÁG. 318; JULIO LOUZADAVOL. 5, PÁG.584; VOL.7, PÁG. 404.

348 - NERÃO - (ANTONIO JOAQUIM NERY) - (1903 - 1997)
Base: R$ 1.200,00 " Sítio " - ost - 38 x 46 - cid - 1986
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 028 deste catálogo.

349 - LUIZ SÁ - (1907 - 1979)
Base: R$ 300,00 " Quando chuvê...eu volto " - a - 31 x 23 - cie - 1978
Com dedicatória.Natural do Ceará, único caricaturista do país a realizar cartuns para cine-jornais nacionais, atuou em vários outros veículos de comunicação, tornando-se o primeiro caricaturista multimídia brasileiro. O artista também foi um dos precursores do desenho animado no Brasil, cartunista sanitário e o criador gráfico do bonequinho das críticas cinematográficas do jornal O Globo, criado em 1938, e que até hoje indica a cotação dos filmes. Teve seus primeiros desenhos publicados, em 1927, na imprensa cearense. Sua trajetória estendeu-se de 1930 a 1979, com um traço original, abrindo caminho para a modernidade do desenho de humor em nosso país. www.museuhistoriconacional.com.br; www.overmundo.com.br.

350 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 8.000,00 " Vaso de flor " - ast - 80 x 60 - cie e d - 2002
Com certificado de autenticidade do Estúdio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

351 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 500,00 Bordel - ser. - 54 x 37 - cid - 1965
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

352 - NICOLA PETTI - (1904 - 1983)
Base: R$ 300,00 " Raio de sol " - ose - 12 x 18 - cie e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 032 deste catálogo.

353 - ROLANDO NATAL SCURZIO - (1931 - 1998)
Base: R$ 500,00 "Venezia" - osm - 55 x 69 - cie e d - 1990
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 033 deste catálogo.

354 - MANABU MABE - (1924 - 1997)
Base: R$ 300,00 Composição - lito. - 21 x 13 - cid - 1996
Pintor autodidata, veio para o Brasil com a família em 1934, fixando-se em Lins-SP, onde trabalhou na lavoura do café; ligado ao abstracionismo informal, até a metade dos anos 50 fez pintura figurativa, especialmente paisagens e naturezas mortas; dedicou-se ainda à tapeçaria. ARTE NO BRASIL, vol. 2, pág. 1050; TEIXEIRA LEITE, pág. 296; PONTUAL, pág. 325/6; MEC, vol. 3, pág. 13; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 644; LEONOR AMARANTE, pág. 83, Acervo FIEO.

355 - FERNANDO COELHO - (1939)
Base: R$ 1.500,00 " Encontro " - astcc - 30 x 60 - cie e d - 1980
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 035 deste catálogo.

356 - BARRICA - (1913)
Base: R$ 600,00 " Camuçim - Ceará " - ost - 41 x 51 - cid
Batizado CLIDENOR CAPIBARIBE DE MOURA. Um dos corifeus da arte moderna no Ceará, onde nasceu. Barrica é pintor e desenhista de tendência expressionista.MEC. Vol.1, pág, 184; PONTUAL, pág.55; WALMIR AYALA, vol.1, pág.84/85. TEIXEIRA LEITE, pág.57; JULIO LOUZADA, vol.10, pág.96; ITAU CULTURAL.

357 - TARSILA DO AMARAL - (1890 - 1973)
Base: R$ 1.800,00 Paisagem Antropofágica - dn - 11 x 18 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 037 deste catálogo.

358 - TARSILA DO AMARAL - (1890 - 1973)
Base: R$ 2.000,00 Paisagem Antropofágica - dl - 9 x 18 - cie
Procedente da coleção do crítico de arte José Henrique Fabre Rolim, São Paulo. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 037 deste catálogo.

359 - PEDRO TORT - (1916 - 2006)
Base: R$ 300,00 Composição - dn e ag - 20 x 30 - cid - 1948
Pintor espanhol, natural de Barcelona. Fixou residência em São Paulo-SP, em 1952, participando desde logo no SPAM, no qual recebeu premiações (1963 e 1966). Figurou também no SNAM, na 7ª e 9ª Bienal de São Paulo e no SACC. Expôs individualmente em galerias paulistanas (1957, 1962, 1963 e 1965). Tem obras no Museu de Arte Contemporânea de Barcelona e no Museu Paul Klee. PONTUAL, pág. 525; ITAÚ CULTURAL.

360 - J. CARLOS - (1884 - 1950)
Base: R$ 1.100,00 " Churchill " - g - 17 x 20 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 040 deste catálogo.

361 - CARLOS SCLIAR - (1920 - 2001)
Base: R$ 7.000,00 Flores - v e c - 55 x 75 - cid e d - 1985 - Ouro Preto
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 083 deste catálogo.

362 - RUBEM LUDOLF - (1932 - 2010)
Base: R$ 2.500,00 Composição - dn - 30 x 23 - cid - 1957/1958
Batizado Rubem Mauro Cardoso Ludolf, o artista nasceu em Maceió-AL. Foi pintor, arquiteto e paisagista, formou-se em 1955 pela Escola Nacional de Arquitetura da Universidade Brasil-RJ. Foi aluno de Ivan Serpa no curso livre de pintura do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM/RJ. Integrou o Grupo Frente entre 1955 e 1956. "Apesar de os artistas concretos do Rio de Janeiro logo terem se desvinculado da ortodoxia do Grupo Ruptura de São Paulo, criando o movimento neoconcreto, Ludolf manteve-se fiel aos princípios teóricos que nortearam o manifesto paulista. Sua obra seguiu regularmente as questões das estruturas seriadas,dos efeitos ópticos orientados pela visão gestáltica do espaço, da cor programada." Ligia Canongia, in PROJETO Arte Brasileira: abstração geométrica 2. Rio de Janeiro: Funarte. Instituto Nacional de Artes Plásticas, 1988. O artista expõe individualmente a partir de 1958 e coletivamente participa de exposições desde 1954. ITAUCULTURAL; TEIXEIRA LEITE, pág. 292; WALTER ZANINI, pág. 676; MEC, vol. 2, pág. 511.

363 - ROSSINI PEREZ - (1932)
Base: R$ 350,00 Composição - ser. 18/50 - 70 x 90 - cid
Gravador e pintor, Rossini Quintas Perez nasceu em Macaíba-RN, mudando-se com a família para o Rio de Janeiro em 1940. Em 1951, freqüenta a Associação Brasileira de Desenho e tem aulas com o pintor Ado Malagoli. Após visita à 1ª Bienal Internacional de São Paulo, em 1951, interessa-se pela gravura. Recebe orientação de Oswaldo Goeldi, Iberê Camargo e, em 1953, de Fayga Ostrower. É assistente de Johnny Friedlaender, com Edith Behring, no Ateliê de Gravura do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, no qual leciona entre 1959 e 1961. No ano seguinte, aperfeiçoa-se em litografia na Rijksakademie, em Amsterdã, como bolsista da Unesco. Reside em Paris de 1962 a 1972. De volta para o Brasil, leciona no Centro de Criatividade da Fundação Cultural do Distrito Federal em 1978. No Rio de Janeiro, entre 1983 e 1986, volta a dar aulas no Ateliê de Gravura do MAM/RJ. "Diante da guerra aberta entre o figurativo e o abstrato, Rossini Perez vai a São Paulo conhecer a 1ª Bienal, trocando, em seguida, a pintura pela gravura. Tal opção deve-se ao seu desejo de ingressar na arte abstrata. Nos anos em que ensina no MAM, resolve suas gravuras com ponta-seca ou combinando diversas técnicas do metal. Constrói composições, contrastando áreas claras e áreas escuras. Essas áreas são, a um tempo, afrontadas e fusionadas, já que cada uma delas tem na outra algo do seu próprio elemento gráfico. Assim, Rossini Perez dá ritmo às composições e as aplaina. Suas gravuras são planejadas; freqüentemente, todavia, são modificadas no processo por lance espontâneo e por acidentes da técnica. Segue esse procedimento mesmo nos trabalhos que faz na Europa, por mais de dez anos, após ter deixado o MAM." Leon Kossovitch e Mayra Laudanna, in: GRAVURA: arte brasileira do século XX. Apresentação Ricardo Ribenboim; texto Leon Kossovitch, Mayra Laudanna, Ricardo Resende. São Paulo: Itaú Cultural: Cosac & Naify, 2000. p. 18. JULIO LOUZADA, vol. 5, pág. 807; ITAU CULTURAL.

364 - THÉO (DJALMA PIRES FERREIRA) - (1901 - 1980)
Base: R$ 1.500,00 Arranjo em Brasília - dn e g - 24 x 40 - cid
Caricaturista, Djalma Pires Ferreira, conhecido como Théo, nasceu na Bahia e veio para o Rio de Janeiro com 21 anos. Publicou seus primeiros trabalhos na "Tarde" (1918 a 1922) e no "Diário de Notícias", Seção Esportes (1919). Foi o divulgador da "Bola do Dia" das colunas de "O Globo" e colaborou no "Malho", "Careta", "Fon-Fon", outras revistas e jornais do Rio de Janeiro e na "Cigarra", em São Paulo. Exposições póstumas: São Paulo (1997, 2003); Belo Horizonte, MG (1997); Campinas, SP (1997); Brasília, DF (1998). ITAU CULTURAL; MEC VOL. 4, PÁG. 384; CARICATURISTAS BRASILEIROS, 1836 - 2001 PÁG. 120.

365 - EDGARD OEHLMEYER - (1909 - 1967)
Base: R$ 1.800,00 Flores - ose - 25 x 20 - csd
Ex-coleção do Dr. Heitor Portugal. -Nasceu em Rio Claro, no dia 31 de maio e falecido em 4 de outubro de 1967. Nessa cidade cursou na Escola Profissional a seção de pintura com o prof. Carlos Hadler. Discípulo de Rocco, foi destacado paisagista e pintor de naturezas-mortas, tendo obtido diversas premiações nos SNBA e SPBA. TEODORO BRAGA, pág. 175; MEC. Vol.3, pág. 291; MAYER/1984, pag. 1070; TEIXEIRA LEITE, pág. 362; PONTUAL, pág. 389; ITAU CULTURAL; Acervo FIEO.

366 - ANTONIO PAIM VIEIRA - (1895 - 1988)
Base: R$ 700,00 "Pescadores em Santos" - psa - 15 x 15 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 053 deste catálogo.

367 - DIONISIO DEL SANTO - (1925 - 1999)
Base: R$ 6.000,00 " Mulher e flor na janela " - ostce - 73 x 60 - ld e d - 1976
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 119 deste catálogo.

368 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 250,00 Marinha - osc - 28 x 18 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

369 - RUBENS GERCHMAN - (1942 - 2008)
Base: R$ 300,00 No espelho - lito. P.A. - 32 x 24 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 012 deste catálogo.

370 - COLETTE PUJOL - (1913 - 1999)
Base: R$ 400,00 Natureza morta - ose - 23 x 30 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 050 deste catálogo.

371 - RUBEM VALENTIM - (1922 - 1991)
Base: R$ 5.000,00 " Emblema 83 " - ast - 50 x 35 - d - 1983 - Brasília/DF
Reproduzido no catálogo da retrospectiva do artista, realizada na Galeria Berenice Arvani - São Paulo. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 051 deste catálogo.

372 - MITSUTAKA KOGURE - (1938)
Base: R$ 300,00 Fachada - ost - 19 x 27 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 052 deste catálogo.

373 - CLÓVIS GRACIANO - (1907 - 1988)
Base: R$ 3.200,00 Flores - mon. - 33 x 26 - cid - 1942
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 041 deste catálogo.

374 - SONYA GRASSMANN - (1933 - 1997)
Base: R$ 400,00 Repouso - ose - 50 x 60 - n/as.
Reproduzido na pág. 20 do catálogo da Exposição da artista no Escritório de Arte James Lisboa - São Paulo.Batizada Anne Marie Elisabeth Graesse, esta importante gravadora nasceu em Burgas, Bulgária , e faleceu em São Paulo. Era filha de pintor alemão e trapezista húngara. Veio para o Brasil em 1950, excursionando pelo país com uma trupe de luta livre. Em 1952, trabalha na Galeria Oxumaré em Salvador. Nesse ano, conhece o gravador e desenhista Marcelo Grassmann, casam-se e passam a viver em São Paulo. Por volta de 1962 começa a pintar; no entanto, é raro expor. Expõe em Individual, na Oficina de Arte, Porto Alegre, 1977; Individual, na Seta Galeria de Arte, São Paulo, 1982 e 1986; Individual, na Performance Galeria de Arte, Brasília, 1987; Coletiva, no Museu Banespa, São Paulo, 1994. "Existem artistas cuja produção, independem de sua vontade pessoal, desafia as verdades estabelecidas não por serem revolucionários ou inovadores. Às vezes, por parecerem distantes do processo histórico. Sonya Grassmann é uma dessas artistas. O seu trabalho é resultado de um imaginário no qual estão ausentes as referências da época, solicitações do século e, até mesmo, as preocupações típicas da sociedade de massa. O universo de Sonya é vagamente medieval. Estas imagens lembram uma Idade Média passada a limpo, vista de grandes sacadas de castelos idealizados. Tudo é particular, organizado e pesado de atmosfera cheia de intenções. Estas intenções podem ser românticas, mórbidas ou de expectantes. Alguma coisa está prestes a acontecer. Cada um percebe e recria a atmosfera que é mais afim." Jacob Klintowitz In: Sonya Grassmann. Brasília, Performance Galeria de Arte, 1987. JULIO LOUZADA vol.1, pág. 439; ITAU CULTURAL; TEIXEIRA LEITE, pág. 229.

375 - CARLOS SÖRENSEN - (1928 - 2008)
Base: R$ 1.000,00 Flores - enc. s/e - 31 x 24 - cie e d - 1972
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 055 deste catálogo.

376 - CARLOS BASTOS - (1925)
Base: R$ 800,00 Salvador - ost - 81 x 55 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 216 deste catálogo.

377 - CARLOS PRADO - (1908 - 1992)
Base: R$ 250,00 Figuras - grav. PA - 39 x 36 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 219 deste catálogo.

378 - DARIO MECATTI - (1909 - 1976)
Base: R$ 5.500,00 Paris - ost - 27 x 40 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 130 deste catálogo.

379 - ANTONIO POTEIRO - (1925 - 2010)
Base: R$ 10.000,00 Benzedor - e em b - h = 53 - ass. - Goiânia
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 325 deste catálogo.

380 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 2.800,00 " Peixe " - ascce - 33 x 45 - cie
Com certificado de autenticidade do Estudio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

381 - EMERIC MARCIER - (1916 - 1990)
Base: R$ 1.000,00 Barcos - dn - 22 x 31 - cid - 1951
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 227 deste catálogo.

382 - RAIMUNDO DE OLIVEIRA - (1930 - 1966)
Base: R$ 3.500,00 Tema Bíblico - tm - 48 x 71 - cie - 1961
Nasceu RAIMUNDO Falcão DE OLIVEIRA, em Feira de Santana, BA. Recebeu da mãe os primeiros rudimentos de pintura e desenho. Autodidata, apresenta os seus trabalhos a partir de 1951. Reside em São Paulo a partir de 1958, aprofundando-se na sua experiência expressionista, com o aproveitamento transfigurador de imagens de velhos santos. Na sua última fase, bem distinta das anteriores, dedicou-se à narração de temas bíblicos, seguindo um estilo que alguns erroneamente ligaram à arte primitiva. TEIXEIRA LEITE, 365; PONTUAL, 394; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 717; ARTE NO BRASIL, pág. 798; Acervo FIEO.

383 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 500,00 Mulata na cadeira de balanço - ser. - 54 x 36 - cie - 1965
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

384 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 400,00 Carnaval - dlc - 15 x 20 - cid - 1952
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 118 deste catálogo.

385 - FERNANDO MAGALHÃES VELLOSO - (1951)
Base: R$ 2.500,00 " Floresta reconstituida Cadmio " - ost - 81 x 60 - cie - 1975
Reproduzido na pág. 215 do livro " História de uma coleção " Banco J.P. Morgan. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 016 deste catálogo.

386 - DJANIRA DA MOTTA E SILVA - (1914 - 1979)
Base: R$ 350,00 Trabalhador - ser. - 53 x 36 - cid - 1974
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 034 deste catálogo.

387 - JOSÉ ANTONIO DA SILVA - (1909 - 1996)
Base: R$ 1.400,00 Paisagem - ost - 23 x 37 - cie e d - 1984
Considerado por muitos críticos e colecionadores como o mais típico dos nossos pintores ingênuos, Silva foi o intérprete da cena rural de São Paulo, num estilo expontâneo em que assomam, por vezes, soluções plásticas inesperadas. MEC, vol. 4, pág. 256; PONTUAL, pág. 493 e 494; TEIXEIRA LEITE, pág. 478; JULIO LOUZADA, vol. 2, pág. 958; ARTE NO BRASIL, vol. 2, pág. 958; BENEZIT, vol. 9, pág. 602; ARTE NAIF NO BRASIL, pág. 227; ITAU CULTURAL; LEONOR AMARANTE, pág. 171; Acervo FIEO.

388 - LUCIANO PINHEIRO - (1946)
Base: R$ 5.000,00 " Naufrágio " - ast - 170 x 120 - ci e d - 1992 - Olinda/PE
Série Percurso da Memória.Pintor, desenhista e gravador, Luciano Pinheiro nasceu em Recife, PE. Integrou-se ao Grupo da Ribeira na Cooperativa das Artes Plásticas Oficina 154, em Olinda, em 1966. Formou-se em arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco, no Recife, em 1973, onde também fez o curso de especialização em Restauração de Monumentos e Conjuntos Urbanos, entre 1974 e 1976. Foi coordenador do trabalho Processo para Organização do Espaço Metropolitano do Recife, na 11ª Bienal Internacional de Arquitetura, em 1973. Em 1982, integrou a Brigada Portinari. Foi para Paris em 1986 e trabalhou no Atelier des Orteaus até 1987. Realizou várias exposições individuais e participou de inúmeras mostras coletivas oficiais no Brasil e no exterior, obtendo muitos prêmios. ITAU CULTURAL; MEC VOL. 3, PÁG. 399; PONTUAL, PÁG.425; www.lucianopinheiro.com.br.

389 - DURVAL PEREIRA - (1918 - 1984)
Base: R$ 3.500,00 Barcos - ost - 60 x 120 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 069 deste catálogo.

390 - NILSON SEOANE - (1930 - 1987)
Base: R$ 500,00 Composição - tm - 71 x 103 - cie - 1964
Natural de Santos, SP, foi pintor, desenhista, gravador e ilustrador. De 1944 a 1948, freqüentou a Escola de Artes Gráficas Professor Nelson Nóbrega, em São Paulo, tendo como mestres Lívio Abramo, Mário Gruber, Antonio Gomide, e Wolfgang Pfeiffer. Entre 1953 e 1958, faz cursos de filosofia, psicologia, teologia, passando, como noviço, por vários Mosteiros da Ordem dos Beneditinos na Bahia. Entre 1957 e 1962, trabalha fazendo ilustrações para os suplementos literários dos jornais O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo. Entre 1960 e 1980, reside em vários lugares, realizando painéis para residências, hotéis, instituições, secretarias. Entre as mostras de que participa, destacam-se: Salão Paulista de Arte Moderna, São Paulo, entre 1955 e 1965 (Medalha de Bronze, 1955; Medalha de Prata, 1959, 1961 e 1963; Prêmio Aquisição, 1960 e 1962); Salão Nacional de Arte Moderna, Rio de Janeiro, 1955 e 1965; Bienal Internacional de São Paulo, de 1963 a 1967; Exposição Internacional de Gravura, no Museu de Arte Moderna de São Paulo, 1972 (Prêmio Aquisição); 100 Obras Itaú, no Museu de Arte de São Paulo, 1985; Projeto Arte Atual Brasil, na Renato Magalhães Gouvêa Escritório de Arte, São Paulo, 1995. Evento no Itaú Cultural: Mostra Individual, Itaugaleria de São Paulo, 1973 e 1980. "O realismo fantástico de Seoane se relaciona talvez com certas formas inusuais de percepção, muito discutidas recentemente a propósito dos efeitos de drogas como o ácido lisérgico e a mescalina. Muitos desenhos coloridos de artistas dão a impressão de matéria de vitrais, com efeitos luminosos surpreendentes. Suas flores têm uma qualidade preciosa especial, que faz recordar as descrições de imagens percebidas sob a influência do ácido lisérgico." . Mário Schenberg in SEOANE. Apresentação de Érico Veríssimo et al. São Paulo: Portal Galeria de Arte, 1972. JULIO LOUZADA, vol. 1 pág. 898; TEIXEIRA LEITE, pág. 472; ITAU CULTURAL; PONTUAL, pág. 485; MEC, vol. 4, pág. 220.

391 - EMANOEL ARAÚJO - (1940)
Base: R$ 350,00 Composição - lito. - 71 x 100 - cid - 1995
Gravador e escultor, o baiano Emanuel Araújo estudou com Henrique Oswald e expõe individualmente desde 1960, já tendo mostrado sua obra em inúmeras cidades do Brasil, Europa, Estados Unidos e Extremo Oriente. Foi Diretor da PINACOTECA do Estado de São Paulo, cujo cargo exerceu com extrema competência. TEIXEIRA LEITE, pág. 190; MEC, vol. 2, pág. 143; PONTUAL, pág. 37; JULIO LOUZADA, vol 1, págs. 68/69 e vol. 11, pág. 18; ITAU CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 846; WALTER ZANINI, pág. 770; Acervo FIEO.

392 - ALDO BONADEI - (1906 - 1974)
Base: R$ 2.000,00 Figura - dn - 32 x 26 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 072 deste catálogo.

393 - MARIA LEONOR APPE - (1933)
Base: R$ 1.000,00 Natureza morta - ost - 90 x 70 - cid - 2011
Nasceu em Santos, SP, no dia 22 de maio, transferindo residência para a Capital com a família em 1942, onde reside e é ativa. Desde cedo acompanhava o trabalho do pai, então pintor amador, que procurava incentivá-la nas artes plásticas. Autodidata, após o falecimento do pai em 1968, dedica-se à pintura, recebendo ensinamentos dos mestres Nestor Peres, Colete Pujol e Waldemar da Costa. A partir de 1990 dedica-se totalmente à pintura e à aquarela; integra a Diretoria da Associação Paulista de Belas Artes, da qual é sócia benemérita e conselheira perpétua. Participou de diversos certames oficiais, com premiações várias, tais como medalhas de bronze e de prata.

394 - HÉLIOS SEELINGER - (1878 - 1965)
Base: R$ 1.100,00 Índias - p - 44 x 44 - ld - 1913 - Paris
Natural do Rio de Janeiro, seu pai era alemão e sua mãe brasileira, descendentes de franceses e gregos. O artista estudou na ENBA (1892-1896), onde foi aluno de Henrique Bernardelli. Recebeu influência do artista alemão Franz von Stuck, na Academia de Belas Artes de Munique, onde ali foram seus contemporâneos Kandinsky, Paul Klee e Franz Marc. SEELINGER decorou o salão nobre do Clube Naval do Rio de Janeiro, a convite do Ministério do Marinha (1910). PONTUAL, pág.481; TEIXEIRA LEITE, pág. 466; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 431; ARTE NO BRASIL, pág. 574.

395 - MARIO GRUBER - (1927)
Base: R$ 3.000,00 " Fantasiado de vermelho " - tm - 50 x 40 - cid e d - 2006
Com certificado de autenticidade firmado pelo autor. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 075 deste catálogo.

396 - HANS GRUDZINSKI - (1921 - 1986)
Base: R$ 300,00 " As lenhadoras " - grav. 17/30 - 56 x 42 - cid - 1966
Nascido em Novi Vrbas, Iugoslávia, e falecido em Mauá-SP, este grande pintor, desenhista, gravador e arquiteto viveu para a arte. Ainda na Europa em guerra, expôs nos corredores do hospital em que convalecia na Alemanha. Emigrou para o Brasil em 1947. Trabalhou por 20 anos na Fábrica de Porcelanas Mauá, criando a primeira porcelana fina do país. Gravador por excelência, Grudzinski deixa uma obra rica, cheia de vida, de sentimentos, sonho e mistério do desconhecido.O MAC-USP e outros museus nacionais possuem obras suas em acervo. JULIO LOUZADA, vol.9 pág. 388; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 707.

397 - TOMOSHIGUE KUSUNO - (1935)
Base: R$ 5.000,00 " Meu sonho " - asp - 100 x 70 - cid e d - 1995
Natural de Yubari, Japão. Pintor, desenhista e gravador. A obra do autor situa-se no limiar entre o formalismo e o objeto. Individuais a partir de 1976, coletivas internacionais em 1982, e premiações diversas. JULIO LOUZADA, vol.4, pág.1101; MEC, vol.2, pág.430 e 431; PONTUAL, págs.295 e 296; TEIXEIRA LEITE, pág.274; WALMIR AYALA, vol.1, pág.452; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 697; ARTE NO BRASIL, pág. 968; LEONOR AMARANTE, pág. 171, Acervo FIEO.

398 - ÉLVIO BECHERONI - (1934 - 2000)
Base: R$ 3.000,00 Jogo de xadrez e gamão - objeto - 56 x 56 - ass.
Escultor e pintor natural de Florença, Itália, onde nasceu a 23/2/1934, e falecido em São Paulo-SP, onde residia e foi ativo. Iniciou suas atividades em 1962, participando no decorrer de sua carreira de diversas e importantes exposições nacionais e internacionais, tais como o Prêmio Juan Miró, em Barcelona, Espanha. Artista que alcançou renome internacional, constando inclusive de catálogo internacional de arte. JULIO LOUZADA, vol. 13, pág. 32

399 - ANATOL WLADISLAW - (1913 - 2004)
Base: R$ 1.800,00 Composição - dn - 22 x 30 - cid - 1959
Pintor e desenhista nascido em Varsóvia, Polonia; faleceu em São Paulo, aos 91 anos de idade. No Brasil desde 1930, fixou residência em São Paulo, naturalizando-se brasileiro. Dedicou-se à pintura e ao desenho a partir de 1946, participando da I à IX Bienal, recebendo diversas premiações. Formado em engenharia no Mackenzie, tornou-se um dos pioneiros da arte abstrata, participando ativamente do movimento Ruptura, ao lado de Valdemar Cordeiro, Lothar Charoux e Luiz Sacilotto. Figura no acervo do MAM-RJ e MNBA de Buenos Aires. JULIO LOUZADA, VOL, 4, pág, 1177. MEC, VOL, 4 pág, 512. TEIXEIRA LEITE, pág, 544. WALMIR AYALA, VOL 2. pág, 442; PONTUAL, pág. 553; ITAÚ CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 921.

400 - SYLVIO PINTO - (1918 - 1997)
Base: R$ 2.600,00 " Baiana " - ost - 100 x 81 - cie
Com certificado do Projeto Sylvio Pinto, firmado por Ubirajara Pinto Carreras. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 080 deste catálogo.

401 - MILTON DACOSTA - (1915 - 1988)
Base: R$ 200,00 Vênus e pássaro - ser. 34/100 - 50 x 60 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 128 deste catálogo.

402 - ALEXANDRE RAPOPORT - (1929)
Base: R$ 450,00 " O músico " - ast - 22 x 16 - cie e d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 082 deste catálogo.

403 - VICENTE LEITE - (1900 - 1941)
Base: R$ 5.000,00 Paisagem - osm - 35 x 24 - cie - 1940 - Rio
Vicente Rosal Ferreira Leite nasceu no estado do Ceará, onde servia na guarda do Palácio do Governo, quando o então governador João Tomé de Sabóia e Silva lhe ofereceu uma bolsa de estudos no Rio de Janeiro, em virtude de seus dotes como desenhista. Na antiga Escola Nacional de Belas-Artes, no Rio, teve Cândido Portinari e Orlando Teruz, entre outros, como seus condiscípulos. De 1920 a 1926 estudou sob a orientação de Lucílio de Albuquerque, Rodolfo Chambelland e João Batista da Costa - de quem sofreu grande influência em sua dedicação às paisagens. Reconhecido e condecorado com menções honrosas em todo país, realizou exposições em diversos estados brasileiros, e também participou de salões em países como Argentina e Estados Unidos. Executou ainda, no Palácio do Governo do Ceará, uma alegoria da Revolução de 1930 - obra onde empregou a técnica pontilhista da última fase dos impressionistas franceses. Suas obras podem ser encontradas no Museu Nacional de Belas-Artes, na Pinacoteca do Estado de São Paulo e no Museu Mariano Procópio, em Juiz de Fora. JULIO LOUZADA, VOL ,10, pág, 487. PONTUAL, pág, 308. MEC, VOL, 2, pág, 468; TEIXEIRA LEITE.pág, 284; ITAÚ CULTURAL.

404 - ALEXANDRE NÓBREGA - (1961)
Base: R$ 7.000,00 Composição - tm s/c - 150 x 100
Arquiteto, pintor, gravador, desenhista industrial e professor, RAPOPORT nasceu no Rio de Janeiro, onde cursou a Faculdade Nacional de Arquitetura da antiga Universidade do Brasil. Fêz aprendizado de gravura na antiga ENBA em 1952. Conquistou menções honrosas em pintura e desenho no SNBA a partir de 1948.
WALMIR AYALA,vol. 2, pág. 237; MEC, vol. 4, pág. 26; PONTUAL, pág. 447; TEIXEIRA LEITE, pág. 431; JÚLIO LOUZADA, vol. 11, pág. 260; ITAU CULTURAL.

405 - IVALD GRANATO - (1949)
Base: R$ 1.000,00 Composição - g - 22 x 14 - cid - 1969
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 090 deste catálogo.

406 - ALBERTO KAPLAN - (1957)
Base: R$ 800,00 Composição - a - 50 x 65 - cie - 1993
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 086 deste catálogo.

407 - JOSÉ PANCETTI - (1902 - 1958)
Base: R$ 15.000,00 Paisagem com figuras - a - 31 x 23 - cie e d
Com dedicatória.Nasceu em Campinas e faleceu no Rio de Janeiro. Filho de italianos chegados a Campinas em 1891. Foi marinheiro por longos anos, tendo aprendido a sua arte a bordo dos navios. Era conhecido como o Pintor Marinheiro. Participou do Núcleo Bernardelli, no Rio de Janeiro, onde conviveu com Milton Dacosta, Ado Malagoli e João José Rescala. Participou do SNBA durante vários anos, recebendo premiações. Sobre o artista assim se manifestou Medeiros de Lima: " ... Juntamente com Alberto da Veiga Guignard, Alfredo Volpi e Lasar Segall, Pancetti retoma na pintura a melhor tradição da paisagística brasileira (...) Mas, de todos, Pancetti foi o que melhor soube captar a fôrça, a exuberância e a luminosidade litorânea brasileira" . TEODORO BRAGA, pág. 130; PONTUAL, págs. 403 e 404; MEC, vol. 3, pág. 332; REIS JUNIOR, pág. 383; ITAU CULTURAL; TEIXEIRA LEITE, pág. 380; WALTER ZANINI, pág. 573; ARTE NO BRASIL, pág. 597; LEONOR AMARANTE, pág. 28.

408 - OFRA GRINFEDER - (1945)
Base: R$ 500,00 Composição - col. - 22 x 7 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 088 deste catálogo.

409 - TITO DE ALENCASTRO - (1934 - 1999)
Base: R$ 300,00 Cães - lito. 39/100 - 50 x 70 - cid - 1994
Pintor, desenhista, gravador e mosaicista, radicou-se em 1961 em São Paulo, após ter estudado no Rio de Janeiro com Abelardo Zaluar, José Morais e Johnny Friedlaender. WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 29; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 6; PONTUAL, pág. 14; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

410 - GUSTAVO ROSA - (1946)
Base: R$ 10.000,00 " Homem " - ost - 65 x 54 - cid - 1977
Com etiqueta da Galeria de Arte Ipanema - Rio de Janeiro/São Paulo, no dorso.Grande pintor paulistano, ganhador de muitos prêmios em Salões Oficiais. Tem exposto regularmente no Brasil e no exterior com grande sucesso. JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 274; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

411 - LOTHAR CHAROUX - (1912 - 1987)
Base: R$ 8.700,00 Linhas - g - 100 x 35 - cid - 1970
Pintor e desenhista austríaco, natural de Viena, transferiu-se para o Brasil em 1928, fixando residência em São Paulo, Estudou no Liceu de Artes e Ofícios da cidade, onde conheceu Valdemar da Costa, com ele fazendo aprendizado de pintura a partir de 1940. Artista estável, sua evolução não sofreu sobressaltos, uma vez formado numa linguagem linear de sensibilidade pessoal, despojada e exigente, rigorosamente artesanal. PONTUAL, pág. 131; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI pág. 645; ARTE NO BRASIL, pág. 798; Acervo FIEO.

412 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 4.000,00 " Gato vermelho " - ast - 57 x 46 - cid e d - 2002
Com certificado de autenticidade do Estúdio Aldemir Martins. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

413 - CAMPOS AYRES - (1881 - 1944)
Base: R$ 2.100,00 Paisagem - ost - 50 x 65 - cid
Natural de Itapetininga, SP, Campos Ayres foi pensionista do Estado de São Paulo para estudar em Paris a partir de 1909, com Henry Royer, Fleury e Laurens. No SPBA obteve prêmios e menções. Dedicou-se especialmente à pintura de paisagem. A PINACOTECA-SP, possui duas telas de sua autoria. Expôs individualmente em São Paulo, nos anos de 1930, 1933 e 1938, com muito sucesso de público e crítica. TEODORO BRAGA, pág. 63; REIS JR., pág. 368; MEC, vol. 1,pág. 41; PONTUAL, pág. 105; WALMIR AYALA, vol. 1,pág. 167; ITAU CULTURAL; ACERVO FIEO, pág. 11, RUTH TARASANTCHI.

414 - ALMIR MAVIGNIER - (1925)
Base: R$ 750,00 Composição - ser. 140/150 - 60 x 60 - ci - 1975
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 254 deste catálogo.

415 - MANOEL SANTIAGO - (1897 - 1987)
Base: R$ 3.300,00 Paisagem - ost - 46 x 55 - cid e d - 1982 - Magé
Com dedicatória. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 100 deste catálogo.

416 - NOEMIA MOURÃO - (1912 - 1992)
Base: R$ 350,00 Ilustração - dl - 24 x 22 - cid
Com estudos no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 133 deste catálogo.

417 - MAURICIO NOGUEIRA LIMA - (1930 - 1999)
Base: R$ 12.000,00 " Variação III " - astce - 85 x 85 - d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 097 deste catálogo.

418 - MESTRE NOZA - (1897 - 1983)
Base: R$ 600,00 Padre Cícero de Juazeiro do Norte - e em mad. - h = 31 - ass.
Gravador, escultor e santeiro, Inocêncio Medeiros da Costa ou Inocêncio da Costa Nick nasceu em Taquaritinga do Norte, PE e faleceu em São Paulo, SP. Por volta de 1910, foi para Juazeiro do Norte, CE, onde freqüentou a oficina do mestre-escultor José Domingos. Foi soldado da polícia, funcionário de estrada de ferro, funileiro e gravou rótulos para marcas de aguardente. A partir de 1930 dedicou-se à xilogravura e à escultura de imagens de santos em madeira. Em 1965, um álbum contendo gravuras de sua autoria, da série Via Sacra, foi publicado em Paris, com apresentação do gravador Sérvulo Esmeraldo. Participou de diversas exposições em Crato, Recife, Rio de Janeiro e Paris com esculturas e xilogravuras. Exposições póstumas: Curitiba (1984); São Paulo (1985 – 18ª Bienal Internacional, 1994, 1998, 2000 – Mostra do Redescobrimento, 2004); João Pessoa (1993); Juazeiro do Norte (1997); Brasília (2001); Penápolis (2001); Rio de Janeiro (2005). ITAU CULTURAL; PONTUAL, pág. 387; MEC, vol. 3, pág. 268; http://www.fundaj.gov.br.

419 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 300,00 Viela - oscce - 26 x 18 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

420 - DJANIRA DA MOTTA E SILVA - (1914 - 1979)
Base: R$ 20.000,00 Feira/Musicos - g - cid - 1962
Par de guaches medindo 24 x 35 cada, ambos assinado e datados. - Reproduzido no convite deste leilão. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 034 deste catálogo.

421 - SAMSON FLEXOR - (1907 - 1971)
Base: R$ 2.700,00 Composição - a - 16 x 22 - cie - 1960
Reproduzido sob o nº 40 em catálogo de Lordello e Gobbi - Escritório de Arte - São Paulo. -Pintor nascido na Romênia, estudou em Paris, onde fez em 1927 sua primeira individual, radicando-se em 1946 em São Paulo, onde faleceu. Foi um dos pioneiros do abstracionismo no Brasil, tendo criado em 1948 o Atelier Abstração. Em 1968 sua obra foi objeto de importante retrospectiva no MAM-RJ. BENEZIT vol. 4, pág. 402; WALMIR AYALA, vol. 1, pág. 313/4; TEIXEIRA LEITE, pág. 198; PONTUAL, pág. 217/8; MEC, vol. 2, pág. 179 e 180; ITAU CULTURAL; ARTE NO BRASIL, pág. 917; LEONOR AMARANTE, pág. 75; WALTER ZANINI, pág. 643, Acervo FIEO.

422 - PAULO VALLE JÚNIOR - (1889 - 1958)
Base: R$ 1.700,00 Marinha - osct - 25 x 34 - cie
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 102 deste catálogo.

423 - RUBEM VALENTIM - (1922 - 1991)
Base: R$ 7.000,00 " Emblema - 86 " - ast - 100 x 73 - d - 1986 - Brasília/DF
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 051 deste catálogo.

424 - CARLOS OSWALD - (1882 - 1971)
Base: R$ 800,00 Paisagem - grav. 57/100 - 30 x 46 - cid
Reproduzido sob o n° 148 do livro Carlos Oswald, editado pelo Museu Nacional de Belas Artes - Rio de Janeiro.Gravador e pintor, ativo no Rio de Janeiro, estudou na Europa; foi o primeiro a fazer gravura em metal com finalidade artística; dedicou-se a temas religiosos, paisagens, cenas de gêneros e retratos. PONTUAL, pág. 397; ARTE NO BRASIL, vol. 2, pág. 1053; ITAÚ CULTURAL.; WALTER ZANINI, pág. 446; Acervo FIEO.

425 - ADRIANA ROCHA - (1959)
Base: R$ 7.200,00 " Série Midway nº 8 " - tm - 90 x 70 - d
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 105 deste catálogo.

426 - GABRIELA DANTÉS - (1914)
Base: R$ 700,00 " Lavadeiras " - ost - 50 x 60 - cie
Com carimbo do Museu Nacional Belas Artes, no dorso.Pintora, escultora e gravadora nascida em Montevidéu, Uruguai. Sua formação artística se iniciou no Uruguai. Chegou ao Brasil em 1950, naturalizou-se brasileira e foi ativa no Rio de Janeiro. Realizou mostras individuais no Rio de Janeiro ( 1953, 1959, 1970) e participou de várias coletivas e Salões oficiais em: Rio de Janeiro (1950 a 1972 - Salão Nacional de Belas Artes e outros); Petrópolis, RJ (1959); Nova Friburgo, RL (1961); Campos, RJ (1962); Salvador, BA (1965); Porto Alegre, RS (1965); Juiz de Fora, MG (1966); Três Rios, RJ (1971); Assunção, Paraguai (1965). MEC VOL. 2, PÁG. 17; PONTUAL PÁG. 158; ITAU CULTURAL.

427 - ROBERTO BURLE MARX - (1909 - 1994)
Base: R$ 12.000,00 " Abstrato " - dn - 58 x 76 - cid - 1980
Reproduzido sob o nº 63 em catálogo de Leilão de James Lisboa - São Paulo. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 107 deste catálogo.

428 - GRYNER - (1917 - 2009)
Base: R$ 2.000,00 " Figuras " - ost - 92 x 65 - cie
Pintor, Rachmyl Mendel Gryner nasceu em Ilza, Polônia. Assina Gryner. Fez seus estudos artísticos na Europa. Transferiu-se para o Brasil em 1935 e aqui se aperfeiçoou no Liceu de Artes e Ofícios - RJ, onde foi aluno de Tomás Santa Rosa e Armando Vianna, entre outros. Cursou ainda cenografia na Escola Nacional de Belas Artes - RJ. Entre 1948 e 1950 voltou à Europa, passando por Polônia, Bélgica e França, expondo seus trabalhos. No Rio de Janeiro expôs individualmente (1966) e, entre 1952 e 1966, participou de Salões oficiais onde foi premiado. Realizou também obras em mosaico no Rio de Janeiro. JULIO LOUZADA VOL.6, PÁG.471; mosaicosdobrasil.tripod.com/id45.html.

429 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$ 3.400,00 Gato - dn - 22 x 16 - cid
Com estudo no dorso. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

430 - MILTON DACOSTA - (1915 - 1988)
Base: R$ 30.000,00 " Vênus " - ost - 55 x 38 - cid e d
- Reproduzido no convite deste leilão. - Reproduzido sob o nº 12 em Catálogo de Leilão de Renato Magalhães Gouveia São Paulo, venda nº 36. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 128 deste catálogo.

431 - SALVADOR DALI - (1904 - 1989)
Base: R$ 1.500,00 Sonho - lito. H.C. - 60 x 46 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 111 deste catálogo.

432 - ATHOS BULCÃO - (1918)
Base: R$ 2.500,00 " Estudo " - dlc - 20 x 20 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 112 deste catálogo.

433 - ANA ANDRADE - (1953)
Base: R$ 600,00 " Paisagem " - mon. - 39 x 59 - cid - 1990
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 113 deste catálogo.

434 - CARLOS VERGARA - (1941)
Base: R$ 800,00 Figuras e cores - lito. 23/50 - 50 x 60 - cid
Carlos Augusto Caminha Vergara dos Santos, importantíssimo artista plástico brasileiro, nasceu na cidade gaúcha de Santa Maria-RS. Gravador, fotógrafo e pintor, transfere-se para o Rio de Janeiro na déc. de 50. Dedicou-se ao artesanato de jóias, que são expostas na 7ª Bienal Internacional de São Paulo, em 1963. Estudou desenho e pintura com Iberê Camargo. Participou das mostras Opinião 65 e 66, no MAM-RJ. Em 1967 produz pinturas figurativas, que revelam afinidades com o expressionismo e a Arte Pop. Atua ainda em colaboração com arquitetos, realizando painéis para diversos edifícios, empregando materiais e técnicas do artesanato popular. Durante os anos 1980, volta à pintura, produzindo quadros abstratos geométricos, nos quais explora, principalmente, tramas de losangos que determinam campos cromáticos. Desde o fim dos anos 1980, emprega pigmentos naturais e minérios, com os quais produz a base para trabalhos em superfícies diversas. Em 1997, realiza a série Monotipias do Pantanal, na qual explora o contato direto com o meio natural, transferindo para a tela texturas de pedras ou folhas, entre outros procedimentos. MEC., vol.4, pág.469; JULIO LOUZADA, vol.1, pág. 1030; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 734; ARTE NO BRASIL, pág. 966; LEONOR AMARANTE, pág. 168.

435 - MARIA TEREZA LOURO - (1963)
Base: R$ 2.500,00 " Cor laranja, dia noite, ela " - l a s/t - 31 x 65 - ci e d - 1999
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 115 deste catálogo.

436 - WESLEY DUKE LEE - (1931 - 2010)
Base: R$ 5.500,00 Figuras - a - 25 x 40 - cie - 11-V-67
Pintor, desenhista, gravador e artista gráfico. Iniciou seus estudos de desenho em 1950, no MASP. Em 1952 viajou para os USA para dedicar-se ao aprendizado de artes gráficas na Parson's School of Design (Nova York). De volta ao Brasil trabalhou no campo da pintura e do desenho, aperfeiçoando-se com Karl Plattner, em São Paulo, em 1957. Em seguida transferiu-se para Paris, onde estudou gravura com Johnny Friedlaender. Participou de diversas exposições coletivas e Bienais no Brasil e no exterior, realizando individuais por todo o Brasil. No catálogo da mostra "O Artista e a Máquina", de 1966, foi dito à seu respeito: "Inquieto, sofisticado, cosmopolita e dotado de um vivaz senso de humor (...) representa no Brasil a vanguarda internacional de pesquisa estética que enfeixa sobre o título de "realismo mágico". MEC, vol.2, pág.465; WALMIR AYALA, vol.1, pág.466; TEIXEIRA LEITE, pág. 282; PONTUAL, pág.305 e 306; JULIO LOUZADA, vol.8, pág.459; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 734; ARTE NO BRASIL, pág. 815; LEONOR AMARANTE, pág. 143. Acervo FIEO.

437 - GASTÃO WORMS - (1905 - 1967)
Base: R$ 1.800,00 Busto - e em g/p - h = 37 - ass. - Déc. 1940
Reproduzido sob o nº 277 em catálogo de leilão de Soraia Cals - Rio de Janeiro.Iniciou sua aprendizagem artística com sua mãe, a pintora Bertha Worms. Foi bolsista em Paris, onde frequentou ateliês de mestres modernos e expões em Salões Oficiais daquela cidade. Paisagista, pintor de naturezas mortas, e de figuras, o autor foi aritsta de orientação moderna, que a gerações mais novas não conhecem suficientemente. TEIXEIRA LEITE, pág. 545; JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 937; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 582; ARTE NO BRASIL, pág. 777.

438 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 45.000,00 " Casas e figuras toscanas " - ose - 80 x 60 - cie e d - 1985
Com etiquetas: ateliê do autor e Galeria de Arte André, no dorso. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 118 deste catálogo.

439 - IBERÊ CAMARGO - (1914 - 1994)
Base: R$ 3.000,00 Ciranda - dn - 30 x 22 - cid - 1954
Natural da cidade de Restinga Seca, RS, e falecido na capital gaúcha. Foi aluno de Salvador Parlagreco e João Fahrion. No Rio de Janeiro, a partir de 1942, estudou pouco tempo na Escola Nacional de Belas Artes, trocando-a pelos ensinamentos de Guignard. Recebeu o prêmio viagem ao estrangeiro em 1947, na Divisão Moderna do Salão Nacional de Belas Artes. Morou dois anos em Paris e Roma, aperfeiçoando-se com De Chirico, Lhote, Achille e Rosa em pintura e Petrucci em gravura. Foi considerado o Melhor Pintor Nacional na VI Bienal de São Paulo, em 1961. MEC, vol.1, pág.328 e 329; WALMIR AYALA, vol.1, pág.156 a 158; JULIO LOUZADA, vol.11, pág.51; TEIXEIRA LEITE, pág.101; PONTUAL, pág.100 e 101; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 573; ARTE NO BRASIL, pág. 853; LEONOR AMARANTE, pág. 127.

440 - MARIO ZANINI - (1907 - 1971)
Base: R$ 20.000,00 São Paulo antigo - ost - 44 x 60 - cid - 1942
- Reproduzido no convite deste leilão. - Reproduzido sob o n.° 99 em catálogo de leilão de Renot de Agosto de 2009 - São Paulo. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 263 deste catálogo.

441 - JAIME HORA - (1911 - 1977)
Base: R$ 1.000,00 Barcos - osm - 37 x 45 - cie
Natural de Salvador, Bahia, desde criança demonstrava talento para as artes. Foi cartazista de cinema. Cursou a Escola de Belas Artes do Estado, consagrando-se na vida profissional como o "pintor dos casarios baianos". Carlos Chiacchio o descreveu como " ...o artista dos motivos regionais pitorescos. Ninguém como Jaime para surpreender uma rua, um beco, uma travessa, com fraldelins guardando nas janelas. A sua visão realista das coisas vai às maravilhas quanto lhe agrada ou lhe é possível trabalhar aspectos urbanos ou suburbanos". Individuais em 1940 e 1994, em Salvador-BA, e coletivas entre 1940 e 1967, com premiações. Obras nos acervos do Museu do Vaticano e MNBA-RJ. JULIO LOUZADA, vol. 7, pág. 334

442 - ALDEMIR MARTINS - (1922 - 2006)
Base: R$ 9.200,00 Peixe - ast - 22 x 16 - cid e d - 1967
Com certificado de autenticidade do Estudio Aldemir Martins. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 001 deste catálogo.

443 - MARIA POLO - (1937 - 1983)
Base: R$ 2.000,00 Composição - ost - 16 x 22 - ci - 1971
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 123 deste catálogo.

444 - DARIO MECATTI - (1909 - 1976)
Base: R$ 3.000,00 Casario - ost - 72 x 72 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 130 deste catálogo.

445 - ANTONIO BANDEIRA - (1922 - 1967)
Base: R$ 5.000,00 Composição - a - 31 x 25 - cid - 1966
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 125 deste catálogo.

446 - HEITOR DOS PRAZERES - (1898 - 1966)
Base: R$ 2.500,00 " Dançarinos " - ost - 50 x 61 - cid - 8.4.63 - Rio
Com autenticação da família do artista, na pessoa do curador da obra, Sr. Heitor dos Prazeres Filho. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 126 deste catálogo.

447 - FULVIO PENNACCHI - (1905 - 1992)
Base: R$ 300,00 "Gran Circo Tiririca" - ser. 49/150 - 70 x 100 - cid - 1990
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 118 deste catálogo.

448 - MILTON DACOSTA - (1915 - 1988)
Base: R$ 3.500,00 Ouro Preto - osm - 33 x 41 - cid - 1935
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 128 deste catálogo.

449 - VALDEIR MACIEL - (1937 - 2005)
Base: R$ 5.000,00 Composição - ost - 70 x 100 - d - 1982
"Díptico".Natural de Bacabal-MA, residiu e foi ativo em São Paulo. Participou de diversas exposições, destacando-se XI ao XVI Salão Paulista de Arte Moderna - Medalha de Bronze (1963 e 1965); 9ª Bienal Internacional de São Paulo. Segundo o crítico Theon Spanudis: "Ao contrário da pintura de Rubem Valentim, que emana sempre poderosas e vibrantes cargas mágicas, imperiosas e afirmativas, a pintura de Valdeir Maciel, nascido em São Luís do Maranhão e radicado em São Paulo, é mais introvertida, silenciosa, escondida em seu misticismo esotérico, mas de enorme amplitude metafísica e religiosa. Às vezes enigmática, mas raramente luminosa, prefere os coloridos sombrios, obscuros e abscônditos. Começando com um tachismo corriqueiro, foi sacudido em 1961 pela primeira exposição neoconcreta de São Paulo. De lá em diante ele virou geométrico. Mas seu construtivismo não tem nada a ver com o concretismo, ou o neoconcretismo, por causa do seu intenso misticismo e profundidade esotérica. No início ele pintava figurações geométricas no meio da tela, cercadas por toda a superfície vazia da tela, figurações como de objetos sacrais e preciosos de religiões e cultos desconhecidos. Mais tarde ele começou a expandir as suas formulações geométricas e construções esotéricas, até ocupar toda a superfície da tela." in SPANUDIS, Theon. Construtivistas brasileiros. São Paulo: o Autor, s.d. WALMIR AYALA, MEC, PONTUAL, pág. 327; TEIXEIRA LEITE, pág. 298; WALTER ZANINI, pág. 688; JULIO LOUZADA, vol. 12, pág. 245. ITAU CULTURAL.

450 - FERNANDO ODRIOZOLA - (1921 - 1986)
Base: R$ 5.500,00 Composição - ose - 81 x 108 - cid - 1978
- Reproduzido no convite deste leilão.Fernando Pascual Odriozola nasceu em Oviedo, Espanha e faleceu em São Paulo. Pintor, desenhista e gravador. Começou a pintar em 1936. Veio para o Brasil em 1953 e fixou residência em São Paulo. No ano seguinte, realizou sua primeira exposição individual na Galeria Portinari. O Museu de Arte Moderna de São Paulo dedicou-lhe outra individual, em 1955. Na década de 1960, lecionou no Instituto de Arte Contemporânea da Fundação Armando Álvares Penteado e colaborou como ilustrador nos jornais O Estado de S. Paulo e Diário de S. Paulo, e na revista Habitat. Em 1964, integrou, com Wesley Duke Lee , Yo Yoshitome e Bin Kondo , o Grupo Austral, ligado ao movimento internacional Phases. Participou das 7ª, 8ª, 9ª, 12ª, 13ª, 14ª, 15ª e 18ª Bienais Internacionais de São Paulo onde foi premiado na 7ª, 8ª, e 14ª edição; da 7ª Bienal de Tóquio; dos 2º e 5º Panoramas da Arte Atual Brasileira, entre outras. No ano de seu falecimento, o Centro Cultural São Paulo (CCSP) realizou uma exposição retrospectiva póstuma em sua homenagem. JULIO LOUZADA VOL.11, PÁG. 231; MEC VOL.3, PÁG.291; PONTUAL PÁG. 389; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI PÁG. 737; ARTE NO BRASIL PÁG.907; LEONOR AMARANTE PÁG. 143; ACERVO FIEO.

451 - VIK MUNIZ - (1961)
Base: R$ 5.000,00 " Medusa " - is/p - 32 cm - ass. - 1999
Peter Norton Family Christmas Project by Vik Muniz. Reproduzido sob o nº 14 em catálogo de Leilão de James Lisboa - São Paulo.Vicente José de Oliveira Muniz nasceu em São Paulo. Fotógrafo, desenhista, pintor e gravador. Iniciou sua formação em São Paulo e, em 1983, passa a viver e trabalhar em Nova York. Realiza, desde 1988, séries de trabalhos nas quais investiga, principalmente, temas relativos à memória, à percepção e à representação de imagens do mundo das artes e dos meios de comunicação. Sua obra também se estende para outras experiências artísticas como a earthwork e as questões envolvidas no registro dessas criações. Tem exposto individualmente e participado de muitas coletivas na: América do Norte, do Sul, Europa e Oriente, entre elas as Bienais de: Düren - Alemanha; Veneza - Itália (2001); São Paulo (1998). ITAU CULTURAL; www.vikmuniz.net.

452 - ALDO BONADEI - (1906 - 1974)
Base: R$ 6.300,00 Flores - gscce - 37 x 26 - csd
Reproduzido sob o n.° 378 em catálogo de Evandro Carneiro Leilões - Rio de Janeiro. - - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 072 deste catálogo.

453 - OSCAR NIEMEYER - (1907)
Base: R$ 3.000,00 Catedral de Brasília - dn - 28 x 41 - cid
Oscar Niemeyer Soares Filho nasceu no Rio de Janeiro. Arquiteto, gravador e urbanista. Forma-se em arquitetura pela Escola Nacional de Belas Artes - ENBA, Rio de Janeiro, em 1934. Nesse ano, passa a freqüentar o escritório do arquiteto e urbanista Lucio Costa. Em 1936, integra a comissão criada para definir os planos da sede do Ministério da Educação e Saúde, no Rio de Janeiro, com a supervisão do arquiteto suíço Le Corbusier, a quem assiste como desenhista. Entre 1940 e 1944 projeta o conjunto arquitetônico da Pampulha, Belo Horizonte - MG, que se configura como um marco de sua obra, pois rompe com os conceitos rigorosos do funcionalismo e utiliza uma linguagem de formas novas, de superfícies curvas, explorando as possibilidades plásticas do concreto armado. Em 1947, é convidado pela Organização das Nações Unidas - ONU a participar da comissão de arquitetos encarregada de definir os planos de sua futura sede em Nova York. Seu projeto, associado ao de Le Corbusier, é escolhido como base do plano definitivo. No Rio de Janeiro, em 1955, funda a revista ‘Módulo’ e no ano seguinte começa a colaborar na construção da nova capital do Brasil, Brasília, cujo plano urbanístico é confiado a Lucio Costa. Participou da I e II Bienal Internacional de São Paulo. Em 1965 é realizada uma retrospectiva sua no Museu do Louvre, Paris, a primeira dedicada a um arquiteto. Projetou inúmeras obras pelo mundo e recebeu vários prêmios. O Parque Ibirapuera (1951), São Paulo, também foi um dos seus grandes projetos. ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, VOL.5, PÁG.744; VOL.6, PÁG.785; MEC, VOL.3, PÁG. 263; DICIONÁRIO OXFORD; www.niemeyer.org.br.

454 - ITZCHAK TARKAY - (1935)
Base: R$ 2.000,00 " St. Germain " - lito. 275/350 - 68 x 120 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 065 deste catálogo.

455 - J. CARLOS - (1884 - 1950)
Base: R$ 3.000,00 Carnaval - g - 32 x 27 - cid
Capa da Revista Careta - Rio de Janeiro. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 040 deste catálogo.

456 - MARIA DA PAZ MECATTI - (1918 - 1976)
Base: R$ 800,00 Porto - ost - 50 x 50 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 108 deste catálogo.

457 - BRUNO GIORGI - (1905 - 1993)
Base: R$ 3.000,00 Figura - e em b - h = 34 - ass.
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 076 deste catálogo.

458 - BRUNO GIORGI - (1905 - 1993)
Base: R$ 2.500,00 Candangos - m em b - h = 30 - ass.
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 076 deste catálogo.

459 - OMAR PELEGATTA - (1925 - 2000)
Base: R$ 2.000,00 Paisagem - ost - 70 x 50 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 048 deste catálogo.

460 - EMILIANO DI CAVALCANTI - (1897 - 1976)
Base: R$250.000,00 "Baianas - Vendedores de Frutas" - ost - 56 x 67 - cid e d - 1967
Com recibo firmado pelo autor, datado de 10 de Janeiro de 1967. - Reproduzido no convite e na capa do catálogo deste leilão. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 031 deste catálogo.

461 - NICOLA PETTI - (1904 - 1983)
Base: R$ 300,00 Paisagem - osc - 12 x 18 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 032 deste catálogo.

462 - MITSUTAKA KOGURE - (1938)
Base: R$ 500,00 Paisagem - ost - 80 x 54 - cid - 1975
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 052 deste catálogo.

463 - ZIRALDO ALVES PINTO - (1932)
Base: R$ 1.200,00 Africano - dn - 30 x 22 - cid
Desenhista, caricaturista, cartunista, ilustrador, jornalista e escritor. Apresenta seu primeiro desenho aos 7 anos de idade no jornal Folha de Minas, em 1939. Em 1949, muda-se para o Rio de Janeiro, onde colabora nos periódicos infantis Vida Infantil, Vida Juvenil e Sesinho e começa a publicar trabalhos na revista A Cigarra. Em 1952 ingressa na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG e realiza trabalhos mensais na revista Era uma Vez. Em 1954, substitui o caricaturista Borjalo (1925 - 2004) no jornal Folha de Minas e colabora no jornal Binômio. Em 1957, muda-se para o Rio de Janeiro e, no ano seguinte, começa a trabalhar na revista O Cruzeiro, onde, dois anos depois, cria o personagem Pererê. Com o sucesso desse personagem, a empresa O Cruzeiro passa a publicar uma revista mensal apenas com suas histórias. No ano de 1963, começa a trabalhar no Jornal do Brasil e, em 1964, na revista Pif-Paf, dirigida por Millôr Fernandes (1923). Em 1967, edita o suplemento dominical Cartum JS, do Jornal dos Sports. No ano seguinte, ganha destaque internacional, e tem seus desenhos publicados em revistas estrangeiras. Integra a equipe de fundadores do jornal O Pasquim, lançado em 1969. Desde então, dedica-se à publicação de livros infantis e, entre muitos títulos, destacam-se Flicts (1969), O Menino Maluquinho (1980) e O Bichinho da Maçã (1982). Em 1982 abandona a direção d'O Pasquim para dedicar-se principalmente à literatura infantil. Em 1999, funda as revistas Bundas - paródia da revista Caras - e Palavra. Em 2002, começa a publicar um novo periódico chamado O Pasquim 21. ITAÚ CULTURAL.

464 - ÉLON BRASIL - (1957)
Base: R$ 1.700,00 Cena do filme " Preparado para matar " - ost - 80 x 80 - cse e d - 2011
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 144 deste catálogo.

465 - VINCENZO IROLLI - (1860 - 1942)
Base: R$ 600,00 Paisagem - a - 25 x 29 - cid
Italiano, o pintor nasceu em Nápoles. Sua obra tem como temática principal os fatos históricos. Expôs em Nápoles, Milão e Veneza. Acervos: Palais de Beaux Arts em Paris e Museu de Mulhouse, França. JULIO LOUZADA vol.5, pág. 504; ART PRICE ANNUAL 2000, pág. 1203; BÉNÉZIT vol 5 pág 728

466 - KASUO WAKABAYASHI - (1931)
Base: R$ 400,00 " Pião " - lito. P.A. - 46 x 46 - cid - 2008
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 306 deste catálogo.

467 - JOSÉ TARANTINO - (1953)
Base: R$ 400,00 " Série Danúbio 6 " - ost - 30 x 40 - cid - 1987
Com etiqueta de Dan Galeria - São Paulo, no dorso.Nasceu em Ribeirão Preto, SP. Frequenta cursos de desenho para adolescentes da FAAP-SP em 1953; estuda pintura e desenho com Oswald de Andrade Filho (1968/1969); pintura com Nelson Nóbrega (1970); e xilo com José Guyer Salles. Sobre a sua obra, assim se manifestou o festejado artista Dudu Santos, por ocasião da exposição das obras do artista na Galeria Dan-SP, em 1989: " ... A idéia de arte deve preceder ao impulso de pintar e deve ter a pretensão de algo novo. Não importa se o resultado se assemelhe a outras ´criações´. Pertence-se a uma família espiritual, a uma corrente criadora. O importante é a célula mater da criação ser em si só princípio novo que impulsione a obra como um todo. Tarantino parte do símbolo centrífugo e infinito, e deste início sua arte caminha e rompe para a criação. A ruptura do movimento centrífugo não é um desligamento agressivo das partes, mas uma explosão natural, paradoxalmente suave.(...)" . Expõe individualmente em 1983, e participa de coletivas a partir desse mesmo ano. ITAU CULTURAL; JULIO LOUZADA, vol. 12, pág 396.

468 - ADRIANA GARIBALDI - (1951)
Base: R$ 300,00 " Paris " - ost - 40 x 33 - cid
Pintora e gravadora argentina, natural de Buenos Aires, onde nasceu a 3/10/1951. No Brasil desde 1978, fixou residência em São Paulo, onde é ativa. Frequentou o ateliê do pintor argentino Jorge Ludueña, em sua cidade natal. Com crítica elogiosa de sua obra, expõe individualmente desde 1983 e coletivamente a partir de 1979, inclusive na Argentina, com premiações. JULIO LOUZADA, vol. 7, pág. 293

469 - HENRIQUE BOESE - (1897 - 1982)
Base: R$ 5.000,00 " Menina com carrinho bebê " - osm - 30 x 31 - cid e d
Com etiqueta de Dan Galeria - São Paulo, no dorso.Natural de Berlim, Alemanha. Pintor. Realizou seus estudos na sua cidade natal, onde foi discípulo de Kothe Kollwitz, entre os anos de 1918 e 1922. Fixou residência no Brasil em 1938, vivendo algum tempo em Caraguatatuba, no litoral paulista. Sua primeira fase foi dedicada 'a pintura expressionista, voltando-se mais tarde para o abstracionismo, gênero em que se fixou e o consagrou. Participou da II, III, V 'a IX Bienal de São Paulo, entre 1953 e 1967, premiado com Isenção do Júri. Realizou exposições individuais no MAM-SP, nas Galerias Seta, São Luiz e Astreia, todas em São Paulo. Participou de exposição em Hamburgo. na Alemanha. JULIO LOUZADA vol. 10 pág. 121; PONTUAL, pág. 78; ITAÚ CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 697.

470 - MENASE WAIDERGORN - (1927)
Base: R$ 700,00 Coroinhas no ateliê - ost - 40 x 30 - cid
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 150 deste catálogo.

471 - GUIMA - (1927 - 1993)
Base: R$ 300,00 Cena fantástica - ost - 19 x 24 - ci
Pintor e desenhista de mérito invulgar, Guima era paulista de Taubaté, residiu por muitos anos no Rio de Janeiro e praticava o figurativismo expressionista, por vezes eivado de notas líricas, de outras descambando para o fantástico. MEC, vol. 2, pág. 306; PONTUAL, pág.257; WALMIR AYALA, vol. 1, págs. 377/8; JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 407; ITAÚ CULTURAL.

472 - YAACOOV AGAM - (1928)
Base: R$ 1.300,00 Composição - ser. 10/99 - 50 x 36 - cid
Obra da série Doze Tribos de Israel.Pintor, escultor e professor, natural de Rishon-le-Zion, Israel. Cursou, em Jerusalém, a Escola de Arte de Bezalel. Depois de ter sido preso, em 1945, pelos ingleses, viaja pela Europa e Estados Unidos. Na Suíça, foi aluno de S. Giedion e Johannes Itten. Em 1951, fixa-se em Paris onde freqüenta o Ateliê de Arte Abstrata e a Academia da “Grande Chaumière”. Na década 60 viaja aos Estados Unidos para ministrar aulas e conferências. Exposições individuais: Paris (1953, 1956, 2002, 2003, 2007); Israel (1956); Bélgica (1958); Inglaterra (1959); Suíça (1962, 2004); Estados Unidos (1966, 1999). Muitas foram as exposições oficiais e coletivas, com destaque: Paris (1955, 1967); São Paulo, SP (1963 – Bienal Internacional). Possui obras em Museus da Alemanha, França, Holanda, Israel, e Estados Unidos. Dentre suas realizações monumentais, pode-se citar: o teto do Centro de Convenções de Jerusalém e um Salão do Palácio de “Elysée”, Paris. BENEZIT, VOL.1, PÁG.51; www.artprice.com.

473 - SERGIO TELLES - (1936)
Base: R$ 4.000,00 " Ilhabela " - ost - 55 x 38 - cie e d - 2209
Com certificado de autenticidade do autor.Pintor, professor e diplomata, estudou pintura na ENBA/Rio; foi discípulo de Levino Fanzeres, Paul Gagarin, Rodolpho Chambelland e Paschoal Valente. Artista de renome internacional, consagrou-se pela sua requintada técnica de composição e domínio da cor. Com exposição retrospectiva programada para o Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro em 2009. TEIXEIRA LEITE, pág. 503; MEC, vol. 4, pág. 380; JULIO LOUZADA, vol. 11, pág. 319; ITAÚ CULTURAL. Acervo FIEO.

474 - ALBERTO ALLENDE - (1937)
Base: R$ 500,00 " Passista " - ost - 73 x 60 - cie e d - 1984
Pintor e fotógrafo espanhol. Radicou-se no Brasil em 1972, tendo antes estudado na Itália, Áustria e Alemanha. Neste último país, após quatro anos de estudo, diplomou-se em engenharia fotográfica. Fotografou as principais capitais brasileiras para a Expo-73 que o governo brasileiro organizou na Bélgica e foi contratado como professor de fotografia e cinema da Universidade de São Paulo para os cursos de Jornalismo e Comunicações. Atualmente reside em São Paulo e pinta paisagens brasileiras. JULIO LOUZADA, VOL.1, PÁG.42; VOL. 2, PÁG. 48.

475 - MÂNLIO MORETTO - (1917)
Base: R$ 350,00 Paisagens - ose - 10 x 20 cada - cie - 1979
Conjunto de 3 quadros do autor. - Ver nota sobre o autor na descrição do lote 155 deste catálogo.

476 - WALTER LEWY - (1905 - 1995)
Base: R$ 2.200,00 Paisagem surreal - ost - 92 x 73 - cid - 1976
Pioneiro do surrealismo, o qual praticava desde que chegou ao Brasil, em 1937, fixando residência em São Paulo. Participou de Salões Nacionais e Bienais de São Paulo, entre 1951 e 1965, recebendo diversas premiações oficiais. JULIO LOUZADA, vol. 10, pág. 497; MEC, vol. 2, pág. 474; TEODORO BRAGA, pág. 245; TEIXEIRA LEITE, pág. 286; ITAU CULTURAL; WALTER ZANINI, pág. 630; LEONOR AMARANTE, pág. 142; Acervo FIEO.

477 - JOÃO HENRIQUE - (1935)
Base: R$ 350,00 Cão - asc - 37 x 56 - cid e d - 1968
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 317 deste catálogo.

478 - GASTÃO FORMENTI - (1894 - 1974)
Base: R$ 350,00 Flores - osm - 26 x 34 - cie - 1954 - Rio
Pintor nascido em Guaratinguetá-SP. Após iniciar-se em arte com Pedro Strina, em São Paulo, foi residir no Rio de Janeiro, onde, com seu pai, dedicou-se à execução de vitrais. Recebeu medalhas de bronze e de prata no SNBA, do qual ainda participava em 1961. TEODORO BRAGA, pág. 98; WALMIR AYALA vol.1, pág.317; ITAÚ CULTURAL; Acervo FIEO.

479 - ÉZIO MONARI - (1935)
Base: R$ 300,00 " Anjo " - osm - 46 x 14 - cie e d
Pintor ativo em São Paulo. Participou do Salão Paulista de Belas Artes de 1961, recebendo menção honrosa. JULIO LOUZADA vol.7, pág.483; MEC vol.3, pág.169, Acervo FIEO.

480 - IGNÁCIO DA NEGA (IGNÁCIO RAMOS DA SILVA) - (1945)
Base: R$ 300,00 "A Barragem de Casinha - Pernambuco" - ast - 20 x 30 - cid e d - 2011
- Ver nota sobre o autor na descrição do lote 320 deste catálogo.